Astrônomos encontram planeta parecido com a Terra e que pode ser habitável
Reprodução/Twitter Com característica semelhantes à Terra e a Vênus, o planeta Kepler-1649 orbita estrela anã e pode ser habitável

Astrônomos encontram planeta parecido com a Terra e que pode ser habitável

Reprodução/Twitter
Com característica semelhantes à Terra e a Vênus, o planeta Kepler-1649 orbita estrela anã e pode ser habitável

Por mais que a Terra e Vênus tenham evoluído para ter tamanho e densidade semelhantes, ainda não é claro quais fatores levaram à dramática divergência das características de suas atmosferas.

De acordo com a cientista do Instituto SETI, Isabel Angelo, o estudo de planetas semelhantes ao Kepler-1649 está “se tornando cada vez mais importante para entender os limites da zona habitável de estrelas anãs M”.

“Existem vários fatores, como variabilidade das estrelas e efeito de marés, que fazem com que esses planetas sejam diferentes de planetas de tamanho terrestre ao redor de estrelas parecidas com o sol”, disse Isabel em entrevista ao jornal britânico  Daily Mail .

Irmãs distantes

Dizem que Vênus é irmã da Terra, mas em muitos sentidos, não são irmãs próximas. Apesar de terem o mesmo tamanho e Vênus estar apenas 40% mais próxima do sol, a atmosfera e temperatura da superfície do planeta são completamente diferentes dos nossos.

Cientista integrante da equipe que encontrou o Kepler-1649, Elisa Quintana acredita que enquanto estamos preocupados demais procurando planetas com características semelhantes às terrestres, é igualmente importante encontrar análogos a Vênus.

“Como novos telescópios vão nos permitir sondar atmosferas, focar em análogos à Terra e a Vênus pode nos ajudar a decifrar por que, em nosso sistema solar, em um planeta temos vida e no outro não, apesar de terem massa e densidade parecidos, entre outras características”.

José Machado

José da Silva Machado. Natural de Duque Bacelar - Maranhão, onde nasceu em 14 de junho de l957. Graduado em Comunicação Social, pela Universidade Federal do Maranhão, especialização Jornalismo. Foi repórter, editor e secretário de Redação nos jornais Pequeno, O Imparcial e Diário do Norte, em São Luís. Também foi diretor de Telejornalismo na TV Difusora (Rede Globo), no período 1985/198). Exerceu o cargo de Secretário de Estado de Imprensa e Divulgação do Governo do Estado (2006-2007). É poeta e escritor, tem lançado o livro "As Quatro Estações do Homem" e conclui o livro; "Os vinte contos de réis". Pai de 5 filhos e 1 neto.

Deixe uma resposta