Avaliação do ensino superior: melhores e piores faculdades do Maranhão, segundo o MEC

Para estabelecer o ranking, é levado em consideração o IGC, Índice Geral de Cursos, que vai de 1 a 5. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgou na última segunda-feira (27), o ciclo de avaliação do ensino superior brasileiro referente ao ano de 2016. Das 2.132 instituições de ensino avaliadas, 307 são consideradas insatisfatórias pelo MEC. O Maranhão possui cinco faculdades na lista das piores instituições, das 31 avaliadas no estado. Para estabelecer o ranking, é levado em consideração o IGC, Índice Geral de Cursos, que vai de 1 a 5. São consideradas insuficientes as instituições que possuem nota menor que 3. Estas podem receber punições, como a proibição de abertura de vestibulares até que se tomem providências para a melhora da nota. Confira a lista de instituições maranhenses aprovadas e reprovadas pelo MEC:

Continuar lendo Avaliação do ensino superior: melhores e piores faculdades do Maranhão, segundo o MEC

Queda na avaliação da gestão Doria, em SP: aprovação de 32% e reprovação de 26%, diz o Datafolha

Pesquisa do Datafolha divulgada neste domingo (8) pelo jornal “Folha de S.Paulo” mostrou os seguintes percentuais de avaliação da gestão do prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB): - Ótimo/bom: 32% - Regular: 40% - Ruim/péssimo: 26% - Não sabe: 2% O levantamento do Datafolha foi realizado nos dias 4 e 5 de outubro. Foram ouvidas 1.092 pessoas com 16 anos ou mais na cidade de São Paulo. A margem de erro da pesquisa é de três pontos percentuais, para mais ou para menos. O percentual de pessoas que rejeitam a sua administração foi de 22% em junho para 26% agora, e os que a aprovam foi de 41% para 32%. Outros 40% consideram que o governo de Doria é regular. Em evento no Ipiranga, na Zona Sul, Doria afirmou na manhã deste domingo que respeita a pesquisa.  "Pesquisa é sempre uma referência. É importante respeitar pesquisa, e eu respeito", disse. "Estamos com nove meses de gestão à frente da Prefeitura de São Paulo, sem recurso, vocês sabem disso. Temos R$ 7,5 bilhões de déficit no orçamento que foi herança do PT, que nos deixou esse rombo", completou. Entre os problemas apontados pelos eleitores na administração de Doria em São Paulo, estão as constantes falhas nos semáforos da cidade. Para 50% dos entrevistados, o sistema é ruim ou péssimo. Na cidade como um todo, outros dados da pesquisa mostram que 64% acreditam que o prefeito fez menos do que poderia, contra 53% em junho e 39% em seu primeiro mês na administração.

Continuar lendo Queda na avaliação da gestão Doria, em SP: aprovação de 32% e reprovação de 26%, diz o Datafolha

Aprovação de Temer cai a 7%, o menor índice em 28 anos, diz Datafolha

Uma nova pesquisa do instituto Datafolha apurou que a aprovação do governo Michel Temer é de 7%. Na série histórica, trata-se do pior resultado para um presidente em 28 anos. Apenas José Sarney atingiu patamar tão baixo em quase três décadas, ao somar 5% de avaliações positivas em setembro de 1989, durante a crise da hiperinflação. A impopularidade do presidente aumentou desde a revelação da colaboração premiada dos donos da JBS, que situaram Temer no centro de um esquema de corrupção nacional. Segundo o Datafolha, 69% do público considerada a gestão ruim ou péssima, e 23% avaliam o governo como regular. Mulheres, jovens e eleitores de renda mais baixa mostram mais indisposição com Temer, em comparação com a média da população. Em 1989, 68% consideravam ruim ou péssima a atuação de Sarney, enquanto 24% julgavam a administração regular. Impopularidade O novo levantamento do instituto ouviu 2.771 pessoas entre quarta-feira e a sexta-feira. Os novos números evidenciam a queda da popularidade do presidente, que, há dois meses, somava 9% entre os entrevistados que avaliavam a gestão como ótima ou boa. No fim de abril, 61% julgavam o governo como ruim ou péssimo e 28% enxergavam uma administração regular. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos. O Datafolha ainda informou que a nota do presidente caiu de 3 para 2,7 na nova pesquisa. Não souberam responder 2% dos entrevistados. A avaliação de Temer é pior que a de Dilma Rousseff às vésperas da conclusão do processo de impeachment, quando a petista seria destituída pelo Congresso.

Continuar lendo Aprovação de Temer cai a 7%, o menor índice em 28 anos, diz Datafolha
Márcio Jerry avalia como “exitoso” encontro de prefeitos maranhenses do PCdoB
PCdoB: Encontro de avaliação e perspectivas das adminisitrações municipais, define Márcio Jerry

Márcio Jerry avalia como “exitoso” encontro de prefeitos maranhenses do PCdoB

Prefeitos e prefeitas do Partido Comunista do Brasil – Maranhão (PCdoB-MA) se reuniram na tarde dessa quinta-feira, dia 11, em São Luís. De acordo com Márcio Jerry, presidente do diretório estadual do partido e secretário de Articulação Política e de Comunicação do governo, o encontro teve o objetivo de reunir forças na luta para o Maranhão continuar mudando. “A reunião foi um momento de integração dos prefeitos, de troca de experiências sobre os quatro primeiros meses de gestão e planejamento de ações integradas no âmbito partidário. Fortalecimento, portanto, da dimensão institucional da atuação do PCdoB”, explica Márcio, que ainda fez uma avaliação do evento. “Foi um encontro muito exitoso, muito bem avaliado pelos próprios participantes e que vai continuar como ação permanente de articulação e integração entre os prefeitos, de engajamento deles em uma agenda de mudanças que está sendo construída, liderada pelo governador Flávio Dino”.

Continuar lendo Márcio Jerry avalia como “exitoso” encontro de prefeitos maranhenses do PCdoB

Segundo o G1, Flávio Dino é um dos governadores mais eficientes do país

O levantamento mostrando que Flávio Dino é o segundo governador no Brasil inteiro que mais cumpriu os compromissos registrados na Justiça Eleitoral foi realizado pela imprensa e avaliou todas as áreas da gestão. O estudo mostra que, até o fim do ano passado, 78,37% dos compromissos assumidos oficialmente junto à Justiça Eleitoral tinham sido cumpridos totalmente ou estavam em fase de execução. O levantamento foi feito em dezembro pelo portal de notícias G1. O levantamento já apresenta muitas das mais importantes ações executadas pela gestão atual. É o caso da Saúde, por exemplo. O estudo lembra que foi cumprida a promessa de reduzir o déficit de médicos no Estado, com a criação da Fesma (Força Estadual de Saúde). Sobre a Educação, é citada a criação da Uema Sul, os programas de combate ao analfabetismo, a reforma de escolas e a implantação de um programa de formação de doutores, entre outros. O desempenho de Flávio Dino como governador mais eficiente também é explicado pelas ações nos Direitos Humanos, como é o caso do Mais IDH. O Bolsa Escola também está incluído no levantamento, bem como o CNH Jovem.

Continuar lendo Segundo o G1, Flávio Dino é um dos governadores mais eficientes do país
Governo Temer: só 10% de aprovação. Reprovação vai a 55%, segundo Ibope/CNI
Temer: contando índices de popularidade nos dedos... Impopularidade vai a 55 pontos!

Governo Temer: só 10% de aprovação. Reprovação vai a 55%, segundo Ibope/CNI

Índice de entrevistados que consideram governo 'regular' é de 31%. Pesquisa foi encomendada pela CNI e ouviu 2.000 eleitores entre 16 e 19 de março; margem de erro é de 2 pontos. Pesquisa divulgada nesta sexta-feira (31) mostra os seguintes percentuais de avaliação do governo do presidente da República, Michel Temer (PMDB): Ótimo/bom: 10% Regular: 31% Ruim/péssimo: 55% Não sabe/não respondeu: 4% Pesquisa divulgada nesta sexta-feira (31) mostra os seguintes percentuais de avaliação do governo do presidente da República, Michel Temer (PMDB): Ótimo/bom: 10% Regular: 31% Ruim/péssimo: 55% Não sabe/não respondeu: 4% O levantamento do Ibope, encomendado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), foi realizado entre os dias 16 e 19 de março e ouviu 2.000 pessoas em 126 municípios. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança da pesquisa divulgada nesta quarta, segundo a CNI, é de 95%, o que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro de dois pontos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%. Esta é a primeira pesquisa Ibope encomendada pela CNI divulgada neste ano. No último levantamento, de dezembro de 2016, Temer aparecia com aprovação de 13% dos entrevistados, enquanto 46% consideravam o governo "ruim/péssimo" e 35%, "regular" – à época, 6% não souberam opinar ou não responderam. Desde que Temer se tornou presidente efetivo, após o impeachment de Dilma Rousseff ser aprovado pelo Congresso Nacional, esta é a terceira pesquisa Ibope encomendada pela CNI (as anteriores foram divulgadas em dezembo e em outubro de 2016; houve uma em julho do ano passado, mas ele ainda era presidente em exercício).

Continuar lendo Governo Temer: só 10% de aprovação. Reprovação vai a 55%, segundo Ibope/CNI

68% apoiam impeachment e Lula é melhor presidente da história, segundo o Data Folha

Pesquisa Datafolha divulgada sábado (19) no jornal “Folha de S.Paulo” indica os seguintes percentuais, na opinião dos entrevistados, sobre como os deputados deveriam votar em relação ao impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT): Pesquisa Datafolha divulgada sábado (19) no jornal “Folha de S.Paulo” indica os seguintes percentuais, na opinião dos entrevistados, sobre como os deputados deveriam votar em relação ao impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT): – Sim: 68% – Não: 27% – Indiferente: 3% – Não sabe: 2% Na pesquisa anterior, de fevereiro, 60% se disseram a favor do impeachment, contra 33% que eram desfavoráveis. Esta reportagem está sendo atualizada com os dados da pesquisa. O Datafolha realizou o levantamento nos dias 17 e 18 de março. O instituto ouviu 2.794 eleitores em 171 municípios de todo o país. As somas podem passar ou ficar abaixo dos 100% por conta de arredondamentos, informou o instituto. A pesquisa quis ainda saber se os entrevistados entendem que Dilma deveria renunciar. Os resultados foram: – Sim: 65% – Não: 32% – Não sabe: 3% Com relação à avaliação do governo, o resultado foi: – Ótimo/bom: 10% – Regular: 21% – Ruim/péssimo: 69%

Continuar lendo 68% apoiam impeachment e Lula é melhor presidente da história, segundo o Data Folha
Pesquisa Data M: Governo Flávio Dino é aprovado por 74,4% da população
Flávio Dino: com aprovação em alta, visita os parque folcclóricos da cidade

Pesquisa Data M: Governo Flávio Dino é aprovado por 74,4% da população

Pesquisa realizada pelo Instituto Data M, divulgada neste sábado (20) revela que a gestão do governo Flávio Dino é aprovada por 74,4% da população maranhense. Para essa constatação, o instituto ouviu 3.000 eleitores maiores de 16 anos, em 33 municípios de todas as regiões do Estado, entre os dias 8 e 15 de junho. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. Esta é a primeira pesquisa realizada pelo Instituto Data M, para avalar a popularidade do governador Flávio Dino, e confirma resultados já divulgados por outros institutos A intenção do Data M é realizar avaliaçoes periódicas do governo estadual e de adminsitrações municipais dos principais municípios do Estado. Na última pesquisa divulgada em abril, a aprovação do governo Flávio Dino variou positivamente de 72% para 74%. Os índices de não aprovação praticamente se mantiveram nos mesmos patamares de 23%. O saldo da diferença entre os que acham ótimo/bom e ruim/péssimo manteve-se praticamente inalterado, variando de 27 para 26 pontos. A diferença entre aprovação-desaprovação permaneceu em 51 pontos percentuais. “Os dados mostram que há uma aprovação muito estável do governo Flávio Dino”, aponta o relatório analítico do Instituto Data M. O relatório destaca que a aprovação se dá em todas as regiões pesquisadas, sendo mais elevada no sul do estado, em que chega a 82%.

Continuar lendo Pesquisa Data M: Governo Flávio Dino é aprovado por 74,4% da população
Pesquisa Data Folha:  55% dos brasileiros acham que situação da economia vai piorar
Diante de um horizonte de incertezas econômicas no país, a avaliação do governo Dilma Roussef vai para o buraco...

Pesquisa Data Folha: 55% dos brasileiros acham que situação da economia vai piorar

Oito em cada 10 brasileiros esperam alta da inflação. Aprovação de Dilma cai de 42% para 23%. Pesquisa do Instituto Datafolha publicada na edição deste domingo (8) do jornal "Folha de S.Paulo" revela que 55% dos brasileiros acreditam que a situação da economia vai piorar nos próximos meses. O pessimismo nas expectativas da população disparou em comparação ao penúltimo levantamento do instituto, realizado em dezembro, quando 28% dos entrevistados esperavam a piora da economia. Segundo o jornal, este é o patamar mais alto de pessimismo dos brasileiros desde dezembro de 1997, ano em que a pergunta passou a ser elaborada pelo Datafolha. Ainda de acordo com o levantamento, oito em cada 10 entrevistados apostam na elevação da inflação daqui para a frente (81%, em comparação com 54% na pesquisa realizada em dezembro). O governo da presidente Dilma Rousseff, conforme o Datafolha, é avaliado negativamente por 44% dos entrevistados). O índice de eleitores que avaliaram o governo da petista como "ótimo" ou "bom" é de 23%.

Continuar lendo Pesquisa Data Folha: 55% dos brasileiros acham que situação da economia vai piorar
Segurança Pública: Cúpula já avalia ações e conclui que deve “enfraquecer a criminalidade”
Secretário de Segurança, Jefferson Portela, reúne cúpula para avalia as primeiras ações tomadas no novo governo.

Segurança Pública: Cúpula já avalia ações e conclui que deve “enfraquecer a criminalidade”

Os membros do sistema de segurança realizaram durante esta semana uma avaliação das ações iniciadas este ano. O encontro foi realizado na sede da Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP), na Vila Palmeira, e reuniu a cúpula do sistema. Na ocasião, o secretário da SSP, Jefferson Portela, apresentou relatório parcial das ações e discutiu os trabalhos em cada unidade. “A avaliação inicial de cada unidade serve como uma análise construtiva no intuito de organizar o sistema a cada 30 dias. Manteremos essa prática e levaremos todos os trabalhos para avaliação conjunta com o governador. Desta forma, faremos uma segurança pública de qualidade”, pontuou o secretário. Durante o encontro, foi discutida a implantação de uma política de segurança eficiente abordando questões de caráter público, a inovação tecnológica dentro do sistema para padronização de serviços, entre outras metas que serão transformadas em ações concretas. “Nosso intuito é criar condições estruturantes para o sistema de segurança com a finalidade de melhorar a instituição. Nós iremos operar de modo integrado, com a finalidade de unir mais ainda as forças policiais, e enfraquecer a criminalidade, garantindo respostas rápidas”, enfatizou o titular da SSP.

Continuar lendo Segurança Pública: Cúpula já avalia ações e conclui que deve “enfraquecer a criminalidade”