Será? Grupo Sarney trama para trocar Edinho Lobão por João Alberto
Se cúpula decidir, Lobão Filho pode ceder candidatura a João Alberto

Será? Grupo Sarney trama para trocar Edinho Lobão por João Alberto

 

Se cúpula decidir, Lobão Filho pode ceder candidatura a João Alberto

João Alberto pode ser chamado para tentar salvar o grupo Sarney de Edinho Lobão…

Dos blogs do John Cutrim e Marrapá

Algumas lideranças do grupo Sarney já começam a discutir a possibilidade de não apoiar a candidatura de Lobão Filho (PMDB) ao governo. Essas mesmas lideranças, segundo o editor do blog apurou, já conspiram para derrubar Edinho e colocar, no seu lugar, o senador João Alberto.

Tido como um dos medalhões da oligarquia, o poderoso Ricardo Murad é um dos mais incomodados. Segundo pessoas próximas ao titular da Secretaria de Saúde, ele já ‘lavou as mãos’ em relação a pré-candidatura de Edinho. Os dois, inclusive, andaram se estranhando e Murad deu sinais de que não entrará de corpo e alma na campanha de Lobinho.

O que mais tem despertado insatisfação dos figurões do clã Sarney é o jeito trator do filho do ministro Edson Lobão. Reclamam que Edinho tem impondo limites e condições a todos, agido de forma autoritária e se comportado de maneira truculenta. Nesse sentido, os sarneyzistas de proa entendem que esse “chega pra lá” dado por Edinho desde agora é uma demonstração clara de que em um futuro governo lobista não terão vez.

Até a governadora Roseana Sarney, que não tolera Lobão Filho (isso ela não esconde de ninguém), não tem gostado das atitudes ‘espaçosas’ do pré-candidato do grupo. Portanto, não será surpresa se a qualquer momento Edinho tome uma rasteira e João Alberto seja anunciado o nome da oligarquia ao governo para enfrentar o oposicionista Flávio Dino (PCdoB).

José Machado

José da Silva Machado. Natural de Duque Bacelar - Maranhão, onde nasceu em 14 de junho de l957. Graduado em Comunicação Social, pela Universidade Federal do Maranhão, especialização Jornalismo. Foi repórter, editor e secretário de Redação nos jornais Pequeno, O Imparcial e Diário do Norte, em São Luís. Também foi diretor de Telejornalismo na TV Difusora (Rede Globo), no período 1985/198). Exerceu o cargo de Secretário de Estado de Imprensa e Divulgação do Governo do Estado (2006-2007). É poeta e escritor, tem lançado o livro "As Quatro Estações do Homem" e conclui o livro; "Os vinte contos de réis". Pai de 5 filhos e 1 neto.

Deixe uma resposta