Roberto Rocha usa tribuna do Senado para comparar postura de ministros e criticar falta de austeridade de Kassab
Roberto Rocha: Críticas a kassab pela falta de austeridade...

Roberto Rocha usa tribuna do Senado para comparar postura de ministros e criticar falta de austeridade de Kassab

O senador Roberto Rocha comentou em discurso, no Plenário do Senado, a atuação de ministros do governo Dilma. Ele elogiou a postura dos ministros da Saúde, Arthur Chioro, e dos Transportes, Antônio Carlos Rodrigues, mas avaliou como negativa a do ministro das Cidades, Gilberto Kassab. O senador questionou a presença do ministro que foi duas vezes em um mês ao Maranhão, a mais recente esta semana, “sem considerar nenhum dos senadores, nenhum deputado do Maranhão, para ir a uma cidade apenas com o objetivo político de crescer a bancada do seu partido”.

Roberto Rocha criticou a falta de austeridade demonstrada pelo ministro, que segundo ele sinaliza que o governo está bem e não existe a necessidade de fazer ajuste fiscal ou outros esforços, que de algum modo penalizam a população. “Kassab tem tempo para, com a estrutura do próprio ministério, fazer política para o seu partido pelo País inteiro”, afirmou o senador.

 Em contraponto, o senador registrou a receptividade de Arthur Chioro, com quem se reuniu durante a semana. Roberto Rocha destacou o compromisso do ministro da Saúde em liberar recursos para o custeio de cinco hospitais de média complexidade que serão inaugurados no Maranhão e o anúncio da liberação de unidades móveis do Samu para São Luís, Balsas, Grajaú, Açailândia e São Domingos. O encontro aconteceu com a presença do secretário estadual de Saúde, Marcos Pacheco, e da secretária adjunta, Rosângela Curado, presentes a convite do senador. “O ministro, com muita atenção e presteza, compreendeu, de forma acessível, a necessidade do estado do Maranhão”, avaliou.

Roberto Rocha: Críticas a kassab pela falta de austeridade…

Roberto Rocha também destacou a postura de colaboração do ministro dos Transportes, Antônio Carlos Rodrigues, que autorizou a elaboração do projeto para a quarta ponte de ligação entre Timon (MA) e Teresina (PI). E explicou que no encontro com ele, do qual também participou o senador Elmano Ferrer (PTB/PI), houve boa recepção a demandas como a pavimentação de 100 km da BR 226 e a BR-402, a chamada Rota das Emoções, que liga os Lençóis Maranhenses ao Delta do Parnaíba e a Jericoacoara, no Ceará. “Antônio Carlos Rodrigues, que já foi senador, é um homem dedicado ao trabalho, político sensível de um estado grande como São Paulo, mas que também compreende as dificuldades dos estados menores”.

José Machado

José da Silva Machado. Natural de Duque Bacelar - Maranhão, onde nasceu em 14 de junho de l957. Graduado em Comunicação Social, pela Universidade Federal do Maranhão, especialização Jornalismo. Foi repórter, editor e secretário de Redação nos jornais Pequeno, O Imparcial e Diário do Norte, em São Luís. Também foi diretor de Telejornalismo na TV Difusora (Rede Globo), no período 1985/198). Exerceu o cargo de Secretário de Estado de Imprensa e Divulgação do Governo do Estado (2006-2007). É poeta e escritor, tem lançado o livro "As Quatro Estações do Homem" e conclui o livro; "Os vinte contos de réis". Pai de 5 filhos e 1 neto.

Deixe uma resposta