Helena Duailibe convida todos os trabalhadores do SUS para a conferência municipal de Saúde
Secretária Helena Duailibe (com Edivaldo Júnior): importante participar da conferência

Helena Duailibe convida todos os trabalhadores do SUS para a conferência municipal de Saúde

A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SEMUS) e Conselho Municipal, realizará, entre os dias 1º e 3 de setembro, a 10ª edição da Conferência Municipal de Saúde de São Luís, a partir das 8h30, no Auditório Central da Universidade Federal do Maranhão (UFMA). O objetivo da Conferência Municipal de Saúde é avaliar e propor diretrizes para a formulação da política de saúde nos três níveis de gestão (federal, estadual e municipal), além de ampliar as discussões junto a população sobre a saúde púbica como um todo. A conferência Municipal elegerá também seus delegados, que participarão da conferência estadual que, por sua vez, indica seus representes na Conferência Nacional de Saúde. O tema da conferência é "Saúde pública para cuidar bem das pessoas, direito do povo brasileiro". A titular da Secretaria Municipal de Saúde, Helena Duailibe, reforçou o papel das conferências e a importância da participação conjunta dos gestores, usuários e trabalhadores do Sistema Único de Saúde no debate. "É uma determinação do Prefeito Edivaldo que todos os gestores de área participem conjuntamente com a gestão pública municipal", disse a secretária.

Continuar lendo Helena Duailibe convida todos os trabalhadores do SUS para a conferência municipal de Saúde
Terra em perigo! Muito difícil convencer países a cortar emissões de gases-estufa
Sala plenária da COP 19, em Varsóvia.(Reuters/Kacper Pempel)

Terra em perigo! Muito difícil convencer países a cortar emissões de gases-estufa

Reunião em Varsóvia se estendeu até a tarde deste sábado e pouco produziu de positivo para diminuir a tempearatura global O acordo de Varsóvia traçando o caminho para a conferência de Paris foi alcançado neste sábado depois de mais de uma hora de discussões informais entre chefes de delegações de grandes países como China, Índia e Estados Unidos, entre outros. Após mais de 24 horas de negociações tensas que anunciavam o fracasso da COP 19, eles se reuniram em um canto da sala plenária para definir os termos de um texto aceitável para todos. Segundo Jennifer Morgan, diretora do centro de Pesquisas World Resources Institute (WRI), "na última hora, eles fizeram o que era preciso para que o processo continue". Os países se comprometeram a concluir em 2015 um acordo de redução das emissões de gases de efeito estufa que deverá entrar em vigor em 2020, envolvendo todos os países, juridicamente vinculativo e suficientemente ambicioso para limitar o aquecimento global a 2°C em relação à era pré-industrial. O documento não cita, no entanto, nenhuma meta numérica. Atualmente, o aumento da temperatura na Terra está em uma trajetória de cerca de 4°C.

Continuar lendo Terra em perigo! Muito difícil convencer países a cortar emissões de gases-estufa
Alerta geral! Mundo corre o risco de ficar 3,6° mais quente
O alerta de preservação do clima da terra está lançado...

Alerta geral! Mundo corre o risco de ficar 3,6° mais quente

Da Agência Lusa Paris - O mundo ficará, a longo prazo, 3,6 graus Celsius (ºC) mais quente se os governos simplesmente mantiverem os seus objetivos atuais, alertou, nesta terça-feira (12), a Agência Internacional de Energia (AIE). Os representantes da agência participam em Varsóvia (Polônia) das discussões sobre as alterações climáticas. No cenário estabelecido pela AIE para os países desenvolvidos, as emissões de gases que provocam o efeito estufa relacionados com a energia, que representam cerca de dois terços do total das emissões, sofrerão um aumento de 20% até 2035, mesmo com os esforços já anunciados pelos países comprometidos com as preocupações ambientais. Este cenário " leva em conta o impacto das medidas anunciadas pelos governos para melhorar a eficiência energética, o apoio às energias renováveis, a redução dos subsídios aos combustíveis fósseis e, em alguns casos, a colocação de um preço nas emissões de gás carbônico", disse a AIE no relatório anual de referência, apresentado ontem em Londres.

Continuar lendo Alerta geral! Mundo corre o risco de ficar 3,6° mais quente
Flávio Dino lança pré-candidatura e apresenta proposta de governo
Flávio Dino anuncia pré-candidatura ao governo

Flávio Dino lança pré-candidatura e apresenta proposta de governo

Durante ato político a ser promovido pelo PCdoB na noite desta sexta (04), o pré-candidato ao governo do Estado, Flávio Dino, apresentará a primeira proposta do Plano de Governo a ser protocolado no Tribunal Regional Eleitoral em 2014 e lançará oficialmente sua pré-candidatura. O ex-deputado federal e atual presidente da Embratur afirmou via redes sociais que elaborou a primeira proposta do Plano de Governo após ouvir várias regiões do estado, por meio do movimento Diálogos pelo Maranhão. Capitaneado por Flávio Dino o movimento já percorreu todas as regiões do estado, aglutinando representantes de várias agremiações partidárias, a exemplo do PDT, PSB, PT, PPS, PR, PTC, entre outros.

Continuar lendo Flávio Dino lança pré-candidatura e apresenta proposta de governo