Grupo Mateus: Centro de Distribuição vai gerar mais de 2 mil empregos diretos até 2019

Grupo Mateus: Centro de Distribuição vai gerar mais de 2 mil empregos diretos até 2019

Grupo Mateus inaugura a primeira das quatro etapas do seu Centro de Distribuição, em São Luís. (Foto: Karlos Geromy)

Corte da fita com Flávio Dino

O Grupo Mateus inaugurou.  sexta-feira (26) a primeira das quatro etapas do seu Centro de Distribuição, em São Luís, que vai gerar mais de 2 mil empregos diretos. O empreendimento é o primeiro do Parque Empresarial da capital, às margens da BR-135, um complexo que vem sendo preparado pela administração estadual para abrigar dezenas de negócios. O Governo do Maranhão concede incentivos para atrair as empresas e gerar o máximo possível de empregos.

Cerca de 220 colaboradores diretos já atuam no Centro de Distribuição, onde também se concentram 75 prestadores de serviço e mais de 200 operários contratados para a construção. Ou seja, essa fase inicial gerou cerca de 500 empregos diretos.

“Aqui temos o resultado de uma política de desenvolvimento bem ativa de nosso governo, apoiando o setor privado para viabilizar a geração de empregos. Temos uma lei [que concede benefícios] que vale para todo o segmento. Todos os que quiserem empreender nesse setor têm uma política tributária clara, transparente e publicada em lei, garantindo isonomia”, disse o governador Flávio Dino, que participou da inauguração.

Próximo aos principais terminais de carga e localizado no km 12 da rodovia BR-135, o centro tem por enquanto 20 mil metros quadrados de área construída. Até o fim do ano, serão mais 20 mil metros quadrados. No total, estão sendo investidos R$ 220 milhões. A logística do Grupo Mateus ficará concentrada nesse centro.

Quando concluídas as quatro etapas, o Centro de Distribuição será o maior do Nordeste, tanto em tamanho, quanto em capacidade de armazenagem.

“Isso aqui marca a história da empresa. Daqui para frente, são mais três etapas onde a gente quer ter qualidade e padrão para chegar a todos os municípios do Maranhão com toda a parte refrigerada e linha seca em no máximo 36 horas”, afirmou Ilson Mateus, presidente do Grupo Mateus.

Estímulo para os produtores

Para Flávio Dino, “esta primeira fase já está mostrando a virtude dessa parceria do setor público e do privado, com cada um fazendo sua parte. A junção dessas duas vertentes é o que garante um Maranhão melhor para todos nós”.

Ele também lembrou que “para os produtores do Maranhão, é um grande estímulo porque o Mateus se consolida como um grande comprador”, referindo-se aos benefícios como um todo para a economia do Estado.

Parque Empresarial

O Governo do Maranhão está investindo R$ 8 milhões na estruturação da área de 220 hectares do Parque Empresarial de São Luís.

“A gente já vê a realidade dessa expansão industrial nesta região. É importante para a cadeia produtiva de distribuição”, disse o secretário de Indústria, Comércio e Energia, Simplício Araújo, sobre a inauguração desta sexta-feira.

Com o apoio do Governo do Estado, Grupo Mateus inaugura a primeira das quatro etapas do seu Centro de Distribuição, em São Luís. (Foto: Karlos Geromy)

José Machado

José da Silva Machado. Natural de Duque Bacelar - Maranhão, onde nasceu em 14 de junho de l957. Graduado em Comunicação Social, pela Universidade Federal do Maranhão, especialização Jornalismo. Foi repórter, editor e secretário de Redação nos jornais Pequeno, O Imparcial e Diário do Norte, em São Luís. Também foi diretor de Telejornalismo na TV Difusora (Rede Globo), no período 1985/198). Exerceu o cargo de Secretário de Estado de Imprensa e Divulgação do Governo do Estado (2006-2007). É poeta e escritor, tem lançado o livro "As Quatro Estações do Homem" e conclui o livro; "Os vinte contos de réis". Pai de 5 filhos e 1 neto.

Deixe uma resposta