Conheça as mudanças que a Câmara dos Deputados aprovou na legislação trabalhista brasileira

Conheça as mudanças que a Câmara dos Deputados aprovou na legislação trabalhista brasileira

Apenas 1 dos 17 destaques foi incorporado ao projeto

Aprovação foi considerada uma vitória para o governo

Michel Temer quer tramitação rápida da pauta no Senado

 

A Câmara dos Deputados aprovou nesta 4ª feira (26.abr.2017), por 296 votos a 177, o texto da reforma trabalhista. A aprovação da proposta, que segue para o Senado, foi uma vitória para o governo. A sessão foi tensa, com muitos protestos da oposição.

Na lista de prioridades da gestão de Michel Temer, as mudanças na legislação trabalhista estão abaixo apenas da reforma da Previdência. O presidente quer ver o texto aprovado no 1º semestre pelo Senado.

Entre os principais pontos, a reforma define que acordos entre empregados e empregadores poderão ser selados e prevalecerão sobre as leis trabalhistas. As exceções são para FGTS, salário mínimo e seguro-desemprego.

Dos 17 destaques apresentados para alterar o texto, apenas 1 foi aprovado, sobre a penhora on-line. Os demais acabaram sendo rejeitados ou retirados. A votação foi encerradas às 2h06min desta 5ª feira (27.abr).

Eis 1 quadro com todas as mudanças aprovadas na Câmara para a reforma trabalhista:

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, em votação da reforma trabalhista

mudancas-reforma-trabalhista-11

FIM DO IMPOSTO SINDICAL

Os deputados rejeitaram uma emenda do deputado Bebeto (PSB-BA), que mantinha a cobrança obrigatória de contribuição sindical por 3 anos. Depois desse prazo haveria uma redução gradual no valor do impostos nos 3 anos seguintes.

 

Poder 360

 

 

José Machado

José da Silva Machado. Natural de Duque Bacelar - Maranhão, onde nasceu em 14 de junho de l957. Graduado em Comunicação Social, pela Universidade Federal do Maranhão, especialização Jornalismo. Foi repórter, editor e secretário de Redação nos jornais Pequeno, O Imparcial e Diário do Norte, em São Luís. Também foi diretor de Telejornalismo na TV Difusora (Rede Globo), no período 1985/198). Exerceu o cargo de Secretário de Estado de Imprensa e Divulgação do Governo do Estado (2006-2007). É poeta e escritor, tem lançado o livro "As Quatro Estações do Homem" e conclui o livro; "Os vinte contos de réis". Pai de 5 filhos e 1 neto.

Deixe uma resposta