ANS suspende venda de 73 planos de saúde de 15 operadoras e atinge mais de 3 milhões de usuários

ANS suspende venda de 73 planos de saúde de 15 operadoras e atinge mais de 3 milhões de usuários

A ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) suspendeu nesta sexta-feira (14) a comercialização de 73 planos de saúde de 15 operadoras, por considerar que eles concentravam muitas queixas dos consumidores, como negativa de atendimento e reajustes indevidos.

Entre os planos suspensos está a Odontoprev SA, que tem mais de 2 milhões de beneficiários, a Unimed paulistana, com mais de 200 mil clientes, e a Promed Assistência Médica Ltda, com cerca de 100 mil.

No total, 3.054.217 consumidores são cobertos por eles. Agora, nenhum dos planos listados podem ser comercializados até que comprovem melhora no atendimento.

A decisão resulta do 14º ciclo do Programa de Monitoramento da Garantia de Atendimento da agência, que avalia as reclamações dos usuários, como o não cumprimento dos prazos máximos de atendimento para consultas e exames.

Outros 52 planos que estavam com a comercialização interrompida poderão voltar à atividade, porque se adequaram e aprimoraram o serviço.

O monitoramento compreendeu o período de 19 de março a 18 de junho. Das 15 operadoras com planos suspensos nesse ciclo, 11 também constavam da lista do levantamento anterior.

José Machado

José da Silva Machado. Natural de Duque Bacelar - Maranhão, onde nasceu em 14 de junho de l957. Graduado em Comunicação Social, pela Universidade Federal do Maranhão, especialização Jornalismo. Foi repórter, editor e secretário de Redação nos jornais Pequeno, O Imparcial e Diário do Norte, em São Luís. Também foi diretor de Telejornalismo na TV Difusora (Rede Globo), no período 1985/198). Exerceu o cargo de Secretário de Estado de Imprensa e Divulgação do Governo do Estado (2006-2007). É poeta e escritor, tem lançado o livro "As Quatro Estações do Homem" e conclui o livro; "Os vinte contos de réis". Pai de 5 filhos e 1 neto.

Deixe uma resposta