Versões contraditórias marcam investigações sobre a quarta vítima dos cárceres maranhenses em 2014

Versões contraditórias marcam investigações sobre a quarta vítima dos cárceres maranhenses em 2014

Duas versões para a morte de Cledeilson de Jesus Cunha, 29 anos, quarta vítima do sistema carcerário  em 2014, encontrado morto no fim da tarde de quarta-feira na Central de Custódia de Presos de Justiça (CCPJ) de Santa Inês, a cerca de 250 km da capital São Luís, consequência do rosário sem fim de assassinatos e decapitações dentro dos presídios maranhenses.

Numa delas, a Secretaria de Estado de Justiça e Administração Penitenciária (Sejap) do Maranhão informou quinta-feira (23) que “Verruga” ou “Engraxte”, como era conhecido o ladrão e homicida, fora vítima de enforcamento.

Pela  outra versão, a do presidente do Sindicato dos Servidores do Sistema Penitenciário do Maranhão (Sindspem), Antonio Benigno Portela, o preso foi esquartejado e colocado dentro da lixeira, versão que o governo do Maranhão não tem interesse que prevaleça por causa da pressão nacional e internacional para que cesse essa sequência de mortes nos presídios maranhenses.

Essa é a quarta morte registrada este ano no sistema prisional do Maranhão. As outras três foram registradas dentro do Complexo Penitenciário de Pedrinhas. A última delas aconteceu na terça-feira e todas elas  podem ter sido uma reação à transferência de presos, líderes de facções criminosas, para presídios federais de segurança máxima.

Todas as mortes ocorridas dentro dos presídios maranhenses tiveram inquérito abertos para apurar as causas de autorias.

José Machado

José da Silva Machado. Natural de Duque Bacelar - Maranhão, onde nasceu em 14 de junho de l957. Graduado em Comunicação Social, pela Universidade Federal do Maranhão, especialização Jornalismo. Foi repórter, editor e secretário de Redação nos jornais Pequeno, O Imparcial e Diário do Norte, em São Luís. Também foi diretor de Telejornalismo na TV Difusora (Rede Globo), no período 1985/198). Exerceu o cargo de Secretário de Estado de Imprensa e Divulgação do Governo do Estado (2006-2007). É poeta e escritor, tem lançado o livro "As Quatro Estações do Homem" e conclui o livro; "Os vinte contos de réis". Pai de 5 filhos e 1 neto.

Deixe uma resposta