Temer diz que ‘Brasil não parou’ apesar de ‘suposta crise política’
WIJR6799.JPG BRASILIA DF 26/10/2017 POLITICA Presidente Michel Temer durante cerimonia de Assinatura de Contrato de Financiamento com o Município do Rio de Janeiro no Palacio do Planalto em Brasilia - Na foto o presidente da Camara Rodrigo Maia (DEM RJ) e Temer FOTO: WILTON JUNIOR/ESTADAO

Temer diz que ‘Brasil não parou’ apesar de ‘suposta crise política’

Presidente participou de cerimônia de repasse de R$ 652 milhões da Caixa Econômica Federal para obras no Rio, berço político de Maia  Um dia depois de salvar seu mandato ao ter a segunda denúncia barrada na Câmara dos Deputados, o presidente Michel Temer (PMDB) disse nesta quinta-feira, 26, que o País não parou diante do que chamou de "suposta crise política". O peemedebista disse, ainda, que o período de instabilidade teve fim. Temer, que chegou a ser internado nesta quarta-feira, 25, por complicações urológicas e teve repouso recomendado por médicos, participou de uma cerimônia fechada no Palácio do Planalto na qual a Caixa Econômica Federal destinou R$ 652 milhões para obras no Rio, berço político do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), de quem o peemedebista tenta se reaproximar. "Assumimos o País com recessão e caminhamos de tal forma que neste momento, vejam que nestes últimos 5, 6 meses, sem embargo de uma suposta crise política, que penso tenha final no dia de ontem, o Brasil não parou", disse Temer. Reforçando um dos slogans do governo federal, Temer afirmou que trabalha para colocar o Brasil nos trilhos. "A inflação caiu a níveis suportáveis, os juros caíram e a tendência é chegar ao fim do ano com 7%. Foi neste cenário que o desemprego começou a cair." O evento foi restrito a autoridades, sem a presença de jornalistas, e transmitido nas redes sociais do presidente. A Caixa firmou contrato para financiamento de obras de infraestrutura e saneamento no Rio de Janeiro. Maia disse que o evento era uma "agenda positiva" e que tem trabalhado com o governo federal "sem partidarismo" para ajudar o Rio.

Continuar lendo Temer diz que ‘Brasil não parou’ apesar de ‘suposta crise política’

Obras na Forquilha beneficiam 20 bairros da região metropolitana de S. Luís

Com 15 mil m² de extensão e investimentos de R$ 8,5 milhões do Governo do Maranhão, as obras realizadas na Forquilha, com a parceria da Prefeitura de São Luís, vão modificar todo o trânsito da área e terão impacto direto para mais de 20 bairros na capital e nos vizinhos Paço do Lumiar e São José de Ribamar. Além de obras estruturantes de drenagem e pavimentação, as intervenções incluem a eliminação de históricos pontos de conflito nas Avenidas Guajajaras, Estradas de Ribamar (MA-201) e Maioba (MA-202), e no Planalto Anil. Pelo menos é o que garantem técnicos do Governo do Estado envolvidos com o projeto. “É uma obra grande, que começa na Forquilha mas que tem extensão até a Cohab e ao João de Deus e cujo grande objetivo é eliminar aqueles antigos pontos de conflito no trânsito que existiam na Forquilhinha, no Retorno da Forquilha e também no Retorno da Cohab”, informou o secretário-adjunto de Obras Rodoviárias, Samuel Gonçalves. Além desses três pontos, as obras também contemplaram melhorias em ruas e travessas do bairro da Forquilha e a construção de uma Ponte sobre o Rio Paciência, que se estenderá até o Shopping Pátio Norte, interligando as MAs 201 e 202, oferecendo acesso também às pessoas. O cronograma estabelecido pelos técnicos da Sinfra prevê a conclusão da obra em março.

Continuar lendo Obras na Forquilha beneficiam 20 bairros da região metropolitana de S. Luís
Deputado Edivaldo Holanda destaca ações estruturantes de drenagem em SL
Deputado Edivaldo Holanda e a importância de drenagem na Cidade Olímpica

Deputado Edivaldo Holanda destaca ações estruturantes de drenagem em SL

A implantação de uma rede de drenagem profunda no bairro da Cidade Olímpica, em São Luís, foi destaque na sessão da Assembleia Legislativa. Em pronunciamento feito na tribuna, o deputado Edivaldo Holanda (PTC) fez uma breve explanação técnica da obra, realizada pela Prefeitura de São Luís em parceria com o governo do Estado. “Começou uma grande obra na região da Cidade Olímpica, mais precisamente na Vila Sapinho, uma vila pobre”, anunciou o deputado Edivaldo. De acordo com o deputado Edivaldo Holanda, o trabalho de infraestrutura executado na Cidade Olímpica vai solucionar um problema crucial daquela comunidade: os alagamentos provocados pela ausência de drenagem adequada na localidade. Para o parlamentar, trata-se de uma ação que os governos não gostam de fazer devido à pouca visibilidade. “São aquelas obras que ficam enterradas, que ficam debaixo da terra, é aquilo que se chama drenagem”, disse o deputado Edivaldo. A intervenção de drenagem profunda na Cidade Olímpica vai permitir o escoamento correto de águas pluviais e solucionar os problemas de alagamentos críticos no bairro no período de chuvas.

Continuar lendo Deputado Edivaldo Holanda destaca ações estruturantes de drenagem em SL