Mais armas com os cidadãos, menos criminalidade, afirma estudo de Havard

Um estudo publicado por pesquisadores da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, afirma que porte de arma reduz a criminalidade. Conforme o levantamento, quanto mais armas há entre os habitantes de um país, menores são os índices de criminalidade. Ou seja, existe uma relação direta entre a redução de crimes e o aumento da quantidade de cidadãos com porte. O estudo, publicado no Volume 30, Número 2 do Harvard Journal of Law & Public Policy, pretendeu responder à seguinte pergunta: "Banir armas de fogo reduziria os assassinatos e suicídios? Os pesquisadores chegaram à conclusão que não. As descobertas são de dois criminologistas - o professor Don Kates e o professor Gary Mauser. Em resumo eles dizem: “nações com rigorosas leis anti-armas geralmente têm taxas de homicídio substancialmente mais altas do que as que não têm. O estudo concluiu que as nove nações europeias com as menores taxas de posse de armas (5.000 ou menos armas por 100.000 habitantes) têm uma taxa combinada de homicídios três vezes maior do que a das nove nações com as maiores taxas de posse de armas (pelo menos 15.000 armas por 100.000 habitantes). Por exemplo, a Noruega tem a maior taxa de posse de armas na Europa Ocidental, mas possui a menor taxa de homicídios. Em contraste, a taxa de homicídio da Holanda é quase a pior, apesar de ter a menor taxa de detenção de armas na Europa Ocidental. Suécia e Dinamarca são mais dois exemplos de nações com altas taxas de homicídio, mas poucas armas. Veja 20 argumentos utilizados por essa linha de raciocínio...

Continuar lendo Mais armas com os cidadãos, menos criminalidade, afirma estudo de Havard

Campanha “Bota Fora” da prefeitura de São Luís recolhe mais de 20 toneladas de lixo

A Prefeitura de São Luís recolheu mais de 20 toneladas de bagulhos volumosos na cidade em três semanas da operação "Bota Fora". A ação contemplou 10.415 domicílios e uma população de 37.487 habitantes na capital maranhense. O balanço foi realizado pela Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp). O titular da pasta, Antônio Araújo, enfatizou a importância dessa ação para evitar a proliferação de doenças. "A ação proporciona bem-estar aos moradores da capital maranhense, além de promover um aspecto urbanístico adequado à cidade, que vem sendo contemplada ainda com iluminação pública moderna e requalificação de avenidas e ruas", afirmou. Nesta terça-feira (31), os moradores da Vila Esperança, na BR 135, se mobilizaram e aproveitaram o momento para fazer o descarte adequado de uma quantidade significativa de bagulhos volumosos que se encontravam em seus quintais. É o caso do senhor Raimundo Nonato Lima dos Santos e de Dona Maria José Pereira, ambos moradores da Rua 07, que declararam que não podiam perder essa oportunidade. "Vamos aproveitar e limpar os nossos quintais", disseram.

Continuar lendo Campanha “Bota Fora” da prefeitura de São Luís recolhe mais de 20 toneladas de lixo
Flávio Dino divide com a população o anúncio das primeiras medidas de impacto do novo governo
Dino divide com o povo o anúncio das primeiras medidas de governo

Flávio Dino divide com a população o anúncio das primeiras medidas de impacto do novo governo

Eleito em 2014 governador do Maranhão, Flávio Dino falou pela primeira vez aos maranhenses direto da sacada do Palácio dos Leões, em São Luís na tarde da última quinta-feira (01). Durante o seu discurso, Dino anunciou 17 ações, entre medidas provisórias, leis e decretos como a criação de uma comissão especial para revisão de transferência, promoção e remoção de Policiais Militares e implantação da "Escola digna", que autoriza eleição direta para diretores de escolas, e também a convocação de mil aprovados no concurso da Polícia Militar, que já ocorre nesta sexta-feira (02). Em sua chegada, Flávio Dino decidiu passar por meio da multidão, antes de adentrar ao Palácio dos Leões, em cujo pátio, segundo informações da Polícia Militar, concentravam-se mais de 5 mil pessoas que compareceram à cerimônia de posse do novo governador. Estiveram presentes na solenidade os militantes do PCdoB, do PT e membros da UJS e JPT além de outros importantes políticos maranhenses. O governador interino Arnaldo Melo passou a faixa para o comunista. Também durante o discurso, Dino fez referência ao seu vice e ao senador eleito, Roberto Rocha, além de destacar que política é uma ferramenta de transformação e Justiça e que o povo brasileiro precisa ser mais valorizado. Ações centradas na melhoria de índices sociais e econômicos foram algumas das primeiras medidas anunciadas pelo governador Flávio Dino, logo após a cerimônia de transferência de cargo no Palácio dos Leões.

Continuar lendo Flávio Dino divide com a população o anúncio das primeiras medidas de impacto do novo governo