Lula diz que não respeitará decisão da Justiça ao formalizar pré-candidatura à Presidência

Ex-presidente conclama militância a defendê-lo nas ruas porque vai disputar para 'ganhar e governar' Um dia depois de ser condenado pelo Tribunal Regional Federal da 4.ª Região (TRF-4) a 12 anos e um mês de prisão, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse que não respeitará a decisão da Justiça. Em ato político que aprovou sua pré-candidatura ao Palácio do Planalto, nesta quinta-feira, Lula conclamou os militantes a uma ofensiva nas ruas para defendê-lo e pregou o enfrentamento político. "Esse ser humano simpático que está falando com vocês não tem nenhuma razão para respeitar a decisão de ontem", afirmou o ex-presidente, em reunião da Executiva Nacional do PT. "Quando as pessoas se comportam como juízes, sempre respeitei , mas quando se comportam como dirigentes de partido político, contando inverdades, realmente não posso respeitar. Senão perderei o respeito da minha neta de 6 meses, dos meus filhos e perderei o respeito de vocês." Lula chegou a se comparar a Jesus Cristo, ao afirmar que o filho de Maria e José foi condenado à morte sem provas. "Jesus Cristo foi condenado à morte sem dizer uma palavra, recém-nascido. E, se o José não corre, ele tinha sido morto. E olhe que não tinha empreiteira naquele tempo, não tinha Lava Jato", disse. Logo em seguida, porém, o ex-presidente se corrigiu: "Eu sei que a imprensa vai dizer 'Lula se compara a Jesus Cristo'. Longe disso". Com a voz que ficou embargada algumas vezes, o ex-presidente fez questão de destacar que retomará as caravanas pelo Brasil, depois do Carnaval, mas conclamou o PT e os movimentos sociais a ajudá-lo no embate nas ruas. "Espero que a candidatura não dependa do Lula. Que vocês sejam capazes de fazê-la, mesmo se acontecer alguma coisa indesejável, e colocar o povo brasileiro em movimento", insistiu.

Continuar lendo Lula diz que não respeitará decisão da Justiça ao formalizar pré-candidatura à Presidência

Isabel Allende: “Me apaixonei de novo aos 75. Não há amor sem risco”

Escritora publica ‘Além do Inverno’, uma obra sobre a capacidade de alegria, esperança e reinvenção Há um ano e meio, quando foi a Madri apresentar seu penúltimo livro, O Amante Japonês, Isabel Allende dizia a quem quisesse escutá-la, com os olhos em brasa: “Estou aberta ao amor”. Tinha 73 anos e acabava de romper “triste mas civilizadamente” uma convivência de 28 anos com Willy, o gringo grande e amoroso de alguns de seus romances. No último domingo, Allende voltou a Madri com um novo livro na mão e um novo amor fazendo-a rir à toa. Além do Inverno, o título de sua nova obra, inspirado em uma frase de Camus, é uma homenagem à capacidade de alegria, esperança e reinvenção que as pessoas possuem por piores que sejam suas circunstâncias. “Não só os humanos, mas também os povos, as nações, o mundo tem dentro de si um verão invencível que pode acabar com qualquer inverno se lhe dermos a oportunidade e assumimos o risco”, diz ela. E quem a vê só pode acreditar nela. Primorosamente vestida com um casaco amarelo e maquiada como quem vai a uma festa de casamento, Allende recebe na meia-luz de uma sala da vetusta Casa da América. “Esta luz é desumana. Vamos parecer macacos na foto”, brinca, com a desenvoltura que lhe conferem décadas de entrevistas em sua longa carreira de estrela global da literatura. Allende (Lima, 1942) despachou milhões de exemplares de seus 23 livros, de A Casa dos Espíritos até De Amor e de Sombra e Contos de Eva Luna e Paula, sua obra mais íntima e também a mais querida, mesmo que só pelo fato de que, graças a ela, sua falecida filha Paula continua viva na memória coletiva. “Ainda hoje, 23 anos depois, recebo cartas de pessoas doentes, ou que sofreram uma perda, ou que chamaram uma filha de Paula inspirados nela, e isso é muito mais do que alguém pode esperar de uma obra”, diz, com seus olhos aquosos mais úmidos que nunca. Os protagonistas de seu novo romance, Lucía, Richard e Evelyn – dois sessentões e uma adolescente, são especialistas em perdas, dor e desterro. Imigrantes os três nos Estados Unidos, cada um fugindo de um derrota pessoal e coletiva, e unidos por um capricho do destino, descobrem seu verão interno redimidos uns pelo amor romântico e todos pela solidariedade com o próximo.

Continuar lendo Isabel Allende: “Me apaixonei de novo aos 75. Não há amor sem risco”

Empresa testa voo de foguete impresso em 3D que pode baratear o setor. Mas o que diabo é isso?

A Nova Zelândia fez, na última quinta-feira, seu primeiro lançamento de um foguete. Batizado de Electron, o veículo foi impresso em 3-D pela Rocket Lab, empresa de lançamento espacial americana, e é alimentado por bateria. O voo, considerado bem-sucedido, partiu da Península Mahia, no Nordeste do país, mas não chegou a entrar em órbita, caindo em mar aberto. A estreia foi tida como um passo importante para os lançamentos comerciais, reduzindo as barreiras financeiras e logísticas ao espaço, e para a Nova Zelândia, que criou uma agência espacial e atualizou sua legislação de modo a se tornar um centro espacial de baixo custo. Se você é daqueles que pensam que 3D é apenas aqueles óculos que lhe dão nos cinemas para ver o filme em terceira dimensão, aprenda um pouco sobre o que é construir um artefato - como esse foguete da Nova Zelândia - usando a tecnologia de impressão 3D. Você vai se surpreender...

Continuar lendo Empresa testa voo de foguete impresso em 3D que pode baratear o setor. Mas o que diabo é isso?

Flávio Dino lança pacote de obras de infraestrutura turística para Barreirinhas

O governador Flávio Dino esteve na cidade de Barreirinhas na tarde desta segunda-feira (22) para lançar um pacote de obras de infraestrutura turística para a cidade. Em evento realizado na Câmara Municipal de Vereadores, o Governo do Estado assinou ordens de serviço para a recuperação das vias de acesso à Cardosa e ao Santo Antônio, além de mais uma fase do programa Mais Asfalto, e anunciou outras ações. Um dos pontos mais conhecidos de Barreirinhas, a Cardosa terá os 23 km do seu acesso todo recuperado para dar maior trafegabilidade, e, consequente, fluxo turístico ao local, que é famoso pelos passeios de boia. Outro lugar de grande movimentação, a estrada do Santo Antônio dá acesso às principais lagoas do município, e também será completamente recuperado. Além disso, o governador anunciou mais uma etapa do programa Mais Asfalto para contemplar as vias de acesso ao aeroporto, que também terá as obras retomadas em breve. “São investimentos de mais de R$ 10 milhões”, garantiu Flávio Dino, destacando, também, a pavimentação da MA-315, que liga Barreirinhas a Paulino Neves, e a interligação do aeroporto para o trecho.

Continuar lendo Flávio Dino lança pacote de obras de infraestrutura turística para Barreirinhas
Edivaldo lança edital de licitação para renovar transporte urbano de São Luís
Edivaldo e seu staff no lançamento da licitação para renobvar o transporte coletivo de São Luís

Edivaldo lança edital de licitação para renovar transporte urbano de São Luís

O prefeito Edivaldo Holanda Júnior fez o lançamento, nesta segunda-feira (28), no auditório do Palácio La Ravardière, do edital de licitação para contratação dos serviços de transportes urbanos da cidade. O ato histórico, que contou com a presença de lideranças comunitárias e políticas, marca o chefe do executivo municipal como sendo o primeiro a implantar esse modelo junto às empresas de ônibus da capital. Durante a solenidade, o prefeito Edivaldo ressaltou que a publicação do edital é fruto de planejamento e um profundo estudo do sistema de transporte que teve início nos primeiros dias da gestão. O lançamento do edital de licitação concretiza um compromisso assumido pelo prefeito Edivaldo e se integra aos avanços importantes já realizados na atual gestão, como a modernização do sistema, a implantação da biometria facial e do GPS nos ônibus, a recarga embarcada, a renovação de mais de 40% da frota e a implantação do Bilhete Único. "Destaco ainda o empenho e o apoio da Câmara Municipal na aprovação do projeto de lei para que pudéssemos hoje honrar mais este compromisso. É um momento histórico, porque sabemos que após o encerramento do processo de licitação, a população terá um sistema de transporte com a qualidade que tanto merece", afirmou o prefeito Edivaldo. O titular da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT), Canindé Barros, enfatizou que com o edital de licitação a Prefeitura de São Luís e os usuários terão um instrumento legal e fiscalizador. As empresas terão que cumprir os itens do documento publicado, podendo ser multadas ou mesmo perderem a concessão. "Uma mudança significativa no sistema de transportes acontecerá na capital, graças à determinação do prefeito Edivaldo. Nosso trabalho continuará para proporcionar mais comodidade à população", disse Canindé Barros.

Continuar lendo Edivaldo lança edital de licitação para renovar transporte urbano de São Luís
Adeus, Chimba! Joelma lança primeira música de trabalho da carreira solo: “Ai, Coração!”
Ano novo, vida nova: Joelma, ex-Calipso, agora é solo...

Adeus, Chimba! Joelma lança primeira música de trabalho da carreira solo: “Ai, Coração!”

A cantora Joelma lançou nesta quinta-feira (21) a primeira música de trabalho de sua carreira solo após o fim da Banda Calypso. A música "Ai Coração" foi disponibilizada para audição e download nas redes sociais da cantora, que agora usa o nome artístico Joelma Calypso. A cantora Joelma lançou nesta quinta-feira (21) a primeira música de trabalho de sua carreira solo após o fim da Banda Calypso. A música "Ai Coração" foi disponibilizada para audição e download nas redes sociais da cantora, que agora usa o nome artístico Joelma Calypso. Escute a faixa "Ai Coração" aqui. "Ai Coração" integra o primeiro disco solo de Joelma Calypso, que tem previsão de lançamento para o mês de março, de acordo com sua assessoria. Também para o mês de março, estão previstos os primeiros shows solo da cantora. O primeiro show da cantora após o fim daBanda Calypso stava marcado para o dia 8 de janeiro em Belém, mas foi adiado. Na ocasião, a assesoria de Joelma informou que ela optou pela mudança de agenda para trabalhar no novo disco, em novas coreografias e cenário. No mês de dezembro, Joelma lançou a música "Voando Para o Pará", uma homenagem ao estado e à capital Belém, que completou 400 anos no dia 12 de janeiro. A música também faz parte do novo disco. Em novembro, Joelma gravou, no Recife, o primeiro clipe de sua carreira solo. Fotos divulgadas pela artista nas redes sociais mostraram os bastidores da produção. A assessoria da cantora informou que a música é em espanhol, chamada 'Pa’Lante'. Joelma participou também da gravação da música "Amor de Fã", da banda Musa, de Recife.

Continuar lendo Adeus, Chimba! Joelma lança primeira música de trabalho da carreira solo: “Ai, Coração!”

Ao lançar o Bilhete Único, Edivaldo cumpre um dos mais importantes compromissos de campanha

Prefeito Edivaldo lança o sistema Bilhete Único; serviço beneficiará mais 760 mil usuários "Hoje concretizamos um dos mais importantes compromissos assumidos por nossa gestão com a população de São Luís", disse o prefeito Edivaldo ao lançar, na manhã desta quarta-feira (2), o sistema Bilhete Único, considerado um dos mais impactantes investimentos da administração municipal na área de mobilidade urbana. O ato de lançamento do sistema que vai beneficiar os mais de 760 mil usuários do transporte coletivo da capital aconteceu no auditório Reis Perdigão, no Palácio La Ravardiere, com a presença de autoridades políticas locais, representantes da classe estudantil e a comunidade em geral. O sistema começa a funcionar a partir do dia 14 deste mês. Na solenidade de lançamento do Bilhete Único, o prefeito Edivaldo destacou a iniciativa como um marco histórico para o sistema de transporte público da capital e para a população usuária do sistema. "Este é um momento muito especial para todos nós, que desde o primeiro dia da gestão trabalhamos diuturnamente no planejamento dessa ação, para garantir que ela fosse concretizada hoje. Tivemos primeiramente que realizar um trabalho árduo de equalização do sistema de transporte, que se encontrava desequilibrado e deficitário. Durante todo esse tempo de planejamento da ação, fizemos as correções necessárias no sistema para poder implantá-lo, efetivamente", afirmou o prefeito. O prefeito Edivaldo pontuou ainda outras ações importantes realizadas pela Prefeitura de São Luís para reestruturar o sistema, que antecederam a implantação do Bilhete Único e eram consideradas dispositivos primordiais à efetivação do projeto, como a modernização do sistema de bilhetagem eletrônica, a instalação da biometria facial, além da instalação de GPS nos ônibus, que garante maior fiscalização e controle do tempo de duração das viagens e dos itinerários. LICITAÇÃO Edivaldo destacou também a realização da licitação do transporte público de São Luís como outra importante iniciativa da sua gestão para reestruturar o sistema na capital. "Já encaminhamos à Câmara Municipal o Projeto de Lei para fazermos a licitação do transporte público e, assim que a Câmara autorizar a realização do certame, daremos início às etapas seguintes com audiências públicas e posterior lançamento de edital licitatório. São ações que, conjugadas, vão proporcionar um avanço gigantesco na qualidade do transporte público da nossa cidade e beneficiar milhares de pessoas que utilizam diariamente o sistema na capital", frisou Edivaldo. No ato, o prefeito assinou o decreto nº 47.651, que altera o anexo único do decreto 30.708 de 5 de julho de 2007, que dispõe sobre o regulamento operacional do Sistema de Bilhetagem Automática do Serviço de Transporte Público Coletivo Urbano de São Luís.

Continuar lendo Ao lançar o Bilhete Único, Edivaldo cumpre um dos mais importantes compromissos de campanha
Mais um foguete explode no Centro de Lançamento de Alcântara (CLA) com falha no motor
Foi um foguete desses que explodiu nesta sexta-feira, 13, no CLA do Maranhão

Mais um foguete explode no Centro de Lançamento de Alcântara (CLA) com falha no motor

Veículo estava na rampa de lançamento e não chegou a decolar; não houve feridos, segundo o Centro de Lançamento de Alcântara Luíza Pinheiro, especial para O Estado Uma falha no motor de um foguete suborbital causou uma explosão na plataforma de lançamento do Centro de Lançamento Espacial de Alcântara (CLA), no Maranhão, no início da tarde desta terça-feira, 13. Segundo a assessoria de imprensa do CLA, não houve feridos. Uma comissão técnica será formada para apurar o incidente. O foguete seria lançado no encerramento da Operação São Lourenço, “a principal atividade de lançamento e rastreio de engenhos aeroespaciais previstos para este ano, no Programa Nacional de Atividades Espaciais (PNAE)”, como divulgou o CLA em seu site. O objetivo da operação era testar o Satélite de Reentrada Atmosférica (SARA), uma plataforma destinada a experimentos no espaço para desenvolvimento de produtos nas áreas de engenharia e eletrônica. Na fase final do experimento, pesquisadores brasileiros poderiam realizar estudos científicos e tecnológicos por até dez dias em ambiente de microgravidade. Também seria testado no veículo um GPS de aplicação espacial testado pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) com o apoio do Instituto Nacional e Espaço (IAE) e da Agência Espacial Brasileira. A simulação de lançamento do foguete foi realizada na quinta-feira(12) “com sucesso”, segundo divulgou o CLA. A operação São Lourenço era realizada desde o dia 22 de outubro pelo IAE, em parceria com o Comando Geral de operações Aéreas e a Marinha do Brasil. Agência Espacial Alemã (DLR) e o Centro Espacial da Suécia (SSC) atuavam no apoio à operação de equipamento do solo.

Continuar lendo Mais um foguete explode no Centro de Lançamento de Alcântara (CLA) com falha no motor

Governador lança ‘Escola Digna’ e anuncia construção de escolas nos municípios com menor IDH

O programa ‘Escola Digna’ foi lançado na manhã desta quinta-feira (21) pelo governador Flávio Dino no auditório do Palácio Henrique de La Rocque. O momento representa a concretização do programa, criado no dia 2 de janeiro deste ano como Macropolítica de Educação do Governo do Estado, com o objetivo de construir uma escola acolhedora, democrática, participativa, inclusiva e geradora de Educação Cidadã – capaz de transformar e libertar. Pelo programa, escolas de taipa, barro e palha existentes em todo o estado serão substituídas por estruturas de alvenaria. As obras começam já no próximo mês de agosto. “A substituição de escolas de taipa começa nos 30 municípios com menores índices de desenvolvimento humano, mas é uma ação que vai se estender a todos os 217 municípios. Portanto, é um grande passo para que nós tenhamos uma estrutura adequada para uma educação de mais qualidade”, afirmou o governador Flávio Dino. Durante o evento, que foi aberto com o Hino Nacional apresentado por uma estudante da escola municipal Y-Bacanga, localizada no bairro do Anjo da Guarda, em São Luís, foram apresentadas as tipologias arquitetônicas das novas escolas, bem como a nucleação das unidades escolares, que serão construídas em áreas estratégicas para atender ao maior número de comunidades possíveis. “Já fizemos o levantamento em todos os municípios, o governador já aprovou o projeto arquitetônico, tanto das escolas indígenas quanto das escolas de ensino fundamental, com projetos de duas, quatro ou oito salas. Estamos fazendo a opção das escolas com mais salas de aula, pois estamos utilizando a metodologia da nucleação, que facilitará o processo de ensino e aprendizagem”, explicou a secretária de Educação, Áurea Prazeres. Além da substituição das escolas, o programa também prevê a assistência técnico-pedagógica para as secretarias municipais de educação e os professores dos municípios beneficiados. Um exemplo é a correção de fluxo escolar, que pretende solucionar de vez o grande problema de distorção de idade, que implica nos baixos indicadores educacionais.

Continuar lendo Governador lança ‘Escola Digna’ e anuncia construção de escolas nos municípios com menor IDH
Papo de AM sobre “O que me importa agora tanto”, com o jornalista e poeta Félix Alberto
Depois de um livro-reportagem e uma biografia,o jornalista e publicitário Félix Alberto estreia na poesia: "O que me importa agora tanto"...

Papo de AM sobre “O que me importa agora tanto”, com o jornalista e poeta Félix Alberto

Bati um papo, hoje, com o jornalista e publicitário Félix Alberto Lima. Aliás, eu, Ivison Lima e a midiática Mônica Moreira Lima. Foi no programa “Bastidores” da Rádio Capital, onde, de 10 às 12 da manhã, de vez em quando, dou uns pitacos sobre assuntos diversos do quotidiano maranhense e brasileiro. Batizaram-me de “comentarista político”, mas Ivison Lima, o âncora, exige muito mais de mim. O que, mais do que jornalista e comentarista, viro “generalista”. Quando não participo, sobra para Mônica Moreira Lima esse papel. Voltando ao Félix Alberto. Ele foi ao programa "vender seu ‘peixe”, o livro de poesias nominado “O que me importa agora tanto”, editado pela Letras. Uma coletânea de 85 poemas. Uns pequenitos, meio haicais; outros pequenos e outros médios. Nenhum grande. O que torna a leitura prazerosa, Já que o conteúdo não é de se jogar fora. São poemas de quem domina a arte de escrever no dia a dia. E de sentir. Zeca Baleiro, letrista e cantor que nos enche de orgulho, pela maranhensidade - faz o prefácio da obra -, depõe que Félix “se mostra poeta de engenho e verve, na luta corporal desesperada com a palavra e seus sentidos (os seus e os da palavra)”. Continue lendo...

Continuar lendo Papo de AM sobre “O que me importa agora tanto”, com o jornalista e poeta Félix Alberto