Balanço! Com a vítima de domingo, já são 14 presos assassinados nos presídios, em 2014
Pedrinahs e o símbolo da morte...

Balanço! Com a vítima de domingo, já são 14 presos assassinados nos presídios, em 2014

Pedrinahs e o símbolo da morte…

São já oito os condenados mortos no interior do presídio de Pedrinhas e 14 dentro do sistema prisional do Maranhão. No final da tarde desse domingo (18) foi registrado um novo assassinato, de um jovem condenado de 19 anos.

De acordo com informações divulgadas pela Central de Custódia e Presos de Justiça (CCPJ), o assassinato ocorrido esse domingo será o oitavo registrado na penitenciária de Pedrinhas só esse ano. No mesmo período, o complexo prisional do Maranhão atingiu a marca dos 14 presos mortos.

Um número, até agora, inferior ao registrado no ano passado. Em 2013 morreram mais de 60 detentos vítimas de conflitos e assassinados no interior das prisões. Ddomingo (18), foi encontrado mais um preso assassinado em sua cela.

Jean Araíjo Perereia, de 19 anos, foi encontrado já sem vida depois de uma vistoria feita pelos agentes penitenciários. Não se sabe ainda a causa de morte do jovem condenado por homicídio.

Considerado o sistema prisional mais violento do Brasil, o Maranhão comprovou não ter condições para assegurar a integridade física dos seus prisioneiros, de acordo com o Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

Em causa estão as constantes lutas entre fações criminosas e a sobrelotação das prisões. O Complexo Penitenciário de Pedrinhas, por exemplo, conta com 2.200 detentos no interior quando foi desenhada para suportar um máximo de 1.700 prisioneiros.

José Machado

José da Silva Machado. Natural de Duque Bacelar - Maranhão, onde nasceu em 14 de junho de l957. Graduado em Comunicação Social, pela Universidade Federal do Maranhão, especialização Jornalismo. Foi repórter, editor e secretário de Redação nos jornais Pequeno, O Imparcial e Diário do Norte, em São Luís. Também foi diretor de Telejornalismo na TV Difusora (Rede Globo), no período 1985/198). Exerceu o cargo de Secretário de Estado de Imprensa e Divulgação do Governo do Estado (2006-2007). É poeta e escritor, tem lançado o livro "As Quatro Estações do Homem" e conclui o livro; "Os vinte contos de réis". Pai de 5 filhos e 1 neto.

Deixe uma resposta