EUA aprovam primeiro medicamento desenvolvido para prevenir enxaquecas crônicas
This May 10, 2018, image provided by Amgen Inc. shows an artist's rendering of the packaging for the drug Aimovig, the first in a new class of long-acting drugs designed to prevent chronic migraines. On Thursday, May 17, 2018, the Food and Drug Administration approved the medication, clearing the monthly shot for sale. (Amgen Inc. via AP)

EUA aprovam primeiro medicamento desenvolvido para prevenir enxaquecas crônicas

TRENTON, EUA - O primeiro medicamento criado para prevenir enxaquecas crônicas foi aprovado pela Administração de Alimentos e Medicamentos dos EUA (FDA, na sigla em inglês) na quinta-feira, 17, dando início ao que muitos especialistas acreditam que seja uma nova era no tratamento de pessoas que sofrem da forma mais severa de dor de cabeça. O Aimovig bloqueia a ação do fragmento de uma proteína, a CGRP, que instiga e perpetua as dores de cabeça. “Os remédios terão um grande impacto”, afirmou o dr. Amaal Starling, neurologista e especialista em enxaquecas na Mayo Clinic, em Phoenix. Um estudo mostrou que os pacientes que receberam Aimovig perceberam uma redução no número de dias que sofriam de enxaqueca de oito para quatro vezes ao mês. Além disso, eles apresentaram efeitos colaterais semelhantes, a maioria resfriados ou infecções respiratórias. Alguns pacientes chegaram inclusive a se livrar por completo da dor de cabeça, disse Sean Harper, diretor de pesquisa da Amgen. O Aimovig bloqueia a ação do fragmento de uma proteína, a CGRP, que instiga e perpetua as dores de cabeça. “Os remédios terão um grande impacto”, afirmou o dr. Amaal Starling, neurologista e especialista em enxaquecas na Mayo Clinic, em Phoenix. As novas drogas não são capazes de prevenir todas as crises de enxaqueca, mas podem torná-las menos severas e reduzir a sua frequência em 50% ou mais, de acordo com os especialistas.

Continuar lendo EUA aprovam primeiro medicamento desenvolvido para prevenir enxaquecas crônicas

Roberto Rocha pede comissão permanente no Senado para discutir segurança e narcotráfico

O senador Roberto Rocha (PSB-MA) defendeu esta semana, em entrevista à Radio Senado, a criação de uma comissão permanente para discutir segurança pública e combate ao tráfico de drogas. “O Senado não pode ficar alheio a essa discussão”, afirmou. Roberto Rocha explicou que o assunto é um dos que mais preocupam a população e, portanto, precisa encontrar espaço para o debate no Senado, casa parlamentar que representa os estados, principais responsáveis pela segurança pública. A nova comissão irá abordar de maneira mais detalhada temas como segurança pública, direito penal, sistema penitenciário e políticas antidrogas. Atualmente, o assunto é tratado pela Comissão de Constituição e Justiça e existe uma Subcomissão de Segurança, ligada à CCJ, que nunca foi instalada. Na opinião do senador, além da dificuldade de quórum, a subcomissão não é o melhor espaço para discussão, pois todos os projetos e audiências precisariam ser aprovados novamente pela CCJ. “O que defendo é uma proposta simples para algo que deveria estar existindo no Senado desde sempre, porque tem mais mobilidade, tem mais estrutura, mais apoio, inclusive financeiro, para viajar para as diversas regiões do Brasil para discutir com governadores, com entidades, com a sociedade”, explicou Roberto Rocha.

Continuar lendo Roberto Rocha pede comissão permanente no Senado para discutir segurança e narcotráfico
Monitor é preso em flagrante transportando drogas no Presídio São Luís 2
Um caso concreto de entrada de drogas no presídio São Luís 2

Monitor é preso em flagrante transportando drogas no Presídio São Luís 2

O monitor penitenciário Gilson Carlos Cordeiro foi autuado em flagrante pela Polícia Militar no Presídio São Luís 2 por volta das 20 h desta terça-feira (5). O funcionário, que é contratado por empresa terceirizada, chegou ao presídio para cumprir o plantão dirigindo uma moto de sua propriedade e foi abordado pelos policias que localizaram mais de 350 pacotes de craque que, supostamente, seriam distribuídos aos detentos. Gilson Cordeiro já foi conduzido à delegacia da Vila Embratel e até a próxima quinta-feira (7) estará formalmente desligado do quadro da Secretaria da Administração Penitenciária (Sejap). Em cinco dias esse foi o segundo episódio em que a secretaria detectou e puniu energicamente funcionários tentando entrar em unidades prisionais com material ilícito.

Continuar lendo Monitor é preso em flagrante transportando drogas no Presídio São Luís 2
Justiça e Polícia se unem para encurralar traficantes em Duque Bacelar
Maconha e outros "bagulhos" mapeados pela polícia em Duque Bacelar

Justiça e Polícia se unem para encurralar traficantes em Duque Bacelar

Segundo divulgou o site da Secretaria de Segurança Pública do Maranhão (SSP-MA), operação realizada por equipes da Delegacia de Duque Bacelar, com apoio de policiais militares do 4º BPM de Caxias, deu cumprimento a 10 mandados de busca e apreensão na cidade. A ação foi desencadeada com base em levantamentos de pontos de incidência de tráfico na cidade, distante 346 km de São Luís. De acordo com informações do delegado Leonam Fonseca, a Operação foi baseada em sete meses de investigações feitas pela Polícia Civil. “Foram levantados pontos de maior circulação de drogas com base em depoimentos de usuários”, relatou o delegado.

Continuar lendo Justiça e Polícia se unem para encurralar traficantes em Duque Bacelar

Polícia retira usuários de drogas da feira da Cidade Operária. E dos semáforos, quando vai ser?

Há muito, a população de São Luís reclama da aglomeração de usuários de drogas nos logradouros públicos e, principalmente nos sinais de trânsito da cidade. Os dos retornos da Forquilha, do São Francisco, da Avenida Kennedy são os mais notórios. Sob a desculpa de limpar para-brisas, os drogados cessam e peneiram nesse locais. Muitos agridem quem passa em seus automóveis, quando alguém se recusa a aceitar o “serviço” ou não dispõe de dinheiro vivo para “pagar”... A decisão de retirar dezenas de usuários de drogas da feira da Cidade Operária não partiu do Ministério Público ou do Judiciário, através dos seus setores competentes: as polícias Militar e Civil, de tanto ouvir queixas, resolveram agir, através do major Aritanã. Encheram um ônibus e “despejaram” no Centro de Atenção Psicossocial (Caps) do Monte Castelo, gerido pela Prefeitura de São Luís. Mas essa é uma ação isolada. Os poderes executivos do Município e do Estado, o Ministério Público Estadual, o Poder Judiciário, através de suas varas específicas, têm responsabilidade e autoridade para solucionar esse problema que vem crescendo e envergonhando a cidade.

Continuar lendo Polícia retira usuários de drogas da feira da Cidade Operária. E dos semáforos, quando vai ser?
Polícia divulga nome de 25 participantes da “festa de arromba”, no Araçagi
A "turma da pesada" sendo indiciada na polícia

Polícia divulga nome de 25 participantes da “festa de arromba”, no Araçagi

Maioria foi autuada por formação de quadrilha e porte ilegal de armas. Dentre os detidos, estavam dez adolescentes Trinta e oito pessoas foram detidas em uma casa de eventos no bairro Araçagi, em São José de Ribamar. Segundo a polícia eles fazem parte de um grupo suspeito de praticar assaltos, tráfico de drogas e homicídios na região metropolitana de São Luís. Durante a ação da polícia houve tiroteio, um dos suspeitos foi atingido morreu. Mais de 50 policiais participaram da ação em uma casa de eventos. Segundo a polícia, o imóvel teria sido alugado por uma quadrilha responsável por vários assaltos, homicídios, latrocínios e tráfico de drogas na região metropolitana de São Luís. No entanto, a maioria foi autuada por formação de quadrilha ou porte ilegal de armas.

Continuar lendo Polícia divulga nome de 25 participantes da “festa de arromba”, no Araçagi