Ressaca já tem cura! E o inacreditável: basta tomar um Sprite!
os pinguços já podem comemorar. A ressaca tem cura!

Ressaca já tem cura! E o inacreditável: basta tomar um Sprite!

Assim como a pedra filosofal – a cura de todos os males – algumas coisas parecem ser apenas lenda. A cura da ressaca também parecia inimaginável. Cientistas chineses se dispuseram a descobrir como lidar com uma ressaca desde o início. A resposta é mais banal do que se imagina: Sprite.

Sabe-se que os piores sintomas da ressaca não são causados pelo álcool em si, mas pela reação do organismo para tentar decompor o álcool ingerido. Por isso, muitos recomendam tomar uma dose de bebida alcoólica para “rebater” a ressaca. O organismo desencadeia duas reações químicas para decompor o álcool…

Primeiro, o fígado transforma o álcool em acetilaldeído e depois transforma esse segundo

os pinguços já podem comemorar. A ressaca tem cura!

Para curar a ressaca, basta tomar um simples “Sprite”. Pode?

produto em acetato. O acetato não faz mal ao organismo, mas o acetilaldeído é prejudicial ao fígado e responsável pelos principais sintomas da bebedeira: náusea, vômito e dor de cabeça.

Cientistas de uma universidade em Guangzhou estudaram como as bebidas afetam a maneira como o corpo metaboliza o álcool ao pesquisar 57 tipos de bebidas: chás, bebidas gaseificadas e outras foram analisadas, segundo reportagem do jornal inglês Independent.

Enquanto alguns chás frearam o metabolismo do álcool, uma bebida conhecida como Xue bi acelerou a decomposição do álcool, encurtando a ressaca por causa da menor exposição ao acetilaldeído. No resto do mundo, a bebida atende por Sprite. Os resultados da pesquisa foram publicados na revista Food and Function da Royal Society of Chemistry. (Yahoo Notícias)

José Machado

José da Silva Machado. Natural de Duque Bacelar - Maranhão, onde nasceu em 14 de junho de l957. Graduado em Comunicação Social, pela Universidade Federal do Maranhão, especialização Jornalismo. Foi repórter, editor e secretário de Redação nos jornais Pequeno, O Imparcial e Diário do Norte, em São Luís. Também foi diretor de Telejornalismo na TV Difusora (Rede Globo), no período 1985/198). Exerceu o cargo de Secretário de Estado de Imprensa e Divulgação do Governo do Estado (2006-2007). É poeta e escritor, tem lançado o livro "As Quatro Estações do Homem" e conclui o livro; "Os vinte contos de réis". Pai de 5 filhos e 1 neto.

Este post tem 4 comentários

  1. Carlos

    Tô feito na vida, já vou comprar sprite pra dedéu. kkkkk

  2. Coreiro

    Esse mal é mundial e atinge milhões de pessoas a ressaca. Vou comemorar tomando um porre e testar a sugestão.

  3. Luma Maranhão

    Eita maravilha….! rsrsrs

    1. Lu, pensei nos colegas, ao postar essa matéria. rsrsrsrsrs. Grande abraço.

Deixe uma resposta