Promotorias da Capital saem do antigo Shopping Lusitana e se instalam no São Francisco
Regina Rocha parabenizou as mulheres e falou da satisfação com novo prédio das Promotorias da Capital

Promotorias da Capital saem do antigo Shopping Lusitana e se instalam no São Francisco

Um café da manhã na sede das Promotorias de Justiça da Capital, , ontem (10)em comemoração ao Dia Internacional da Mulher,  marcou a entrega oficial da nova sede, no São Francisco, pela procuradora-geral de justiça, Regina Lúcia de Almeida Rocha.

Após conhecer as novas instalações, Regina Rocha saudou a todas as mulheres que integram o Ministério Público, parabenizando-as pela importante data. A procuradora-geral de justiça lembrou ainda que enquanto uma mulher sofrer qualquer tipo de violência o trabalho da instituição tem que continuar incansável pela garantia dos direitos de todas.

A procuradora-geral de justiça ressaltou sua alegria em ver que as Promotorias de Justiça da Capital estão bem instaladas no novo prédio, em situação melhor do que a encontrada na antiga sede provisória, na Cohama. “Gostaria que estivéssemos em uma situação ainda melhor, mas vejo que houve um avanço nas condições de trabalho de todas vocês”, afirmou Regina Rocha.

Regina Rocha parabenizou as mulheres e falou da satisfação com novo prédio das Promotorias da Capital

Servidoras do MPMA na comemoração pelo Dia Internacional da Mulher

Diretor das Promotorias, promotor de Justiça Hugo Leonardo, destacou avanço nas instalações do prédio

Diretor da PGJ, promotor Luiz Gonzaga Coelho, informou sobre ações em andamento nas Promotorias para melhorar condições de trabalho.

O diretor das promotorias da capital, João Leonardo Pires Leal, enfatizou o avanço nas instalações físicas, embora reconheça que ainda há pontos a serem melhorados. O promotor de justiça também destacou o incremento no quadro de pessoal, a partir do último concurso público realizado pela instituição. João Leonardo Leal fez a sua saudação às mulheres, lembrando os desafios enfrentados por elas no dia-a-dia.

O presidente da Associação do Ministério Público do Estado do Maranhão, José Augusto Cutrim Gomes, também parabenizou às mulheres pelo seu dia, ressaltando a importância delas, inclusive, para os homens. “Sem vocês, nós não estaríamos aqui”, afirmou.

O diretor-geral da Procuradoria Geral de Justiça, Luiz Gonzaga Martins Coelho, lembrou a importância do 8 de março como um marco da luta por uma mudança de realidade na qual as mulheres ainda são vítimas de diversos tipos de violência e preconceito.

Luiz Gonzaga falou sobre as ações que estão em fase de implementação na sede das Promotorias da Capital, como a licitação para a instalação de um restaurante e diversas melhorias em segurança, além dos trabalhos que vêm sendo realizados no estacionamento do prédio.

O diretor-geral anunciou que já foi concluído o processo licitatório para a reforma da sede das promotorias no Jaracati, cujo prazo para conclusão das obras é de 15 meses. Também está em fase final a licitação para construção de um prédio anexo ao das promotorias. “Com todas as limitações e dificuldades, o Ministério Público está crescendo para atender melhor à sociedade e dar melhores condições de trabalho a cada um de vocês”, enfatizou Luiz Gonzaga Coelho.

O velho Hotel Panorama, no São Francisco, abrigará as promotorias de Justiça da Capital.

José Machado

José da Silva Machado. Natural de Duque Bacelar - Maranhão, onde nasceu em 14 de junho de l957. Graduado em Comunicação Social, pela Universidade Federal do Maranhão, especialização Jornalismo. Foi repórter, editor e secretário de Redação nos jornais Pequeno, O Imparcial e Diário do Norte, em São Luís. Também foi diretor de Telejornalismo na TV Difusora (Rede Globo), no período 1985/198). Exerceu o cargo de Secretário de Estado de Imprensa e Divulgação do Governo do Estado (2006-2007). É poeta e escritor, tem lançado o livro "As Quatro Estações do Homem" e conclui o livro; "Os vinte contos de réis". Pai de 5 filhos e 1 neto.

Deixe uma resposta