Pesquisa Amostragem: No confronto,  Flávio Dino, 57,4% x Edinho Lobão, 20,6%

Pesquisa Amostragem: No confronto, Flávio Dino, 57,4% x Edinho Lobão, 20,6%

O Instituto Amostragem divulgou na tarde de ontem os números da corrida eleitoral para o Governo do Estado. Com 54% das intenções de voto, Flávio Dino (PCdoB) lidera a corrida pelo Palácio dos Leões contra 18,92% de Lobão Filho (PMDB), segundo colocado. Os números foram divulgados na edição de hoje do Jornal Pequeno, que contratou a pesquisa.

No cenário mais provável para o confronto eleitoral, em terceiro aparece Antônio Pedrosa (PSOL) com 1,46% seguido de Saulo Arcângeli (PSTU), 1,23%. Do total de 1300 eleitores maranhenses ouvidos, 13,46% disseram que ainda não sabem em quem votarão e outros 10,92% afirmam que votariam brancos e nulos.

Em um embate direto entre os dois pré-candidatos favoritos na disputa eleitoral, Flávio Dino também venceria com 57,46% dos votos. Já Lobão Filho teria 20,62% dos votos. Neste cenário, 11,08% ainda não sabem em quem votar e 10,85% votariam branco ou nulo.

O Instituto Amostragem realizou pesquisa entre os dias 16 e 19 de maio e ouviu 1300 eleitores de 40 municípios em todas as regiões do estado. A pesquisa está registrada sob o protocolo MA-00012/2014 no Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão e possui margem de erro de 2,66 pontos para mais ou para menos.

Rejeição – Quando os eleitores são perguntados em quem não votariam de jeito nenhum, 38,77% dos eleitores maranhenses responderam Lobão Filho. No quesito rejeição, em segundo lugar fica Antonio Pedrosa, com 27,15%, seguido de Saulo Arcângeli (23,23%) e Flávio Dino (15,85%). Branco ou nulo somam 4,06% e 11,08% disseram não saber ou preferiram não responder.

Esta é a primeira pesquisa realizada pelo Instituto Amostragem para avaliar o embate tendo Lobão como pré-candidato apoiado pelo grupo Sarney, após a renúncia da candidatura de Luís Fernando Silva (PMDB).

Sem senador – A pesquisa do Instituto Amostragem, conforme informou o próprio contratante, perguntou aos seus entrevistados em quem votariam  para senador, porém o Jornal Pequeno se absteve de divulgar o resultado, alegando que “houve erro” de formulação dos quesitos. Apurou-se que o “erro” seria  a não inclusão, no questionário, do nome do ex-prefeito João Castelo, que se declarou pré-candidato a senador pelo PSDB. Foram incluídos os nomes de Roberto Rocha (PSB), Gastão Vieira e Arnaldo Melo (PMDB), além de Haroldo Saboia (Psol), mas não se sabe com que percentual pontuaram na pesquisa.

 


 

José Machado

José da Silva Machado. Natural de Duque Bacelar - Maranhão, onde nasceu em 14 de junho de l957. Graduado em Comunicação Social, pela Universidade Federal do Maranhão, especialização Jornalismo. Foi repórter, editor e secretário de Redação nos jornais Pequeno, O Imparcial e Diário do Norte, em São Luís. Também foi diretor de Telejornalismo na TV Difusora (Rede Globo), no período 1985/198). Exerceu o cargo de Secretário de Estado de Imprensa e Divulgação do Governo do Estado (2006-2007). É poeta e escritor, tem lançado o livro "As Quatro Estações do Homem" e conclui o livro; "Os vinte contos de réis". Pai de 5 filhos e 1 neto.

Deixe uma resposta