Pau na crise! Roseana nomeia 2.611 concursados para polícias militar, civil e penitenciária

A crise carcerária do Estado, que já rendeu dezenas de cadáveres mutilados e decapitados, policiais mortos, ônibus incendiados e pessoas queimadas viva, além de um desgaste sem precedentes ao Maranhão e ao seu governo, forçou a governadora Roseana Sarney a tomar uma medida que há muito vinha protelando: o aumento do efetivo para as áreas de Segurança Pública e Administração Penitenciária. Segundo divulga hoje (19), o jornal O Estado do Maranhão, o Governo do Estado vai incorporar, este ano, aos quadros da Polícia Civil, Militar, Corpo de Bombeiros e Agentes Penitenciários 2.611 novos profissionais, podendo este total ainda ser aumentado. Deste total, 2.230 (estavam previstos apenas 1.000) são para a Polícia Militar e 381 para a Polícia Civil. A administração estadual está trabalhando para que mais candidatos excedentes do concurso público sejam chamados em uma segunda etapa. “Todo esse investimento será refletido diretamente na melhoria dos serviços prestados à sociedade e, principalmente, em uma presença maior das forças policiais nas ruas, em todo o Maranhão”, afirmou a governadora Roseana Sarney.

Continuar lendo Pau na crise! Roseana nomeia 2.611 concursados para polícias militar, civil e penitenciária