E se  houver um “apagão” na memória dos nordestinos?
Edison Lobão se esgoelando para justificar apagão

E se houver um “apagão” na memória dos nordestinos?

Desde Janeiro de 2011, início do governo de Dilma,  já se contabilizaram  150 blecautes acima de 100 MW .

No final do ano passado, a presidenta afirmava que os apagões se deviam a falhas humanas: “O dia em que falarem para vocês que caiu raio (e por isso o sistema elétrico caiu), gargalhem. Raio cai todo dia nesse país, a toda hora. O raio não pode desligar o sistema”.

No entanto, para as autoridades do setor, a causa do apagão de ontem 28) foi climática – uma queimada causada pela seca que assola o Nordeste – num município do estado do Piauí,

Os apagões no sistema elétrico viram rotina

Mesmo havendo números semelhantes em quantidade de blecautes,  há dez anos atrás, os especialistas estão alertando para a repetição dos grandes apagões. Dos nove apagões acima de 800 MW até 12.900 MW registados desde 2011, oito ocorreram no último ano. A região mais afetada é o Nordeste, com cera de 50 milhões de brasileiros, devido à seca e à falta de grandes rios, mas dois destes blecautes atingiram a população do Estado do Rio.

Ontem, mais uma vez, sobrou para o “nosso ministro” Edison Lobão explicar o apagão do Nordeste, tentando livrar o governo Dilma de qualquer responsabilidade. Ele, que passa por um problema sério de garganta, pelo visto ainda vai ter que se esgoelar muito, já que o sistema, pelo que se vê, não é confiável.

O risco maior, para Dilma, é o nordestino ter um “apagão de memória”, em 2014, ano em que ela tentará a reeleição.

José Machado

José da Silva Machado. Natural de Duque Bacelar - Maranhão, onde nasceu em 14 de junho de l957. Graduado em Comunicação Social, pela Universidade Federal do Maranhão, especialização Jornalismo. Foi repórter, editor e secretário de Redação nos jornais Pequeno, O Imparcial e Diário do Norte, em São Luís. Também foi diretor de Telejornalismo na TV Difusora (Rede Globo), no período 1985/198). Exerceu o cargo de Secretário de Estado de Imprensa e Divulgação do Governo do Estado (2006-2007). É poeta e escritor, tem lançado o livro "As Quatro Estações do Homem" e conclui o livro; "Os vinte contos de réis". Pai de 5 filhos e 1 neto.

Este post tem um comentário

  1. Zé Coivara

    Dilma, Lobão e Sarney é só migué. Apagão neles!

Deixe uma resposta