Baixa internacional! Cubano dá adeus ao “Mais Médicos” de Dilma
Cubano "tira prá fora" e dá adeus ao "Mais Médicos" de Dilma

Baixa internacional! Cubano dá adeus ao “Mais Médicos” de Dilma

O médico cubano Bladimir Quintan Remedios, 49 anos, que desertou do seu país em 1996, ao fazer uma viagem de turismo para a Espanha, foi a primeira baixa internacional do programa Mais Médicos em Pernambuco. Lotado para trabalhar no Recife, ele retornou neste fim de semana para a Espanha, onde mora. 

Com 26 anos de experiência em Medicina Familiar, ele desistiu do programa e pediu oficialmente o cancelamento do registro provisório no Conselho Regional de Medicina (Cremepe), alegando dificuldade para trazer a família, formada por cinco pessoas. De acordo com o Ministério da Saúde, ele também explicou ter recebido uma proposta de emprego em Madri.

Ao chegar ao Recife, ele disse que a crise econômica europeia motivou a sua vind

Cubano “tira prá fora” e dá adeus ao “Mais Médicos” de Dilma

Salário pouco não enche bolso do cubano

a e também se sentiu estimulado pela ideia do programa, que elogiou. Quintan Remedios devolveu R$ 10 mil recebidos como ajuda de custo ao Ministério da Saúde e ficou com igual quantia relativa ao primeiro mês de trabalho, quando fez curso de capacitação.

TROCA

O ministério também informou que duas médicas cubanas que iriam trabalhar em Xexéu, na zona da mata, foram transferidas para o município de Lagoa do Ouro, no agreste pernambucano. A prefeitura de Xexéu informou não ter condição de abrigar as profissionais, como previsto no programa. Lagoa do Ouro, que seria contemplado em uma etapa seguinte, se ofereceu para recebê-las.

Pernambuco tem 46 médicos do programa. O Ministério da Saúde solicitou o registro provisório de 43 deles. Trinta e nove foram concedidos e quatro estão com pendências de documentação.

José Machado

José da Silva Machado. Natural de Duque Bacelar - Maranhão, onde nasceu em 14 de junho de l957. Graduado em Comunicação Social, pela Universidade Federal do Maranhão, especialização Jornalismo. Foi repórter, editor e secretário de Redação nos jornais Pequeno, O Imparcial e Diário do Norte, em São Luís. Também foi diretor de Telejornalismo na TV Difusora (Rede Globo), no período 1985/198). Exerceu o cargo de Secretário de Estado de Imprensa e Divulgação do Governo do Estado (2006-2007). É poeta e escritor, tem lançado o livro "As Quatro Estações do Homem" e conclui o livro; "Os vinte contos de réis". Pai de 5 filhos e 1 neto.

Deixe uma resposta