Roseana Sarney não passará a faixa a Flávio Dino, pois não é mais a governadora do Maranhão
Roseana acena da janela dos Leões e dá "Tchau!", apesar do "Adeus" de Alcione (Foto Paulo Caruá)

Roseana Sarney não passará a faixa a Flávio Dino, pois não é mais a governadora do Maranhão

Roseana Sarney já não é mais a governadora do Maranhão e não passará a faixa ao governador eleito Flávio Dino. Ela entregou às 8,30 horas a carta-renúncia, em solenidade no Palácio dos Leões, faltando 21 dias para o término do seu quarto mandato. Na cerimônia, estiveram vários políticos, familiares e amigos. No discurso de despedida, Roseana citou a música “A Despedida”, da amiga Alcione Nazaré, cuja é emblemática: - “Adeus eu já vou me embora. É chegada a hora de eu me despedir. Assim como dia se despede da noite. Eu me despeço de ti”.. Ao final do pronunciamento, deu um “tchau”. A cadeira de governador será ocupada ainda hoje pelo presidente da Assembleia Legislativa, deputado Arnaldo Melo (PMDB). Já a presidência da AL será ocupada até fevereiro pelo deputado Max Barros. O cargo foi transmitido pelo presidente da AL- MA porque o vice-governador, Washington Oliveira, renunciou ao cargo em 2013, para assumir a vaga do conselho no Tribunal de Contas do Estado (TCE). Faltando 21 dias para terminar seu quarto mandato, a governadora do Maranhão, Roseana Sarney (PMDB), anunciou nesta quarta-feira (10) que sua renúncia ao cargo ocorre por “recomendações médicas”:

Continuar lendo Roseana Sarney não passará a faixa a Flávio Dino, pois não é mais a governadora do Maranhão
Segundo os Leões, agora é definitivo: Roseana renuncia hoje ao mandato de governadora
Roseana Sarney: antes da renúncia, preocupação com a perda de imunidade...

Segundo os Leões, agora é definitivo: Roseana renuncia hoje ao mandato de governadora

Tudo indica que a governadora Roseana Sarney Murad vai renunciar às 8,30 horas de hoje (10), em ato no Palácio dos Leões, sede do Governo do Maranhão. É o que informou em nota divulgada no final da noite, depois de um dia cheio de boatos acerca desse episódio. Até o dia 31 de dezembro, data em que terminaria para Roseana o seu governo, ficará respondendo pela chefia do Poder Executivo o deputado-presidente da Assembleia Legislativa, Arnaldo Melo. Segundo a nota que divulgou, os motivos da renúncia de Roseana ao governo estadual estariam relacionados a problemas de saúde. “Vou me ausentar do governo para cuidar da minha saúde”, disse, oportunidade em que externou satisfação pelo dever cumprido e desejou que Deus ilumine os futuros governantes. Ontem, em mais uma data anunciada para a tal renúncia, a governadora do Estado deixou o Maranhão em suspense. Ao invés de deixar o Palácio dos Leões e ir para casa, cumpriu uma agenda de inspeções de obras, acompanhada de boa parte do secretariado e do pai, o senador José Sarney (PMDB-AP). Uma dessas obras é a substituição da tubulação do Projeto Italuís, que traz água do Rio Itapecuru para a capital, cuja conclusão estava prevista para dezembro de 2013. No meio da programação, descerrou placa de inauguração da restauração do Ginásio Costa Rodrigues sem que este tenha as obras concluídas pela Secretaria de Infraestrutura. Meio acabrunhado, o secretário de Esportes, Joaquim Nagib Haickel, previu que até o dia 31 de dezembro o ginásio esteja pronto.

Continuar lendo Segundo os Leões, agora é definitivo: Roseana renuncia hoje ao mandato de governadora
Roseana Sarney deixa o governo do Maranhão no próximo domingo e vai para a Flórida
Depois de muito bla-bla-bla, Roseana confirma renúncia

Roseana Sarney deixa o governo do Maranhão no próximo domingo e vai para a Flórida

É esperada para o próximo domingo (7) a renúncia ao mandato da governadora do Maranhão Roseana Sarney (PMDB). Como ela mesma anunciou, depois da renúncia, vai tirar férias de três meses na Flórida (Estados Unidos). Roseana já teria redigido a carta-renúncia a ser encaminhada à Assembleia Legislativa na próxima terça-feira, pois segunda é feriado religioso (Dia de Nossa Senhora da Conceição). Com a renúncia, Roseana não terá de passar a faixa de governador a Flávio Dino (PCdoB), que a venceu no primeiro turno das eleições de outubro com 63,52% dos votos válidos. A própria governadora fez o anúncio na quarta-feira, durante almoço de confraternização com deputados estaduais da atual legislatura e os parlamentares eleitos, na ala residencial do Palácio dos Leões. O presidente da Assembleia Legislativa, Arnaldo Melo (PMDB), assumirá o comando do Estado interinamente, passando a Presidência do Poder Legislativo para o vice, Max Barros (também do PMDB). Tão logo deixe o Palácio dos Leões, onde vinha morando, Roseana Sarney irá para a casa do seu pai, o senador José Sarney, no Calhau. Ali permanecerá até o dia da viagem para a Flórida.

Continuar lendo Roseana Sarney deixa o governo do Maranhão no próximo domingo e vai para a Flórida
Confirmada renúncia da governadora Roseana Sarney, mas só no final de novembro, a 1 mês do término do mandato
Vários motivos apontam para a saída antecipada de Roseana do Palácio dos Leões...

Confirmada renúncia da governadora Roseana Sarney, mas só no final de novembro, a 1 mês do término do mandato

Roseana confirmou para três políticos bem próximos do senador José Sarney que vai mesmo renunciar ao cargo de governadora A governadora só vai renunciar oficialmente depois que entregar as avenidas Via Expressa e VI Centenário em São Luís e mais dois hospitais no interior do Estado. Ela tem reclamado que não aguenta mais as queixas de que foi a responsável por naufragar seu grupo político nesta última eleição e as cobranças de obras executadas e não pagas até hoje. Roseana, juntamente com o marido, filha e netos pretendem morar fora do Brasil ainda no mês de novembro. A governadora será substituída pelo presidente da Assembleia Legislativa, deputado Arnaldo Melo. No lugar dele, na presidência do parlamento maranhense, vai assumir o deputado reeleito Max Barros.

Continuar lendo Confirmada renúncia da governadora Roseana Sarney, mas só no final de novembro, a 1 mês do término do mandato
A bomba anunciada. Mais uma vez, membros do clã Sarney estão no centro dos escândalos de corrupção
O ministro Edison Lobão, Roseana Sarney e Paulo Roberto Costa, preso que aceitou a delação premiada para dizer o que sabe à PF...

A bomba anunciada. Mais uma vez, membros do clã Sarney estão no centro dos escândalos de corrupção

Em depoimento de delação premiada, ex-diretor Paulo Roberto Costa cita envolvimento de Edison Lobão, Sérgio Cabral, Roseana Sarney e Eduardo Campos – nome de Renan Calheiros foi antecipado pelo ‘ Estadão’. Governadores de três estados que receberam investimentos da Petrobras – Eduardo Campos, de Pernambuco; Sérgio Cabral, do Rio de Janeiro; e Roseana Sarney, do Maranhão – foram citados pelo ex-diretor de abastecimento da estatal, Paulo Roberto Costa, em depoimento na Polícia Federal, como suposto beneficiários do esquema de recursos e lavagem de dinheiro investigado na Operação Lava-Jato. O ex-governador e então candidato a presidente pelo PSB, Eduardo Campos, faleceu em acidente aéreo, no dia 13 de agosto, no litoral paulista. Segundo informa a Revista Veja desta semana, também estão na lista de citados por Costa o ministro das Minas e Energia, Edison Lobão, além de seis senadores e pelo menos 25 deputados federais. O portal Estadão.com.br, na tarde de sexta-feira, 5, que o ex-diretor havia revelado à PF os nomes de pelo menos 30 deputados federais que haviam recebido dinheiro do esquema. Entre eles, estaria o presidente do Senado, Renan Calheiros De acordo com a revista, Paulo roberto Costa também teria mencionado o presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), além dos senadores Ciro Nogueira (PP-PI) e Romeu Jucá (PMDB-RR). Entre os deputados estariam Cândido Vaccarezza (PT-SP) e João Pizzolatti Foram citados, ainda, o ex-ministro das Cidades, Mário Negromonte, e o tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, que faria a “ponte” do esquema com o partido. O nome de Vaccari já havia aparecido nas investigações da Operação Lava Jato. Ele teria visitado as empresas do doleiro Alberto Youssef, a principal engrenagem do esquema investigado pela PF

Continuar lendo A bomba anunciada. Mais uma vez, membros do clã Sarney estão no centro dos escândalos de corrupção
Governadora Roseana decreta luto de 3 dias pela morte de Eduardo Campos
A governadora Roseana Sarney se disse consternada com a morte de Eduardo Campos.

Governadora Roseana decreta luto de 3 dias pela morte de Eduardo Campos

A governadora do Maranhão, Roseana Sarney, decretou luto de três dias pela morte do governador licenciado de Pernambuco e candidato à presidência da República, Eduardo Campos, do PSB, ocorrida em acidente aéreo, no início desta quarta-feira (13), em Santos (SP). Ao saber da notícia, Roseana Sarney se disse bastante consternada e emitiu Nota de Pesar, na qual se solidarizou com a família do político nordestino. - “Sempre tive uma relação de muito respeito com Eduardo Campos. Ficamos todos tristes com essa tragédia. Solidarizo-me com a família e, em especial, com Anna Arraes, mãe de Eduardo Campos, ex-deputada federal e atual Ministra do Tribunal de Contas da União. Tenho certeza de que Pernambuco e o Brasil perdem um nordestino e homem de futuro na política brasileira”, declarou a governadora.

Continuar lendo Governadora Roseana decreta luto de 3 dias pela morte de Eduardo Campos
Ricardo Murad, secretário de Saúde e Segurança, fala de “renovação histórica” nos quadros da PM do Maranhão
Roseana assina Medida Provisória da PM, negociada por Ricardo Murad

Ricardo Murad, secretário de Saúde e Segurança, fala de “renovação histórica” nos quadros da PM do Maranhão

A governadora do Maranhão, Roseana Sarney, assinou, na sexta-feira, 18, a Medida Provisória nº 173/2014, que garante benefícios aos integrantes da Polícia Militar do Maranhão (PMMA). Entre as determinações, o documento acelera as promoções, cria novos cargos de coronel e diminui o tempo de interstício (prazo para ascensão de posto). A decisão é coadjuvada pelo secretário de Saúde, acumulando o cargo de secretário de Segurança Pública, Ricardo Murad, que classifica de "histórica" a renovação nos quadros da PMMA. O ato da governadora ocorreu após uma série de protestos e caras feias por parte de centenas de integrantes dos quadros da Polícia Militar do Maranhão. No último, os militares se amotinaram no pátio da Câmara Municipal de São Luís por vários dias como parte da luta para conseguir direitos que lhes foram negados ao longo do tempo. A participação do secretário de Saúde, Ricardo Murad, que passou a acumular a pasta da Segurança Pública, com a saída de Aluísio Mendes, foi decisiva para o término de movimento. No ato da concessão dos benefícios, Roseana Sarney disse ser “essa mais uma medida de valorização da tropa, já beneficiada recentemente com o reajuste das gratificações pelo exercício de função e pela garantia de poder levar para a reserva a remuneração da última patente, mesmo que não tenha ficado cinco anos no último posto”.

Continuar lendo Ricardo Murad, secretário de Saúde e Segurança, fala de “renovação histórica” nos quadros da PM do Maranhão
Falta pouquinho! Roseana Sarney: sair ou não sair do governo, eis a questão…
Roseana Sarney: saída do governo, mais que um dilema, uma aposta no escuro...

Falta pouquinho! Roseana Sarney: sair ou não sair do governo, eis a questão…

O prazo-limite para militantes políticos que ocupam cargos públicos deixarem suas pastas, caso decidam disputar a eleição de 5 de outubro de 2014, é 5 de abril – exatos seis meses antes do pleito. Como a data cai num sábado, logo na sexta-feira, 4, é provável que todos já tenham caído fora. Se amanhecerem na segunda, 6, sentados em suas polpudas cadeiras, babau, no máximo sobra a função de cabo eleitoral. A desincompatibilização, ou não, da governadora do Maranhão, Roseana Sarney, é a mais esperada por aqui. Tudo parou por conta dessa decisão. Até parece que o Estado navega num mar de rosas, onde tudo é progresso, prosperidade... Roseana Sarney sairia para disputar um mandato de senadora. Nestes últimos dias, o pessoal do Palácio dos Leões está que nem passarinho na muda – não canta. O staff governamental fechou-se em copas. E joga com todas as possibilidades... De uns, a governadora ouve: “Sai que é barbada...” Aí ela revê as pesquisas eleitorais – contratadas ou não pelos partidários – e recua. Afinal seus índices de rejeição como pré-candidata não a aconselham a aventuras, o mesmo valendo quando os institutos avaliam o desempenho do seu governo... Outros chegados da branca são mais realistas. “Se fosse a senhora, ficaria no governo até o fim, dava um “bye passe” em Arnaldo Melo e ainda elegeria Luís Fernando governador...”. Mas, como uma boa jogadora, ela para, pensa... Há quem diga que o gênio da política (para o bem e para o mal) José Sarney é quem dará a palavra final. Sarney anda meio macambúzio com a mídia nacional, que fuxica a toda hora, querendo eternizá-lo como um fiel serviçal da ditadura militar. Ah! Mas quando se trata de defender os “dois leões” da Praça Dom Pedro II, ele logo se recupera e passa a palpitar... Sexta-feira chegou até a correr um forte boato de que Roseana teria batido o martelo pela desincompatibilização. Foi só fumaça. Mas não é o maranhense mesmo que costuma dizer que onde existe fumaça há fogo? Eu também estou muito apreensivo. Apostei com o meu amigo João Câmara, maranhense e tucano emplumado em São Paulo, que Roseana sai do governo dia 5 para tentar ser senadora. Se Roseana não sair, perco, no mínimo, seis litros de uísque Old Par. Meu amigo Lourival Bogéa, diretor do Jornal Pequeno, é meu parceiro nessa aposta. Vai ajudar a rachar o prejuízo comigo, já que ele também é de opinião que Roseana arriscará todo o seu cacife político em outubro. Falta pouquinho... Mas que a curiosidade é grande, isso é...

Continuar lendo Falta pouquinho! Roseana Sarney: sair ou não sair do governo, eis a questão…
Para os professores, o reajuste anunciado por Roseana será retroativo a janeiro de 2014
Roseana, por ocasião do anúncio de reajuste salarial para servidores

Para os professores, o reajuste anunciado por Roseana será retroativo a janeiro de 2014

A governadora Roseana Sarney anunciou, na tarde desta quarta-feira, 19, o aumento salarial aos servidores ativos e inativos do Estado, previsto na lei 9664. Na ocasião, ela estava acompanhada dos secretários de Estado Chefe da Casa Civil, João Abreu, de Planejamento, João Bernardo Bringel, da secretária de Comunicação Social, Carla Georgina, e da secretária de Cultura, Olga Simão, A medida que, de acordo com a governadora, é um reconhecimento a dedicação e aos trabalhos realizados pelos funcionários do estado, estabeleceu o Plano Geral de Carreiras e Cargos dos Servidores Estaduais em abril de 2012 e prevê o investimento de mais de R$ 1bi até 2015. “Do total, R$800 milhões está destinado ao reajuste de salários de 61 mil servidores da ativa e 26 mil inativos. Com isso, conforme a lei nº 9.664, a aplicação do plano estaria condicionada ao crescimento da receita líquida do Estado. Tivemos, no entanto, uma queda do Fundo de Participação, mas não da arrecadação. O reajuste possível seria de 62,03% do previsto no Plano de Cargos e Salários. Mas decidi aplicar o reajuste integral”, afirmou a governadora Roseana Sarney. A medida beneficia todos os servidores públicos, inclusive o magistério. O reajuste passa a valer a partir do mês de fevereiro e, para os professores, será pago retroativo a partir de janeiro de 2014.

Continuar lendo Para os professores, o reajuste anunciado por Roseana será retroativo a janeiro de 2014
Até que enfim! Roseana Sarney se pronuncia e diz que vai garantir “paz e tranquilidade” aos maranhenses
Roseana põe a cara prá bater e endurece contra as facções criminosas

Até que enfim! Roseana Sarney se pronuncia e diz que vai garantir “paz e tranquilidade” aos maranhenses

A governadora se solidarizou com as vítimas dos atos de violência da última sexta-feira e anunciou o reforço das ações contra o tráfico de drogas Ladeada pelos secretários de Segurança Pública, Aluísio Mendes, e de Administração Penitenciária, Sebastião Uchoa, além do comandante da PMMA, coronel Zanoni Porto, e da delegada geral da Polícia Civil, delegada Crisitna Rezende, a governadora Roseana Sarney ocupou agora há pouco os meios de comunicação para fazer um pronunciamento se solidarizando com as vítimas de atos de violência e repudiando, de forma veemente, as ocorrências registradas na sexta-feira (3), em São Luís: - “Quero externar a minha dor pela morte da menina Ana Clara e transmitir a minha solidariedade aos seus familiares, em especial à sua mãe e irmãzinha de um ano, feridas no mesmo ataque de criminoso”, declarou ela. No pronunciamento, Roseana Sarney aborda o relatório elaborado pelo Governo do Estado e que encaminhou na sexta-feira (3) ao Ministério Público Federal (MPF): - “Já encaminhei à Procuradoria Geral da República (PGR) as informações sobre o sistema carcerário do Estado. No relatório estão detalhados o trabalho realizado e o plano de investimentos de mais de R$ 130 milhões na construção de novos presídios, equipamentos, melhoria e manutenção das unidades existentes”, afirmou. A governadora também assinalou que as ações da polícia vão continuar. “Reafirmo a minha determinação em combater o crime e o tráfico de drogas (...) Da parte do governo, não faltarão força e determinação para enfrentar os criminosos e manter a paz e a tranquilidade”, ressaltou.

Continuar lendo Até que enfim! Roseana Sarney se pronuncia e diz que vai garantir “paz e tranquilidade” aos maranhenses