Justiça aceita denúncia contra Roseana Sarney e mais 15 por fraude na saúde do Maranhão
Roseana Sarney e Ricardo Murad, seu cunhado, alvos de processo por suspeitas de fraude

Justiça aceita denúncia contra Roseana Sarney e mais 15 por fraude na saúde do Maranhão

A Justiça do Maranhão aceitou denúncia contra a ex-senadora e ex-governadora do Maranhão, Roseana Sarney (PMDB); contra o cunhado dela, Ricardo Murad (PMDB); e mais 14 pessoas. Todos se tornaram réus de ação proposta pelo MPE (Ministério Público Estadual), em fevereiro, denunciando organização criminosa para fraude em licitação e desvio de recursos para construção e reforma de hospitais no Maranhão. Além de possível enriquecimento ilícito, Sarney e aliados teriam recebido doações generosas das empresas vencedoras da licitação em campanhas eleitorais. Segundo a denúncia --aceita segunda-feira (2) pelo juiz Fernando Luiz Mendes Cruz, da 7ª Vara Criminal de São Luís--, houve superfaturamento no preço de obras em 64 hospitais. Cinco empreiteiras e seus proprietários foram alvo da denúncia. As fraudes teriam ocorrido em 2009 e 2010. A concorrência para as obras dos hospitais ocorreu por meio edital de dispensa de licitação publicado em setembro de 2009. O cunhado de Roseana, Ricardo Jorge Murad, era secretário de saúde e ordenador de despesa. O promotor cita que os valores iniciais das obras, de R$ 115 milhões, ganharam oito aditivos aos contratos, alcançando o valor de R$ 151 milhões. "É evidente o superfaturamento dos preços das obras, pois os aditivos não tiveram nenhuma justificativa, senão expandir artificialmente as despesas com as obras dos hospitais", afirmou.

Continuar lendo Justiça aceita denúncia contra Roseana Sarney e mais 15 por fraude na saúde do Maranhão