Demais! Fernanda Montenegro leva o “Emmy Internacional” de melhor atriz

Demais! Fernanda Montenegro leva o “Emmy Internacional” de melhor atriz

Em cerimônia realizada ontem (25), em Nova York, a atriz brasileira Fernanda Montenegro e a novela da   TV Globo “Lado a Lado” levaram, respectivamente, os prêmios Emmy Internacional de melhor atriz e de melhor telenovela. Ela recebeu a estatueta das mãos do ator Steve Guttenberg.

Montenegro concorreu pelo especial de fim de ano “Doce de Mãe”, exibido pela Globo e produzido pela Casa de Cinema de Porto Alegre.

A novela “Lado a Lado”, de autoria de Claudia Lage e João Ximenes Braga, foi exibida às 18h e tinha como pano de fundo o período histórico da Belle Époque carioca, que mostrava a formação dos morros no Rio de Janeiro.

Por incrível que pareça, “Lado a Lado” tinha como principal concorrente outra produção da emissora, a novela “Avenida Brasil”, de João Emanuel Carneiro, que, por sua vez, foi um grande sucesso das 21h, contando a história da vingança de Nina (Débora Falabella) contra Carminha (Adriana Esteves) e arrebatou o país.

O ator Cauã Reymond, de “Avenida Brasil”, anunciou o vencedor da categoria programas sem roteiro pré-definido. Acompanhando o ator, estava a atriz americana Amanda Righetti, que participa da série de TV  “The Mentalist”, da emissora americana CBS.

Também estiveram no local outras estrelas da Globo, que concorriam com “Como Aproveitar o Fim do Mundo”, que perdeu a estatueta de melhor série de comédia para “Moone Boy”, do Reino Unido; e com “O Brado Retumbante”, que perdeu o prêmio de série dramática para “Les Revenants”, da França.

Marcos Palmeira também concorreu como melhor ator pela série “Mandrake”, do canal pago HBO, mas quem levou foi Sean Bean, pela série “Accused” .

Fernanda Montenegro: talento mais que reconhecido, internacionalmente.

José Machado

José da Silva Machado. Natural de Duque Bacelar - Maranhão, onde nasceu em 14 de junho de l957. Graduado em Comunicação Social, pela Universidade Federal do Maranhão, especialização Jornalismo. Foi repórter, editor e secretário de Redação nos jornais Pequeno, O Imparcial e Diário do Norte, em São Luís. Também foi diretor de Telejornalismo na TV Difusora (Rede Globo), no período 1985/198). Exerceu o cargo de Secretário de Estado de Imprensa e Divulgação do Governo do Estado (2006-2007). É poeta e escritor, tem lançado o livro "As Quatro Estações do Homem" e conclui o livro; "Os vinte contos de réis". Pai de 5 filhos e 1 neto.

Deixe uma resposta