Aposentadoria de José Sarney custou R$ 65 milhões aos cofres do MA
O senador Sarney e os proventos aposentatórios

Aposentadoria de José Sarney custou R$ 65 milhões aos cofres do MA

Levantamento feito por economistas a pedido do blog mostra que, desde 1970, a aposentadoria especial paga ao senador amapaense José Sarney (PMDB) desfalcou os cofres públicos estaduais em 65 milhões de reais.

Além do salário de senador e da aposentadoria irregular como ex-diretor do Tribunal de Justiça, o oligarca recebe mensalmente R$ 26.589,68 a título de pensão vitalícia, por ter ocupado o Palácio dos Leões no final da década de sessenta.

De acordo com o jornal O Globo, apesar de ostentar os piores índices sociais do país, o Maranhão é o segundo estado que mais gasta com a regalia paga a ex-mandatários e ex-primeiras-damas.

Atualmente, sete ex-governadores recebem a pensão regularmente: José Sarney, Roseana Sarney (PMDB) Edison Lobão (PMDB), João Castelo (PSDB), José Reinaldo Tavares (PSB), Epitácio Cafeteira (PTB) e João Alberto (PMDB).

Numa clara manobra para beneficiar a antecessora, o governador-tampão Arnaldo Melo (PMDB) também ampliou de três para cinco o número de militares e servidores comissionados a serviço dos ex-governantes nos quatro anos subsequentes ao mandato.

Do Blog  Marrapá

O senador Sarney e os proventos aposentatórios

José Machado

José da Silva Machado. Natural de Duque Bacelar - Maranhão, onde nasceu em 14 de junho de l957. Graduado em Comunicação Social, pela Universidade Federal do Maranhão, especialização Jornalismo. Foi repórter, editor e secretário de Redação nos jornais Pequeno, O Imparcial e Diário do Norte, em São Luís. Também foi diretor de Telejornalismo na TV Difusora (Rede Globo), no período 1985/198). Exerceu o cargo de Secretário de Estado de Imprensa e Divulgação do Governo do Estado (2006-2007). É poeta e escritor, tem lançado o livro "As Quatro Estações do Homem" e conclui o livro; "Os vinte contos de réis". Pai de 5 filhos e 1 neto.

Deixe uma resposta