Roberto Rocha pede comissão permanente no Senado para discutir segurança e narcotráfico

Roberto Rocha pede comissão permanente no Senado para discutir segurança e narcotráfico

O senador Roberto Rocha (PSB-MA) defendeu esta semana, em entrevista à Radio Senado, a criação de uma comissão permanente para discutir segurança pública e combate ao tráfico de drogas. “O Senado não pode ficar alheio a essa discussão”, afirmou. Roberto Rocha explicou que o assunto é um dos que mais preocupam a população e, portanto, precisa encontrar espaço para o debate no Senado, casa parlamentar que representa os estados, principais responsáveis pela segurança pública.

A nova comissão irá abordar de maneira mais detalhada temas como segurança pública, direito penal, sistema penitenciário e políticas antidrogas. Atualmente, o assunto é tratado pela Comissão de Constituição e Justiça e existe uma Subcomissão de Segurança, ligada à CCJ, que nunca foi instalada.

Na opinião do senador, além da dificuldade de quórum, a subcomissão não é o melhor espaço para discussão, pois todos os projetos e audiências precisariam ser aprovados novamente pela CCJ. “O que defendo é uma proposta simples para algo que deveria estar existindo no Senado desde sempre, porque tem mais mobilidade, tem mais estrutura, mais apoio, inclusive financeiro, para viajar para as diversas regiões do Brasil para discutir com governadores, com entidades, com a sociedade”, explicou Roberto Rocha.

O senador também lembrou que a Comissão de Assuntos Sociais é a única na Casa que cuida da questão das drogas, no entanto, apenas no que diz respeito ao usuário, que é um problema de saúde. “Não há comissão permanente com relação ao traficante, um problema de segurança”, argumentou.

José Machado

José da Silva Machado. Natural de Duque Bacelar - Maranhão, onde nasceu em 14 de junho de l957. Graduado em Comunicação Social, pela Universidade Federal do Maranhão, especialização Jornalismo. Foi repórter, editor e secretário de Redação nos jornais Pequeno, O Imparcial e Diário do Norte, em São Luís. Também foi diretor de Telejornalismo na TV Difusora (Rede Globo), no período 1985/198). Exerceu o cargo de Secretário de Estado de Imprensa e Divulgação do Governo do Estado (2006-2007). É poeta e escritor, tem lançado o livro "As Quatro Estações do Homem" e conclui o livro; "Os vinte contos de réis". Pai de 5 filhos e 1 neto.

Deixe uma resposta