Bruno, dupla com Marrone, pede desculpas em vídeo por fazer show embriagado

Eu tenho 31 anos de dupla com Marrone e nunca tinha acontecido isso comigo”

Cantor disse que pretende voltar à cidade e pede perdão. Foto: Instagram/Reprodução
Cantor disse que pretende voltar à cidade e pede perdão. Foto: Instagram/Reprodução
Após ser acusado de cantar bêbado em show na Fenamilho, em Patos de Minas, Bruno, da dupla Bruno & Marrone, divulgou um pedido de desculpas aos fãs na página oficial deles no Facebook. No vídeo, ele explica que está tomando um remédio e “misturou” o medicamento com uísque, pois não deu tempo do medicamento sair do organismo.
“É que eu estou tomando um remédio e, na verdade, eu tomei dois remédios. Um na hora que fui dormir e depois do almoço tomei outro. O show foi mais cedo e não deu tempo do remédio sair do meu organismo e eu tomei ‘uns’ uísque caubói, depois do meio do show para a frente, eu não lembro de mais nada”, confessou.
Bruno relata que beber é algo comum para ele. “Já bebi, bebi no palco, coloquei o pessoal para beber comigo. Eu sou muito forte para beber”, contou. No pedido de desculpas, ele diz que espera voltar à cidade e pede perdão. O vídeo, que já conta com cerca de 6 mil compartilhamentos e 9 mil comentários, reúne diferentes reações. A maioria, positivas. Muitos se solidarizaram e admiraram a atitude do cantor, enquanto outros aproveitaram para fazer brincadeiras.
“Próxima vez chama q a gente bebe junto!” e “Se até o Bruno bebe e esquece das coisas, pq que a gente tem que ser diferente kkkkkkkkk”, escreveram alguns fãs. Outros reconheceram o ato: “É preciso muita humildade e profissionalismo. Eu já era fã agora sou muito mais sucesso e forte abraço”.

José Machado

José da Silva Machado. Natural de Duque Bacelar - Maranhão, onde nasceu em 14 de junho de l957. Graduado em Comunicação Social, pela Universidade Federal do Maranhão, especialização Jornalismo. Foi repórter, editor e secretário de Redação nos jornais Pequeno, O Imparcial e Diário do Norte, em São Luís. Também foi diretor de Telejornalismo na TV Difusora (Rede Globo), no período 1985/198). Exerceu o cargo de Secretário de Estado de Imprensa e Divulgação do Governo do Estado (2006-2007). É poeta e escritor, tem lançado o livro "As Quatro Estações do Homem" e conclui o livro; "Os vinte contos de réis". Pai de 5 filhos e 1 neto.

Deixe uma resposta