São Luís ganhará portal de entrada na BR-135

São Luís ganhará portal de entrada na BR-135

 Já na entrada da cidade, turistas verão um pouco das belezas do Patrimônio Histórico de São Luís

Já na entrada da cidade, turistas verão um pouco das belezas do Patrimônio Histórico de São Luís

A partir de dezembro, quem chegar em São Luís pela BR-135 vai se deparar com um novo cartão postal da cidade.  O Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Cultura e Turismo (Sectur) está construindo um portal de entrada para a capital maranhense. A previsão é que ele seja entregue ainda este ano.

Simulando uma fachada de casarão colonial português Patrimônio da Humanidade, muito comum na paisagem do Centro Histórico de São Luís, o portal terá 45 metros de largura ficará localizado no km 0 ocupando as seis faixas da via, três no sentido BR-135 e três no sentido cidade. O investimento na obra é de R$ 833.430,28.

“Uma cidade com o potencial turístico de São Luís merece um portal de entrada que reflita toda essa beleza. Optamos por, já na entrada da cidade, colocar um monumento que remeta ao nosso Centro Histórico Patrimônio da Humanidade, gerando curiosidade e encantamento para quem chega e deixando saudade em que sai da cidade”, pontuou o secretário de Estado da Cultura e Turismo, Diego Galdino.

Atrativos turísticos

O investimento em novos atrativos turístico para São Luís é um trabalho constante do Governo do Maranhão, por meio da Sectur. A atual gestão já instalou dois letreiros na cidade, que se consolidaram como pontos turísticos da capital: um no Espigão Costeiro e outro na Praça da Lagoa.

Obras de reforma e expansão das casas de Cultura em São Luís também refletem na atração de turistas, como a restauração do Forte de Santo Antônio da Barra, que abriga os museus das Embarcações e da Imagem e Som, já em funcionamento, e a implantação do Museu do Reggae, ainda este ano.

José Machado

José da Silva Machado. Natural de Duque Bacelar - Maranhão, onde nasceu em 14 de junho de l957. Graduado em Comunicação Social, pela Universidade Federal do Maranhão, especialização Jornalismo. Foi repórter, editor e secretário de Redação nos jornais Pequeno, O Imparcial e Diário do Norte, em São Luís. Também foi diretor de Telejornalismo na TV Difusora (Rede Globo), no período 1985/198). Exerceu o cargo de Secretário de Estado de Imprensa e Divulgação do Governo do Estado (2006-2007). É poeta e escritor, tem lançado o livro "As Quatro Estações do Homem" e conclui o livro; "Os vinte contos de réis". Pai de 5 filhos e 1 neto.

Deixe uma resposta