Dormir com alguém que ronca: genuína prova de amor…

Ruth Manus* - Retratos e relatos do cotidiano Existem, sem sombra de dúvida, milhares de formas de demonstrar amor por alguém. Levar café da manhã na cama, ajudar o outro a fazer a declaração de imposto de renda, dividir um sanduíche de mortadela, escrever longas e bonitas cartas, aguentar coisas na família do outro que, por vezes, nem na sua você aguentaria. Sim, há muitas formas de demonstrar amor. Mas existe uma prova de amor que, segundo estudos das melhores universidades, está entre as maiores do mundo: dormir ao lado de alguém que ronca. Pessoas que não fazem suas malas e vão embora apesar do ronco do outro têm um grau elevadíssimo de altruísmo e de compreensão, assemelhando-se, em alguns aspectos, à Madre Teresa de Calcutá ou ao Gandhi. As pessoas que roncam podem ser classificadas em algumas espécies: as que negam que roncam, as que quase admitem que roncam, as que roncam muito mas só admitem que roncam um pouquinho e, por fim, as que roncam tanto que nem tem qualquer condição de negar que parecem britadeiras noturnas assombrando a vizinhança. Hoje em dia, com o auxílio da tecnologia, ficou muito mais fácil provar ao roncador o tamanho do incômodo que ele gera àqueles que o cercam. Através da gravação de vídeos e de áudios fica comprovado o ato, de uma vez por todas, evitando respostas evasivas como “ela diz que eu ronco, mas eu nunca ronquei na vida, não é possível, ela deve sonhar com isso”. E, acerca do ronco em sim, há diferentes tipos de volume. Aquele ronquinho que atrapalha o sono de quem dorme ao lado, mas não chega a acordá-lo; aquele ronco médio que acorda o companheiro, mas que permite que ele adormeça de novo e, por fim, o ronco de animais suínos, que faz um barulho insuportável, sendo resistente a portas fechadas, travesseiros na orelha e tampões de ouvido. Também temos diversos comportamentos noturnos dos roncadores. Aqueles que se assustam com o próprio ronco e acordam gritando coisas como “ESSVIZGRL MONGS DA AERONAVE EU TAVA RONCANDO??!!”. Outros que roncam horrores mas são carinhosos e vão abraçando a outra pessoa até que consigam roncar exatamente em cima da orelha dela, num misto de afeto e tortura. Outros, nada dóceis, que, ao roncar, recebem do companheiro um toquinho na barriga como tentativa de reduzir o ruído ou de fazê-los virar, e, o roncador, achando que era um carinho, responde grunhidos como “sai”, “me deixa dormir” ou “pára com isso”. Seja qual for a espécie: os roncadores assumidos ou não assumidos, de volume alto ou baixo, fofinhos ou ásperos, dormir ao lado deles nunca será uma tarefa fácil. E alguém que decida, no pleno exercício da sua liberdade, ter noites turbulentas dia após dia, pela simples vontade de dormir ao lado de quem se ama, é alguém digno de algum louvor. Trata-se, de fato, de uma genuína e intensa prova de amor. Valorizem-nos, pessoas que roncam, valorizem-nos porque não está sendo fácil.

Continuar lendo Dormir com alguém que ronca: genuína prova de amor…
Família agradece pela localização de Priscila, mas diz que caso não está de todo desvendado
A advogada Priscila, depois de localizada no estado do Pará..

Família agradece pela localização de Priscila, mas diz que caso não está de todo desvendado

Como já amplamente noticiado neste blog, a advogada Priscila Magalhaes Nogueira foi loccalizada às 21 horas desta sexta-feira (12); Ela estava desaparecida desde a manhã de terça-feira quando saiu para trabalhar e não retornou. De acordo com informações do delegado geral, Augusto Barros, a Polícia Civil do Estado do Pará encontrou a moça em um hospital de Dom Eliseu. Ela estava desorientada, mas sem lesões pelo corpo. O carro da advogada, um Ford Ka de placa NHD 3809, também foi encontrado na cidade. O transporte dela foi feito para a cidade de Imperatriz pela Polícia Civil maranhense. Priscila foi transportada para São Luís por via área e já se encontra no convívio da família, que divulgou nota de agradecimento, mas pedindo ao governo pela completa elucidação do caso (???) Oficialmente, os familiares de Priscila não informaram os motivos que a levaram a fugir de casa, mas policiais deixaram escapar que a jovem sofre de disturbios neurológicos, o que teria provocado um surto de amnésia de grandes proporções: - Isso teria feito a advogada deixar São Luís e perder a noção de localização e poder retornar à casa dos país. O delegado-geral da Polícia Civil do Maranhão, Augusto Barros, tratou o caso como um “sumiço voluntário”, que pode ter sido motivado por “algum desequilíbrio emocional”. Durante o curso das investigações a família chegou relatar episódio semelhante no passado, quando a advogada chegou a perder a memória e não reconhecia os familiares. "Mas nada com as proporções de agora", disse um membro da casa. Em nota, a família de Priscila agradeceu “a Deus, pelo livramento” e à Secretaria de Segurança Pública do Estado, reconhecendo empenho do secretário de Segurança Pública, Jefferson Portela, do delegado geral, Augusto Barros, e dos delegados Almir Macedo e Antonio Martins. Além disso, agradeceram aos maranhenses pelas “mensagens de apoio, solidariedade e orações”. "NOTA DE AGRADECIMENTO "OS FAMILIARES DA ADVOGADA PRISCCILA GUIMARÃES PINHEIRO VEM A PUBLICO AGRADECER, EM PRIMEIRO LUGAR A DEUS, PELO GRANDE LIVRAMENTO, AO GOVERNADOR FLÁVIO DINO E SEU SECRETARIADO, EM ESPECIAL A TODO O SISTEMA DE SEGURANÇA DO ESTADO, RECONHECENDO O EMPENHO DO SECRETÁRIO DE SEGURANÇA, JEFFERSON PORTELA, E DOS DELEGADOS AUGUSTO BARROS, ALMIR MACEDO, E ANTONO MARTINS PELAS COMPETENTES PROVIDENCIAS NO RESGATE DE NOSSA FILHA, IRMÃ, PRIMA, SOBRINHA E NETA. "AGRADECEMOS TAMBÉM ÀS MENSGENS DE APOIO, SOLIDARIEDADE E AS ORAÇÕES DOS IRMÕAS E AMIGOS QUE ESTIVERAM CONOSCO NESTE MOMENTO DE AFLIÇÃO. "INFORMAMOS A TODOS QUE A NOSSA QUEIRDA PRISCILA ENCONTRA-SE EM PERFEITO ESTADO DE SAÚDE, EM SEGURANÇA, A CAMINHO DO NOSSO ESTADO E FELIZ PELO RETORNO AO SEIO DE SUA FAMÍLIA. "APROVEITAMOS E PEDIMOS AO GOVERNADOR DO ESTADO QUE CONTINUE EMPENHADO NA COMPLETA ELUCIDAÇÃO DO CASO. A DEUS TODA A GLÓRIA"

Continuar lendo Família agradece pela localização de Priscila, mas diz que caso não está de todo desvendado

Confirmado! Priscila é encontrada no Pará, já está em Açailândia, a caminho de casa

Está confirmado. A jovem advogada Priscila Guimarães Pinheiro, que sumiu de forma misteriosa, depois que deixou o forum do Calhau, em São Luís, ao meio dia da última terça-feira (9), foi encontrada na cidade paraense de Santo Eliseu, no Pará. Ela teria sido incialmente passado por um hospital da cidade, de onde teria sido levada, já sob segurança da polícia, para o batalhão da PM, na cidade de Açailândia, de onde estará sendo trazida, num heliccoptero do Grupo Tático Aéreo da Polícia Militar, para São Luís. Alguns familiares de Priscila já teriam se deslocado para Açailândi, nesta madrugada, a fim de se enccontrar com ela. Informações já divulgadas descartam sequestro da advogada. Ela, que teria um distúrbio neurológico que provoca um tipo de amnésia prolongada, teria pego a estrada sozinha, sem rumo. Por isso, a Polícia rastreou o sinal do seu aparelho celular, o que teria facilitado a localização de Priscila. Tanto que no primeiro rastreamento ela ainda estaria na cidade de Santa Rita, a 70 quilômetros de São Luís. Essa não seria a primeira vez que Priscila tenha tido amnésia e se perdido. Porém, casos sem a gravidade de agora. Tão logo a notícia do desaparecimento de Priscila foi divulgado, formou-se uma enorme corrente, junto à população, nas redes sociais e na mídia em geral, torcendo e rogando a Deus para que nada de mal acontecesse à jovem advogada e que ela pudesse voltar,, sã e salva, ao convívio da família, dos amigos e de todos que torceram por um final feliz.

Continuar lendo Confirmado! Priscila é encontrada no Pará, já está em Açailândia, a caminho de casa

ATENÇAO! PRISCILA TERIA SIDO ENCONTRADA EM DOM ELISEU, NO PARÁ!

Ainda não é oficial, mas informaçoes que já circulam nas redes sociais dão conta de que a jovem advogada Priscila Guimarães Pinheiro, que sumiu de forma misteriosa, depois que deixou o forum do Calhau, em São Luís, ao meio dia da última terça-feira (9), teria sido encontrada na cidade de Dom Eliseu, no Pará. Prisccila estaria num hospital da cidade, onde foi encontrada, sendo medicada. Avisados, os familiares já teriam se deslocado para Dom Eliseu, a fim de trazer Priscila para São Luís. As informações falam de sequestro da advogada, mas ainda precisam de confirmação por parte da polícia e da versão da vítima. O fio condutor que teria levado até a advogada seria o rastreamento do seu celular, a partir da cidade de Santa Rita, a 70 quilômetros de São Luís, que teria sido detectado pela Polícia. A Polícia do Maramnhão, que teria contado com a colaboração de polícias de outros estados, teria se apegado ao rastreamento do sinal do celular da advogada para chegr até ela. Todas essas informaçoes ainda carecem de confirmação. Mas todos os maranhenses estão torcendo e rogando a Deus para que tudo seja verdade e Priscila possa voltar, sã e salva, ao convívio da família, dos amigos e de todos que estão torcendo por um final feliz.

Continuar lendo ATENÇAO! PRISCILA TERIA SIDO ENCONTRADA EM DOM ELISEU, NO PARÁ!

Sumiço de Priscila. Vejam só a responsabilidade do Estado!

Embora sejam poucos os detalhes sobre o desaparecimento da jovem advogada Priscila Guimarães Pinheiro, que saiu de casa na terça-feira passada (dia 9), para ir ao fórum do Calhau, e sumindo, misteriosamente, a angústia e torcida para que tudo termine bem e ela possa retornar sã e salva ao convívio da família já contaminam praticamente toda a São Luís e todo o Maranhão, começando pelos parentes, amigos, colegas de profissão e chegando à sociedade em geral. No episódio, todos se perguntam como é possível alguém deixar a sua residência com o nobre propósito de ir ao trabalho e ter o seu direito de ir e vir cerceado, sem que tenha ao menos a chance de se despedir daqueles que ama e deve satisfação. E logo todos remetem o fato para a sensação de insegurança que vivem os habitantes de São Luís e de algumas tantas cidades maranhenses. Há muito tempo, poucos se sentem seguros: em casa, na parada de ônibus, nas estaões, dentro dos coletivos ou até mesmo dentro do seu automóvel. O novo governo do Maranhão – que não é o responsável por esse caos chamado insegurança coletiva da população, e todos sabem disso – também é o responsável por ela, no momento em que assumiu o comando do Estado. Ao votar em Flávio Dino e seu grupo político, a população maranhense, mais que o sufrágio, colocou em suas mãos essa grande responsabilidade de restaurar nos cidadãos a sensação de segurança, bem como muitas outras. O desaparecimento de Priscila é emblemático. E Deus sabe como torcemos para que reapareça, sã e salva e volte ao convívio de quem está chorando por ela. Mas se a fatalidade for inevitável e essa bela, jovem e promissora advogada tiver sido vítima de um latrocínio, estupro ou coisas do gênero, a coisa pode se complicar. Embora sejam poucos os detalhes sobre o desaparecimento da jovem advogada Priscila Guimarães Pinheiro, que saiu de casa na segunda-feira passada (dia 8), para ir ao fórum do Calhau, e sumindo, misteriosamente, a angústia e torcida para que tudo termine bem e ela possa retornar sã e salva ao convívio da família já contaminam praticamente toda a São Luís, começando pelos parentes, amigos, colegas de profissão e a sociedade em geral. No episódio, todos se perguntam como é possível alguém deixar a sua residência com o nobre propósito de ir ao trabalho e ter o seu direito de ir e vir cerceado, sem que tenha ao menos o direito de se despedir daqueles que ama e deve satisfação. E logo todos remetem o fato para a sensação de insegurança que vivem os habitantes de São Luís. Há muito tempo ninguém se sente mais segura: em casa, na parada de ônibus, dentro do coletivo ou até mesmo dentro do seu automóvel. O novo governo do Maranhão – que não é o responsável por esse caos chamado insegurança coletiva da população, e todos sabem disso – também é o responsável por ela, no momento em que assumiu o comando do Estado. Ao votar em Flávio Dino e seu grupo político, a população maranhense, mais que i sufrágio, colocou em suas mãos essa responsabilidade de restaurar nos cidadão a sensação de segurança, bem como muitas outras. O desaparecimento de Priscila é emblemático. E Deus sabe como torcemos para que ela reapareça, são e salva. Mas se a fatalidade for inevitável e essa bela e promissora jovem profissional tiver sido vítima de um latrocínio, estupro ou coisas do gênero, a coisa pode se complicar. Deus queira que não. Do contrário, as instituições estão à prova, catalogadas comoincapazes de nos proteger do mau cada vez mais latente que ronda a cabeça e ameaça a vida de todos nós. Deus queira que não. Do contrário, as instituições estão à prova, catalogadas como incapazes de nos proteger do mau cada vez mais latente que ronda as nossas cabeças e ameaça a vida de todos nós. Governador, pense na gravidade dessa situação....

Continuar lendo Sumiço de Priscila. Vejam só a responsabilidade do Estado!

Entra no quarto dia o desaparecimento da advogada Priscila Pinheiro

A família da advogada Priscila Guimarães Pinheiro de 29, que já está desaparecida há três dias, continua na busca por notícias da jovem. Na página no Facebook do irmão de Priscila, amigos seguem esperançosos pela volta da jovem e mandam mensagens de força à família. A foto da advogada postada pelo irmão já tem quase dez mil compartilhamentos. “(…) tudo esta sob o controle das mãos do todo poderoso. Já se passaram mais de 48 hs, não percam a esperança. A esperança provém do Senhor. Que Deus dê paz a vcs em meio a todo esse caos.” , diz um trecho de uma das mensagens postadas. No último contato com a família, por volta de meio-dia da terça-feira (09), a advogada falou que estava no Fórum do Calhau. O carro dela, um Ford k prata de placa NHD-3809, também não foi encontrado. Se alguém souber de alguma notícia informe à família nos números (98) 99985-6799, 98891-7025 ou ao Disque Denúncia.

Continuar lendo Entra no quarto dia o desaparecimento da advogada Priscila Pinheiro
OAB-MA pede empenho do sistema de segurança para localizar a advogada Priscila Pinheiro
Sumiço de Priscila deixa preocupadas a família, autoridades e amigos

OAB-MA pede empenho do sistema de segurança para localizar a advogada Priscila Pinheiro

Continua desaparecida, desde anteontem, dia 9, a advogada Priscila Guimarães Pinheiro, de 29 anos. Sua família está desesperada com o sumiço, e apelando para a solidariedade de todos nos entido de encontrá-la. A advogada saiu de casa para o Fórum Desembargador Sarney Costa, no Calhau, em São Luís-MA, e nunca mais voltou para casa. A família da jovem utilizou as redes sociais para pedir ajuda e deixou diversos contatos, caso alguém saiba de alguma informação sobre o paradeiro da advogada. Ontem, 9, a diretoria da Ordem dos Advogados do Brasil no Maranhão (OAB-MA) entrou no caso e pediu o empenho do sistema de segurança do estado do Maranhão no sentido de localizar a advogada Priscila Guimarães Pinheiro.

Continuar lendo OAB-MA pede empenho do sistema de segurança para localizar a advogada Priscila Pinheiro
Polícia prende advogada que induz adolescente a assumir homicídio
Advogada queria fazer do menor o autor de homicídio que ele não praticou

Polícia prende advogada que induz adolescente a assumir homicídio

A advogada queria tornar oficial o que a bandidagem já adota na prática: colocar menores de idade para assumir crimes cometidos por adultos para se livrar da pena e do presídio A advogada Sileda Lopes Araújo Bezerra foi autuada em flagrante no início da tarde desta terça-feira (19), em São Luís. Segundo a polícia, Sileda teria convencido um adolescente de 17 anos a assumir a autoria do assassinato de Benedito Quintino dos Santos Neto, conhecido como "Neto do Coroadinho", morto na última quinta-feira (14) na região do Barreto, em São Luís. O adolescente se apresentou no início da tarde na Delegacia de Proteção a Criança e ao Adolescente (DPCA) no Centro de São Luís. Segundo o delegado Marco Antônio Fonseca o adolescente chegou a confessar a autoria do assassinato, mas, ao ser questionado sobre quem o orientou a se entregar, o jovem negou a autoria do crime e confessou que teria sido orientado pela advogada. (Com informações da Rádio Mirante)

Continuar lendo Polícia prende advogada que induz adolescente a assumir homicídio