IBGE abre concurso para 300 vagas. Basta ter o nível médio

IBGE abre concurso para 300 vagas. Basta ter o nível médio

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) abriu concurso público  para 300 vagas de técnico em informações geográficas e estatísticas A I, da carreira de suporte técnico em produção e análise de informações geográficas e estatísticas. A remuneração varia de R$ 2.813,10 a R$ 4.210,49, dependendo da gratificação. O candidato deve ter nível médio completo e carteira nacional de habilitação. As vagas são efetivas e estão distribuídas em 277 municípios situados em quase todas as unidades da federação, exceto Distrito Federal.

No site da Cesgranrio, é possível ver o edital. No mesmo link, há ainda uma apostila com conhecimentos sobre o IBGE para o concurso público.

Entre as atribuições estão coletar dados em diversas fontes, organizar, criticar, corrigir, lançar, tratar e manter os dados garantindo a sua integridade, confidencialidade, disponibilidade, atualização e fidedignidade; realizar entrevistas em domicílios e estabelecimentos informantes para obtenção de dados conforme metodologia e plano de supervisão da pesquisa; realizar levantamentos topográficos/geográficos/cartográficos.

Os profissionais atuarão em municípios do Acre, Alagoas, Amazonas, Amapá, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Sergipe, São Paulo e Tocantins.

As inscrições devem ser feitas de 1º a 24 de outubro pelo site www.cesgranrio.org.br. A taxa é de R$ 50.

A prova objetiva com 60 questões de língua portuguesa, raciocínio lógico, geografia, conhecimentos gerais e específicos e noções de informática será em 1º de dezembro, das 13h às 17h.

O resultado final está previsto para 16 de janeiro de 2014.

José Machado

José da Silva Machado. Natural de Duque Bacelar - Maranhão, onde nasceu em 14 de junho de l957. Graduado em Comunicação Social, pela Universidade Federal do Maranhão, especialização Jornalismo. Foi repórter, editor e secretário de Redação nos jornais Pequeno, O Imparcial e Diário do Norte, em São Luís. Também foi diretor de Telejornalismo na TV Difusora (Rede Globo), no período 1985/198). Exerceu o cargo de Secretário de Estado de Imprensa e Divulgação do Governo do Estado (2006-2007). É poeta e escritor, tem lançado o livro "As Quatro Estações do Homem" e conclui o livro; "Os vinte contos de réis". Pai de 5 filhos e 1 neto.

Deixe uma resposta