Sinal verde! Prefeitura inaugura a primeira etapa das obras do Hospital da Criança

Sinal verde! Prefeitura inaugura a primeira etapa das obras do Hospital da Criança

Novo piso térreo do Hospital da Criança já está à disposição da comunidade sanluisense.

Entrou em funcionamento, nesta quarta-feira (8), a primeira etapa das obras de restauração e ampliação do  Hospital Odorico Amaral de Matos – Hospital da Criança: o novo piso térreo da unidade de saúde, com consultórios, recepção, salas de administração de medicação e nebulização, de classificação de risco, farmácia satélite e banheiros. As obras nos outros setores, executadas pela Prefeitura de São Luís e Governo do Estado, estão 64% concluídas e a próxima etapa a ser entregue consiste na implantação do laboratório e coleta, além de leitos para repouso multidisciplinar.

O secretário de Saúde do Município de São Luís, Lula Fylho, garante que o  espaço entregue contribui para desafogar o fluxo na unidade e proporcionar maior conforto a pacientes e acompanhantes que chegam à unidade. Este novo setor vai funcionar para o primeiro atendimento, tanto do paciente mais grave como dos demais casos:

– “Hoje a gente pode mostrar e entregar para a população algo que vai dar muito mais conforto, dignidade e condições para os pacientes e os profissionais”, oisse o secretário, destacando ainda que a parceria com o Governo do Estado foi fundamental para a entrega do novo setor.

Em visita ao hospital, Lula Fylho “passou em revista” o funcionamento dos novos serviços.

Também estão em andamento as obras da segunda etapa, que consiste na implantação do laboratório e coleta, além de leitos para repouso multidisciplinar. Além das obras no novo prédio, a estrutura já existente está sendo adequada ao fluxo dos setores entregues nesta quarta-feira (8), organizando a nova reanimação, trazendo a observação para mais próximo e transferindo toda a parte antiga, onde funcionava o primeiro atendimento, para o atual espaço.

Para o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, as melhorias são planejadas para funcionar segundo as necessidades dos pacientes. “Este é momento em que estado e município devem dar as mãos no sentido de conjugar esforços para obter resultados. O Maranhão vive um momento único: pela primeira vez em muito tempo a saúde pública do estado recebe a devida atenção, seja para ampliar os serviços, seja para melhorar aquilo que já era ofertado. É assim que vidas são salvas – na eficiência e disponibilidade do serviço”, afirmou o secretário.

Agilidade e mais humanização são apontados pela dona de casa Hérica Frazão Santos, 24 anos, como principais diferenciais do novo ambiente. “É muito diferente do que a gente tinha antes. Eu me senti mais segura com meu bebê e foi até mais rápido o atendimento. Atenderam e já encaminharam para consulta e os exames. Gostei muito. Meu filho foi muito bem tratado”, afirmou a jovem, que estava com o filho de três meses.

ESTRUTURA

A nova estrutura física do Hospital da Criança terá uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) com 11 leitos; centro cirúrgico com quatro salas de grande porte; 25 enfermarias com 91 leitos; enfermarias de isolamento; área vermelha e área amarela; lactário; sala de nebulização; laboratório; sala de sutura e sala de coleta. No novo espaço terá ainda um Centro de Diagnóstico por Imagem com sala de tomografia, salas de ultrassom e outros serviços. O projeto contempla ainda a instalação de dois elevadores para transporte de macas e pacientes, além farmácias satélite e duas recepções de espera infantil.

Panorâmica dos espaços inaugurados no HC

Além dos espaços destinados aos pacientes e procedimentos hospitalares, o novo Hospital da Criança contará também com ambientes de apoio às unidades funcionais, como arquivo médico, rouparia, sala de espera de pacientes e acompanhantes, sala de preparo de equipamentos e material. Além desses espaços, o hospital ganhará também ambientes para laboratório de revelação de filmes e chapas, salas de laudo, de indução anestésica, de preparo do paciente, de entrevista, entre outros ambientes.

José Machado

José da Silva Machado. Natural de Duque Bacelar - Maranhão, onde nasceu em 14 de junho de l957. Graduado em Comunicação Social, pela Universidade Federal do Maranhão, especialização Jornalismo. Foi repórter, editor e secretário de Redação nos jornais Pequeno, O Imparcial e Diário do Norte, em São Luís. Também foi diretor de Telejornalismo na TV Difusora (Rede Globo), no período 1985/198). Exerceu o cargo de Secretário de Estado de Imprensa e Divulgação do Governo do Estado (2006-2007). É poeta e escritor, tem lançado o livro "As Quatro Estações do Homem" e conclui o livro; "Os vinte contos de réis". Pai de 5 filhos e 1 neto.

Deixe uma resposta