Sepultamento de Jerry Abrantes será neste domingo, 12. Prefeito Edivaldo divulga nota de pesar
Jerry Abrantes, falecido hoje pela madrugada.

Sepultamento de Jerry Abrantes será neste domingo, 12. Prefeito Edivaldo divulga nota de pesar

O velório do secretário de Desportos e Lazer do Município de São Luís, Jerry Abrantes, 50 anos, falecido na madrugada deste sábado (11), no Hospital São Domingos (veja post abaixo) ocorre na sede do PDT, na Rua dos Afogados. E o sepultamento, conforme decidiu a família, será realizado à tarde de amanhã (12) no Cemitério Jardim da Paz. Hoje pela manhã, o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior, divulgou Nota de Pesar em que "lamenta profundamente" o falecimento do auxiliar: NOTA DE PESAR A Prefeitura de São Luís lamenta profundamente o falecimento de Jerry Abrantes, secretário municipal de Desportos e Lazer da gestão do prefeito Edivaldo. Ele foi acometido por uma infecção generalizada, após evolução de infecção no sistema digestivo, quadro com o qual deu entrada no Hospital São Domingos, na noite desta sexta-feira (10). O prefeito Edivaldo decretou luto oficial de três dias em São Luís. Militante do PDT desde a juventude, Jerry já havia composto a administração municipal na gestão de Tadeu Palácio, quando ocupou o cargo de secretário de Trânsito e de Transportes. Também foi secretário adjunto de Comunicação do governo Jackson Lago (PDT). Trabalhou ainda como assessor especial da Prefeitura e assessor legislativo na Câmara Federal. O prefeito Edivaldo e sua equipe de governo desejam à família e aos amigos o consolo e conforto de Deus, trazendo paz e alento aos corações e a lembrança do legado de luta social deixado.

Continuar lendo Sepultamento de Jerry Abrantes será neste domingo, 12. Prefeito Edivaldo divulga nota de pesar
Morre Jerry Abrantes, secretário de Desporto e Lazer de São Luís
O mundo político é surpreendido com a morte, na madrugada, do secretário municipal de Esportes, Jerry Abrantes.

Morre Jerry Abrantes, secretário de Desporto e Lazer de São Luís

O mundo político foi surpreendido com a a notícia da morte, na madrugada deste sábado, 11, do secretário de Desporto e Lazer de São Luís, Jerry Abrantes, aos 50 anos de idade. Jerry fora internado, ontem pela manhã (10), no Hospital São Domingos, diagnosticado com um quadro de hepatite. O velório acontece na sede do PDT, e o horário do sepultamento ainda não foi confirmado pelos familiares. Pedetista histórico, o empresário Jerry Abrantes foi secretário de Trânsito e Transportes numa das duas administrações do saudoso prefeito Dr. Jackson Lago. Eleito governador, Jackson o nomeou secretário-Adjunto de Comunicação Social do Estado. Advogado, também desenvolveu diversas atividades empresariais, principalmente no ramo de revenda de automóveis e motos.

Continuar lendo Morre Jerry Abrantes, secretário de Desporto e Lazer de São Luís
“Império”, na reta final: José Pedro (filho) mata o comendador Zé Alfredo
Final da "Império": pai e filho brigam. Zé Alfredo leva a pior

“Império”, na reta final: José Pedro (filho) mata o comendador Zé Alfredo

Maurílio (Carmo Dalla Vecchia) recebe José Alfredo (Alexandre Nero) e Josué (Roberto Birindelli) à base de tiros em um galpão abandonado, mas o vilão acaba se distraindo e morre ao levar um tiro do Comendador. Depois do confronto entre os rivais, Zé entra no esconderijo para salvar Cristina (Leandra Leal) das mãos de José Pedro (Caio Blat). "Foi muita ousadia sua ter me desobedecido", diz o filho ao ver o Comendador a sua frente. O homem de preto reage e garante que não vai cair na chantagem do filho: "Enquanto Josué cuida do Silviano, vou soltar a Cristina e lhe dar a lição que você merece". Revoltado, Pedro ameaça atirar. “Regicida! Eu sou o homem que vai matar o rei!'', diz Pedro. Ao ver o filho com a arma na mão, Zé Alfredo se revolta: "Melhor dizer 'parricida'... É assim que chamam o filho que mata o próprio pai. Um dos crimes mais bárbaros que um ser humano pode cometer".

Continuar lendo “Império”, na reta final: José Pedro (filho) mata o comendador Zé Alfredo
Assembleia emite nota de pesar pela morte da repórter fotográfica Racciele Olivas
Fotógrafa Racciele Olivas: morte prematura e homenagens do Poder Legislativo

Assembleia emite nota de pesar pela morte da repórter fotográfica Racciele Olivas

A Assembleia Legislativa do Maranhão divulgou, ontem (9), nota de pesar pelo falecimento da fotógrafa Raccciele Olivas, de 52 anos, funcionária daquele poder, depois de uma parada cardio-respiratória, no Hospital São Domingos, onde estava internada. Raccielle atuava profissionalmente como repórter fotográfica há mais de 20 anos. Em todo esse tempo, fez trabalhos para jornais e revistas, como 'O Debate' e 'Atos e Fatos'. Como free lancer, teve fotos publicadas nos grande jornais do país - O Globo, Estadão, entre outros NOTA DE PESAR A Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão externa o seu profundo pesar pela morte da repórter fotográfica, Racciele Olivas, ocorrida na manhã desta segunda-feira (9), no Hospital São Domingos, após sofrer uma parada cardiorrespiratória. Racciele nasceu em 27 de setembro de 1963 e atuava profissionalmente como repórter fotográfica há mais de 20 anos. Em todo esse tempo, fez trabalhos para jornais e revistas, como 'O Debate' e 'Atos e Fatos'. No parlamento maranhense, trabalhava há mais de 10 anos. Além das coberturas diárias na Assembleia, Racciele fornecia seus serviços para grandes jornais nacionais como 'O Globo' e 'Estadão'. O corpo foi velado na Pax União da Rua Grande - Centro, a partir das 16:00 horas de ontem

Continuar lendo Assembleia emite nota de pesar pela morte da repórter fotográfica Racciele Olivas

A cultura popular do Maranhão está de luto. Morre Humberto de Maracanã!

O Maranhão acaba de perder um de seus maiores valores culturais. Humberto Barbosa Mendes, o "Mestre Humberto de Maracanã, faleceu na tarde desta segunda-feira, no Hospital Carlos Macieira, vítima de infecção generalizada, depois de complicações com o diabetes. Morre Humberto, mas a sua obra, com certeza, será lembrada pelas gerações que virão, através da toada "Maranhão, meu tesouro, meu torrão"... DIABETES - foi levado às pressas para o hospital na terça-feira (13), em estado de saúde delicado, segundo lembra a sua esposa, Maria José Soares. Lá, ainda foi submetido a uma cirurgia para amputação de uma das pernas. ao invés da melhora, sua situação clínica piorou, levando os médicos a prepararem a família para o pior. Humberto Barbosa Mendes n Nascido em São Luís, em 2 de novembro de 1939, Humberto de Maracanã tinha 75 anos, 40 deles dedicados ao bumba meu boi, interpretando toadas do Boi de Maracanã, no sotaque de matraca. Ficou consagrado, dentre muitas, pela toada "Maranhão, meu tesouro, meu torrão". Festa munina que se prezava, em São Luís, deveria contar em sua programação com Humberto e o Boi de Maracanã". Em vida, além do reconhecimento popular, recebeu homenagens dos poderes estaduais Executivo e Legislativo, além de distinção por parte da Câmara Municipal de São Luís. O blog voltará ao assunto, para abordar as providências e a programação das solenidades fúnebres em homenagem a Humberto de Maracanã.

Continuar lendo A cultura popular do Maranhão está de luto. Morre Humberto de Maracanã!
Ação! Polícia mata quatro bandidos que assaltaram Banco Itaú, no centro de São Luís
Polícia persegue, troca tiros e mata os bandidos no Miritiua

Ação! Polícia mata quatro bandidos que assaltaram Banco Itaú, no centro de São Luís

A agência do Banco Itaú foi assaltada por quatro homens armados, na tarde desta quinta-feira (8), na Rua da Paz, em São Luís. A polícia perseguiu os assaltantes e os localizou no povoado Miritiua, em São José de Ribamar, onde, numa cerrada troca de tiros, todos os bandidos foram mortos. Segundo testemunhas que presenciaram o assalto, dois homens ficaram do lado de fora e dois entraram como clientes, utilizando telefones celulares e, de repente, anunciaram o assalto. Eles fizeram uma mulher refém e roubaram dinheiro dos caixas e dos clientes. Em seguida, os suspeitos saíram da agência e dispararam aproximadamente 20 tiros com pistolas modelo ponto 40 e 360 antes de fugir em um veículo. Os disparos atingiram as fachadas de vários estabelecimentos.

Continuar lendo Ação! Polícia mata quatro bandidos que assaltaram Banco Itaú, no centro de São Luís
Drama familiar: morte do filho de Alexandre Garcia tira-o temporariamente da Rede Globo
Alexandre Garcia: morte do filho e drama familiar

Drama familiar: morte do filho de Alexandre Garcia tira-o temporariamente da Rede Globo

Um dos mais conhecidos e respeitados jornalistas do Brasil, o comentarista da Rede Globo, Alexandre Garcia, está passando por um delicado momento em sua vida pessoal. Gustavo Nunes Garcia, filho do jornalista com uma arquiteta, foi encontrado morto na madrugada deste domingo em Brasília. Aos 27 anos, ele estava sem vida no Bloco C, onde morava com a mãe. Ainda não existem informações concretas sobre o caso, já que Gustavo era um garoto muito discreto, segundo depoimentos preliminares. De acordo com a revista Veja, um inquérito foi aberto para investigar as causas da morte. A Polícia Militar do Distrito Federal trabalha com a hipótese de suicídio, já que Gustavo não teria saído de casa. O rapaz morava com a mãe na Asa Norte da capital federal. Por conta desta perda, Alexandre Garcia ganhou alguns dias de folga da Globo para se recuperar. Além disso, ele não fará os comentários semanais que são distribuídos para rádios de todo o país, em estados como Minas Gerais, Bahia e Pernambuco.

Continuar lendo Drama familiar: morte do filho de Alexandre Garcia tira-o temporariamente da Rede Globo
Sargento PM é surpreendido, baleado e morto no Panaquatira. Já são 18 policiais assassinados
Bandidos usam arma de fogo para assassinar mais um policial - 18 ao todo, em 2014.

Sargento PM é surpreendido, baleado e morto no Panaquatira. Já são 18 policiais assassinados

Sobe para 18 o número de policiais assassinados no Maranhão, em 2014, com a morte do sargento da PM, José Ribamar Prisca da Silva, 50 anos. Ele foi morto a tiros, na tarde desta segunda-feira (22), na região de Panaquatira, em São José de Ribamar, cidade balneária da Região Metropolitana de São Luís. De acordo com a versãoa da Polícia Miliar, dois homens armados em uma motocicleta teriam disparado contra o sargento, que foi atingido com quatro tiros, sendo um deles na cabeça, na porta de casa. Ele trabalhava no Serviço de Inteligência do 13º Batalhão da PM. A polícia suspeita que ele tenha sido alvo de execução. Segundo dados da Secretaria de Segurança Pública do Maranhão (SSP-MA) e do Sindicato dos Policiais Civis do Maranhão (Sinpol-MA), com mais essa morte, sobe para 18 o número de policiais assassinados em 2014, no Maranhão.

Continuar lendo Sargento PM é surpreendido, baleado e morto no Panaquatira. Já são 18 policiais assassinados
Sai de cena o jornalista e militante  político Aldionor Salgado
Sai de cena um sêr humano da melhor estirp:, Aldionor Salgado, jornalista e militante político.

Sai de cena o jornalista e militante político Aldionor Salgado

Faleceu esta manhã (28), no Hospital Universitário Presidente Dutra, o jornalista Aldionor Salgado. Há quase um mês, ele se internou para tratar de um câncer no pâncreas, mas a doença o venceu antes que alcançasse a cura. Poucos são os profissionais da terra que tem o curriculum de Aldionor Salgado, que trabalhou em quase todos os veículos de comunicação de São Luís e exerceu diversos cargos e encargos públicos. Militante político, elegeu-se na década de 80 vereador de São Luís, onde se destacou na abordagem de temas importantes e na defesa da solução dos muitos problemas estruturais da capital. Mais do que um profissional, ético e capaz, era um grande amigo de todas as horas. Sempre respeitou os colegas de profissão para os quais tinha sempre uma palavra de conforto e de incentivo. Era uma convivência afável, já que tinha uma verve apurada e sempre tornava alegre o ambiente em que ocupava. Conhecia mais do que ninguém o mundo político e social da capital e de todo o Maranhão, prato cheio para os causos de ocasião. Semana passada, Aldionor - como sempre, chamando-me de "Machadovsky" - ligou-me do leito do hospital para que eu atendesse a jovem filha Mariana, que também enveredou pelos caminhos do jornalismo, para uma entrevista sobre pesquisas de opinião pública. Prometi-lhe uma visita, acreditando que a sua enfermidade fosse passageira. Daí o susto que me causou a notícia de sua morte. Aldionor Salgado ainda tinha muito a contribuir como profissional de comunicação, pai, marido e amigo. Mas a morte o alcançou em pleo vôo. Que Deus o faça trilhar o caminho dos homens de bem, na sua nova e eterna missão. E, ao mesmo tempo, dê o conforto necessário para amenizar a dor da família enlutada. O corpo do jornalista está sendo velado na Câmara Municipal de São Luís, no Centro Histórico da capital. O sepultamento se dará na manhã desta segunda-feira, no Cemitério do Gavião. Há pouco, a Prefeitura de São Luís emitiu nota de pesar sobre o falecimento de Aldionor Salgado, que vai transcrita abaixo.

Continuar lendo Sai de cena o jornalista e militante político Aldionor Salgado

Especialistas dos EUA vão investigar acidente com jato que matou Eduardo Campos

Equipe do NTSB está a caminho do Brasil. Caixa-preta não gravou áudio do voo, diz FAB. (G1) Uma equipe dos Estados Unidos está a caminho do Brasil para participar da investigação da queda do jato executivo que matou o candidato à Presidência da República pelo PSB, Eduardo Campos, e mais seis pessoas. O grupo é formado por especialistas do National Transportation Safety Board (NTSB), a principal autoridade norte-americana de investigação de acidentes, e da Cessna Aircraft Company, o fabricante do avião. Assista à reportagem do Jornal da Globo. O Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa), órgão investigador da Força Aérea Brasileira (FAB), comunicou nesta sexta-feira (15) que o gravador de voz do avião acidentado não registrou o áudio da cabine do voo que transportava Eduardo Campos. As causas técnicas da falha do gravador ainda não foram esclarecidas pela FAB. O conteúdo que ficou gravado se refere a uma conversa durante abastecimento no solo, com os motores desligados, em local e data não identificados. O gravador tem capacidade para registrar duas horas seguidas de sons, e começa a trabalhar toda vez que o avião é energizado, isto é, assim que os sistemas elétricos são ligados. Às vezes, na manutenção, os técnicos costumam desligar o gravador, justamente para impedir que ao ligarem as baterias, conversas anteriores sejam apagadas.

Continuar lendo Especialistas dos EUA vão investigar acidente com jato que matou Eduardo Campos