Começa nesta 2a. feira a vacinação contra a catapora e outros vírus
Começa a imunicação da catapora.

Começa nesta 2a. feira a vacinação contra a catapora e outros vírus

Começa a imunicação da catapora.

a criançada é o alvo princioal

A introdução da vacina no calendário nacional de imunização acontecerá com uma dose na idade recomendada, exclusivamente, para crianças que já receberam uma dose da tríplice viral, que deve ser aplicada quando ela completa seu primeiro ano de vida. A tetra viral substituirá a segunda dose da tríplice.

A superintendente de Vigilância Epidemiológica e Sanitária de São Luís, Terezinha Lobo, explica que, “com a tetra viral sendo administrada a partir de agora, será possível evitar complicações, casos graves e óbitos decorrentes da catapora no público alvo da vacinação”.

Anteriormente, a vacina contra a catapora era disponibilizada pelo Ministério da Saúde (MS) somente em casos de surtos. Após a implantação da nova vacina no calendário infantil, será possível monitorar a situação epidemiológica da catapora e definir o melhor período para que a inclusão de uma segunda dose seja efetuada.

Segundo a coordenadora de Imunização da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), Rita Carneiro, a nova vacina será aplicada através de injeção no braço ou na coxa da criança. “Outra vantagem é que, agora, com a integração da imunização contra a catapora em uma única vacina, diminui-se também o número de injeções que a criança receberá e isso traz sempre maior conforto para eles e para os próprios pais”, ressalta.

A princípio as vacinas estarão disponíveis em 37 salas vacinais da rede de saúde de São Luís, mas gradativamente esses pontos de imunização serão aumentados. De acordo com o secretário de Saúde, Cesar Felix, para a administração da nova vacina é exigido treinamento das equipes de imunização para que desenvolvam todas as ações necessárias do processo que vai muito além da simples “picada” da injeção. “Para isso, estamos em capacitação constante e, em pouco tempo, aumentaremos o número de salas de vacina com a tetra viral”, afirmou.

Testes realizados pelo Ministério da Saúde comprovam uma eficácia da vacina em torno de 97%. Casos de reações alérgicas provenientes da tetra viral são raros, segundo o MS.

CATAPORA

Conhecida também como varicela, a catapora é uma doença altamente contagiosa gerada por um vírus. Até pouco tempo era uma das principais doenças que acometiam crianças, antes da criação da vacina específica. Uma vez contagiada pelo vírus, a pessoa fica imune por toda a vida e não volta a apresentar os sintomas da doença.

Febre, mal-estar generalizado, falta de apetite, cansaço e dor de cabeça estão entre os principais sintomas. Manchas vermelhas que se transformam em bolhas e viram pequenas feridas, causando coceira, tendem a surgir entre 24 e 48 horas.

A catapora é contraída através do contato direto através da saliva ou secreções respiratórias da pessoa infectada ou pelo líquido das bolhas na pele. Normalmente, a total recuperação do paciente acontece em até 10 dias após o aparecimento dos sintomas.

Por se tratar de um vírus, o tratamento visa, basicamente, aliviar os sintomas. É importante não coçar as feridas causadas pelas bolhas para não ocasionar um quadro de infecção e, posteriormente, o surgimento de cicatrizes.

As Unidades de Saúde onde as vacinas estarão disponíveis a partir de segunda-feira:

1-    DISTRITO CENTRO: 03 SALAS

  • Centro de Saúde da Liberdade
  • Centro de Saúde Bezerra de Menezes
  • Centro de Saúde Paulo Ramos

2-    DISTRITO ITAQUI BACANGA: 05 SALAS

  • Unidade Mista Itaqui-Bacanga
  • Unidade Mista Clodomir Pinheiro Costa
  • Centro de Saúde Yves Parga
  • Centro de Saúde Vila Embratel
  • Centro de Saúde Vila Nova

3-    DISTRITO COHAB: 05 SALAS

  • Pronto Socorro do Anil
  • Centro de Saúde Genésio Ramos Filho
  • Centro de Saúde Salomão Fiquene
  • Centro de Saúde Turu
  • Hospital Dr. Adelson Sousa Lopes

 

 

4-    DISTRITO VILA ESPERANÇA: 12 SALAS

  • Centro de Saúde Itapera
  • Centro de Saúde Quebra Pote
  • Centro de Saúde Tales Ribeiro Gonçalves
  • Centro de Saúde Vila Sarney
  • Centro de Saúde Pedrinhas I
  • Centro de Saúde Pedrinhas II
  • Centro de Saúde Tibiri
  • Centro de Saúde Maracanã
  • PSF Coqueiro
  • PSF José de Ribamar Frazão
  • Centro de Saúde Laura Vasconcelos
  • PSF Rio Grande

5-    DISTRITO TIRIRICAL: 05 SALAS

  • Unidade Mista São Bernardo
  • PSF Dr. Antônio Carlos Sousa Reis
  • Centro de Especialidades Médicas Cidade Operária
  • Centro de Saúde Vila Itamar
  • Centro de Saúde João de Deus

6-    DISTRITO BEQUIMÃO: 04 SALAS

  • Hospital Dr. Odorico Amaral de Matos
  • Unidade Mista do Bequimão
  • Centro de Especialidades Vinhais
  • Centro de Saúde Amar

7-    DISTRITO COROADINHO: 03 SALAS

  • Unidade Mista Coroadinho
  • Centro de Saúde Bairro de Fátima
  • Centro de Saúde João Paulo

José Machado

José da Silva Machado. Natural de Duque Bacelar - Maranhão, onde nasceu em 14 de junho de l957. Graduado em Comunicação Social, pela Universidade Federal do Maranhão, especialização Jornalismo. Foi repórter, editor e secretário de Redação nos jornais Pequeno, O Imparcial e Diário do Norte, em São Luís. Também foi diretor de Telejornalismo na TV Difusora (Rede Globo), no período 1985/198). Exerceu o cargo de Secretário de Estado de Imprensa e Divulgação do Governo do Estado (2006-2007). É poeta e escritor, tem lançado o livro "As Quatro Estações do Homem" e conclui o livro; "Os vinte contos de réis". Pai de 5 filhos e 1 neto.

Deixe uma resposta