Flávio Dino: máfias e oligarquias roubaram o dinheiro do Maranhão
Flávio Dino reaje a críticas ao projeto de reajuste do ICMS

Flávio Dino: máfias e oligarquias roubaram o dinheiro do Maranhão

O governador Flávio Dino classificou de “máfia” e ladrões do dinheiro público aqueles que distorcem a finalidade do projeto de lei ajustando as alíquotas do Imposto sobre as Operações de Circulação de Mercadorias e Serviços de Transportes e Comunicação (ICMS). O projeto é necessário para que o Estado e municípios mantenham-se em estado de equilíbrio e com capacidade para investimento em programas sociais e obras públicas. “Os que hoje gritam contra “os impostos” são os mesmos que sempre se empenharam em desviar dinheiro público em máfias e falcatruas. Se não tivessem roubado tanto no passado, hoje não teríamos que investir tanto para recuperar o Maranhão do caos social que herdamos“, disparou Flávio Dino, ao acrescentar: “Roubaram mais de bilhão do povo do Maranhão, é público e notório. Eles podiam devolver o que saquearam, eu aceito até parcelado“, afirmou Dino sobre o governo anterior, de Roseana Sarney (PMDB). Ao taxar os críticos de “fariseus”, Flávio Dino diz que estes poderiam ajudar o Maranhão devolvendo o dinheiro público que suas máfias e oligarquias desviaram. “Hoje eu governo com um bilhão e 200 mil reais a menos que o governo anterior, pois foi o que perdemos de transferência federal“, explicou o governador. Projeto enviado pelo governador Flávio Dino à Assembleia Legislativa que trata do reajuste da alíquota do ICMS tem o intuito de manter o equilíbrio financeiro do estado. O objetivo do Governo é manter o ajuste das contas e evitar um futuro colapso financeiro. Mesmo com o alinhamento, o Maranhão praticará alíquotas ainda menores que a maioria dos Estados.

Continuar lendo Flávio Dino: máfias e oligarquias roubaram o dinheiro do Maranhão
Mesa Diretora da Assembleia Legislativa concede reajuste de 10,34% a seus servidores
Deputado Humberto Coutinho, presidente da Mesa Diretora da AL

Mesa Diretora da Assembleia Legislativa concede reajuste de 10,34% a seus servidores

A Mesa Diretora da Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão – comandada pelo presidente, deputado Humberto Coutinho (PDT) – firmou acordo com o Sindicato dos Servidores da Casa (Sindsalem), que garante conquistas aos servidores efetivos do poder Legislativo Estadual. Conforme o acordo publicado no diário nesta terça-feira (9), a tabela de vencimento prevista no atual Plano de Cargos Carreiras e Vencimentos e as gratificações de chefia serão reajustadas em 10,34%, percentual que também contemplará as perdas inflacionárias no período de 1º de maio de 2014 a 30 de abril de 2015. Atendendo reivindicação dos servidores, a Mesa Diretora da Assembleia aumentou de R$ 500,00 para R$ 625,00 o valor do ticket-alimentação, prorrogou o concurso público por mais dois anos, a partir da data de vencimento (outubro de 2015) e nomeará 17 excedentes do referido concurso até dezembro de 2015.

Continuar lendo Mesa Diretora da Assembleia Legislativa concede reajuste de 10,34% a seus servidores
Outra vez! Aneel aprova reajuste de tarifas de energia elétrica para milhões de consumidores
Mais uma garfada do governo no bolso de usuários de energia elétrica país a fora...

Outra vez! Aneel aprova reajuste de tarifas de energia elétrica para milhões de consumidores

Em fevereiro deste ano, a Aneel já havia aprovado uma revisão tarifária extraordinária para essas distribuidoras A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou hoje (14) os índices de reajustes tarifários anuais de cinco distribuidoras de energia. Em fevereiro deste ano, a Aneel já havia aprovado uma revisão tarifária extraordinária para essas distribuidoras. Para os clientes residenciais da empresa AES Sul Distribuidora, o reajuste será de 4,35%. A indústria terá um aumento de 4,36%. Os novos valores serão aplicados a partir de domingo (19) para 1,3 milhão de unidades consumidoras localizadas em 118 municípios do Rio Grande do Sul. A revisão extraordinária de 39,5% para a distribuidora vale desde o mês passado e foi a mais alta aprovada pela Aneel. Também a partir de domingo haverá um aumento de 2,9% para os consumidores residenciais atendidos pela Usina Hidroelétrica Nova Palma. Para as indústrias, o reajuste será de 7,52%. Os novos valores serão aplicados para 15 mil unidades consumidoras dos municípios gaúchos de Faxinal do Soturno, Nova Palma, Dona Francisca, Ivorá, Silveira Martins, São João do Polêsine, Restinga Seca e parte dos municípios de Santa Maria e Júlio de Castilhos. Os consumidores residenciais atendidos pela Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba) pagarão 10,35% pela energia a partir da próxima quarta-feira (22). O aumento para as indústrias será de 13,34%. A Coelba atende 5,5 milhões de unidades consumidoras em 415 municípios da Bahia. O reajuste tarifário da Companhia Energética do Rio Grande do Norte (Cosern) será de 7,18% para consumidores residenciais e 14,41% para industriais. Os novos valores também serão aplicados a partir de quarta-feira (22) para 1,3 milhão de unidades consumidoras de 167 municípios do Rio Grande do Norte. Também a partir de quarta-feira, os consumidores residenciais atendidos pela Energisa Sergipe pagarão 10,74% a mais pela energia elétrica. Para as indústrias, o aumento será de 17,46%. A distribuidora atende 713 mil unidades consumidoras localizadas em 63 municípios de Sergipe. O reajuste tarifário anual das distribuidoras é calculado com base na variação de gastos que a empresa teve no ano. O cálculo inclui custos típicos da atividade de distribuição, sobre os quais incide o IGP-M, e outros como energia comprada, encargos de transmissão e setoriais. Já a revisão extraordinária das tarifas, que está valendo desde o mês passado, foi aplicada por causa do custo extra que as distribuidoras tiveram pela falta de chuvas e o uso maior de usinas hidrelétricas. Os índices da revisão extraordinária para essas distribuidoras foram: 39,5% (AES Sul), 36,8% (Nova Palma), 5,4% (Coelba), 2,8% (Cosern) e 8% (Energisa Sergipe).

Continuar lendo Outra vez! Aneel aprova reajuste de tarifas de energia elétrica para milhões de consumidores

Não deu pra segurar! Aumento de combustível determina reajuste de 16% na tarifa de ônibus

REAJUSTE SÓ ENTRA EM VIGOR NESTE DOMINGO, 29, E FICOU MENOR DO QUE O REIVINDICADO PELOS EMPRESÁRIOS DO SETOR - 30% Diante de uma ameaça de paralisação do sistema de transporte, por não cumprimento do que foi acordado na Procuradoria do Trabalho pelo Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de São Luís (SET) e Sindicato dos Trabalhadores de Transporte Rodoviário do Maranhão (STTRE), o que traria a instabilidade do serviço para os usuários de transporte público, a tarifa de ônibus da capital será reajustada em 16% a partir de domingo (29). O valor anunciado durante coletiva nesta sexta-feira (27) pelo SET e pela SMTT é bem menor do que o anterior reivindicado pelos empresários, de 30%. O aumento de insumos como o combustível e pneus também foi decisivo para o reajuste no valor da tarifa. O impacto menor do realinhamento de preço para os usuários de transporte coletivo só foi possível depois de muitas negociações entre a Prefeitura e representantes do SET. A Prefeitura não aceitou o reajuste de 30% e os empresários tiveram ceder aos 16%. Durante a coletiva, Canindé Barros contou que deste quinta-feira, quando o sindicato patronal saiu da reunião com a Procuradoria do Trabalho, foi encaminhado documento para a Prefeitura solicitando reunião para que fosse discutido o repasse do aumento de tarifa no que diz respeito aos insumos que incidem sobre o transporte público.

Continuar lendo Não deu pra segurar! Aumento de combustível determina reajuste de 16% na tarifa de ônibus

Prefeito Edivaldo garante reajuste de 13,01% para professores da rede municipal

O prefeito Edivaldo garantiu nesta sexta-feira (20) o reajuste de 13,01% para os profissionais do magistério da rede municipal. O reajuste será retroativo ao mês de fevereiro e será implantado na folha de abril, com previsão de pagamento dos retroativos no mesmo mês. "Nossa administração tem feito todos os esforços no sentido de assegurar a reposição necessária à categoria do magistério municipal, considerando o caráter essencial do professor no contexto educacional. Nosso gesto é, sobretudo, em respeito aos profissionais e de valorização do servidor para garantir melhor educação dos nossos alunos", disse o prefeito Edivaldo. Com a iniciativa, que beneficia mais de cinco mil professores, a Prefeitura repassa integralmente à classe de professores o reajuste divulgado pelo Ministério da Educação (MEC) para a Lei do Piso Nacional dos Professores da Educação Básica e mantém acima do piso os vencimentos dos educadores.

Continuar lendo Prefeito Edivaldo garante reajuste de 13,01% para professores da rede municipal
Sindicalistas reivindicam e prefeito Edivaldo estende reajuste dos professores a todos os servidores
Edivaldo abre o coração e estende a todos os servidores reajuste que deveria ser somente dos professores...

Sindicalistas reivindicam e prefeito Edivaldo estende reajuste dos professores a todos os servidores

Representantes do Sindicato dos Funcionários e Servidores Públicos Municipais de São Luís (Sinfusp), dos Guardas Municipais reuniram-se com o prefeito Edivaldo na tarde desta sexta-feira (5) para reivindicar mesmo patamar de reajuste concedido aos professores municipais em 2014. O prefeito Edivaldo atendeu a solicitação e concedeu aumento de 2,92% a todos os servidores públicos municipais, que somado ao primeiro já acrescentado em folha, de 3% em 2014, corresponde a um aumento real de 5,92%. O reajuste atende ao compromisso firmado pelo prefeito Edivaldo com os sindicalistas desde o início de 2014, na abertura das rodadas de negociação salarial, e representa a preocupação do prefeito com a valorização do servidor público municipal. “Nossa proposta de gestão é cada vez mais proporcionar justiça social. Desde o início, trabalhamos a valorização do servidor público. Com a recuperação gradativa da receita, podemos avançar com responsabilidade, dentro dos limites estabelecidos pela lei”, afirmou Edivaldo. Os sindicalistas apontaram que a conquista é dos sindicatos que representam os servidores. Pela proposta da Prefeitura, será concedido reajuste gradativo: 1% em setembro e 1,92% em dezembro. Segundo o secretário de Planejamento e Desenvolvimento, José Cursino Raposo, o aumento só foi possível devido à leve evolução no cenário financeiro do município. “Houve uma melhora na receita, na relação com a Lei de Responsabilidade Fiscal [LRF]. Somado a isso, teremos em dezembro o fim do repasse de R$ 2 milhões mensais ao governo. Mesmo assim, a situação ainda é difícil, porque com o reajuste ficamos na margem da LRF e há diminuição dos recursos para investimento. É um gesto de boa vontade do prefeito Edivaldo aos servidores”, disse Cursino.

Continuar lendo Sindicalistas reivindicam e prefeito Edivaldo estende reajuste dos professores a todos os servidores
Sob Pressão! Secom anuncia que Roseana concederá reajuste a militares, ainda em março
A caserna ferveu, Roseana se mexeu e promete reajuste, já

Sob Pressão! Secom anuncia que Roseana concederá reajuste a militares, ainda em março

Após os professores e demais categorias de servidores públicos terem, da governadora Roseana Sarney, a garantia de reajuste integral previsto no Plano Geral de Cargos e Carreiras (PGCE), os policiais…

Continuar lendo Sob Pressão! Secom anuncia que Roseana concederá reajuste a militares, ainda em março
Preço da gasolina e perversidade para com o consumidor
Tubarões a postos: sobe e desce do preço da gasolina.

Preço da gasolina e perversidade para com o consumidor

Estão sendo divulgadas informações de que a Petrobrás pretende autorizar dois reajustes, na faixa dos 5 por cento: um no final do ano e outro lá para o mês de fevereiro de 2014. No âmbito do governo federal e da Petrobrás, aumento no preço dos combustíveis é uma questão tão séria que qualquer decisão é seriamente discutida pelos técnicos do governo e submetida à apreciação da presidente Dilma Roussef. Mas, aqui no Maranhão...

Continuar lendo Preço da gasolina e perversidade para com o consumidor