Professor é encontrado morto e amarrado em tronco de árvore. Seu automóvel foi incendiado
Maneira como o corpo do professor foi encontrado.

Professor é encontrado morto e amarrado em tronco de árvore. Seu automóvel foi incendiado

Maneira como o corpo do professor foi encontrado.

O corpo  do professor  Ivanildo Ferreira Costa, conhecido como  “ Manim”, desaparecido desde quinta-feira, foi encontrado na tarde sexta-feira, amarrado a um tronco de árvore em um local denominado  “ Lixão”,  às margens da BR 135, próximo da cidade de Paraibano  do Maranhão, no sentido do município de São João dos Patos.

O professor estava desaparecido há mais de 24 horas,  mas devido às intensas buscas , o carro da vitima foi o primeiro a ser localizado.  logo em seguida,  o corpo de Ivanildo foi localizado, com sinais de espancamento,   além de vários hematomas pelo corpo.

O carro encontrado ainda estava sendo consumido pelo fogo, mas foi imediatamente controlado por pessoas que chegaram ao local.
A policia esteve no local e acredita que a vitima foi torturada até  a morte, e o carro teria sido incendiado horas antes de o professor ser localizado, pois o seu desaparecimento ja estava sendo noticiado em vários veículos de comunicação e nas redes sociais.
A população de Paraibano levantou poucas  hipóteses para o motivo da morte e de tanta violência contra a vítima, já que o professor era muito  querido na cidade.
Por isso, creditam a autoria a um ou mais  desafetos  pessoais  do professor, pela forma como o crime foi perpetrado, com todo os requintes de crueldade.
Primeira Hora Online, editado

José Machado

José da Silva Machado. Natural de Duque Bacelar - Maranhão, onde nasceu em 14 de junho de l957. Graduado em Comunicação Social, pela Universidade Federal do Maranhão, especialização Jornalismo. Foi repórter, editor e secretário de Redação nos jornais Pequeno, O Imparcial e Diário do Norte, em São Luís. Também foi diretor de Telejornalismo na TV Difusora (Rede Globo), no período 1985/198). Exerceu o cargo de Secretário de Estado de Imprensa e Divulgação do Governo do Estado (2006-2007). É poeta e escritor, tem lançado o livro "As Quatro Estações do Homem" e conclui o livro; "Os vinte contos de réis". Pai de 5 filhos e 1 neto.

Deixe uma resposta