Blog do Machado

contato@blogdomachado.com.br

29 de novembro de 2016 - 12:24:30

Sem comentários

Acidente com Chapecoense: jogador de São Luís e ex-atleta do Sampaio estavam no avião

Ananias era titular do time da Chapecoense (Foto: Cleberson Silva/Chapecoense)

Segundo autoridades colombianas, há de 75 mortos e 6 sobreviventes. Avião decolou de Santa Cruz de la Sierra (Bolívia) com destino a Medellín.

O avião que transportava a delegação da Chapecoense para Medellín, na Colômbia, sofreu um acidente na madrugada desta terça-feira (29). Segundo autoridades colombianas, há mais de 70 mortos e seis sobreviventes. O avião da LaMia, matrícula CP2933, decolou de Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia, com destino a Medellín.
Segundo as autoridades colombianas, a aeronave levaria 81 pessoas a bordo: 72 passageiros e 9 tripulantes. No entanto a lista inclui três que não embarcaram e estão vivos. Não há confirmação se outras pessoas embarcaram no lugar deles.

A polícia colombiana confirmou que 76 pessoas que estavam a bordo do avião que levava o time da Chapecoense morreram no acidente ocorrido nesta madrugada (29).

Os únicos sobreviventes do voo foram os jogadores Alan Ruschel, Danilo, Jakson Follmann e Neto; a aeromoça Ximena Suárez e o jornalista Rafael Henzel.

Dezenove jogadores da Chapecoense, a comissão técnica encabeçada por Caio Júnior, dirigentes do clube, o presidente da federação catarinense (Delfim Peixoto), jornalistas de Fox Sports (dentre eles o ex-meia Mario Sérgio) e da Rede Globo faleceram na queda.

A delegação incluía o atacante Ananias, maranhense de São Luís, e um ex-atleta do Samapio Correa que ajudou o time a se manter na série B

Leia mais...

23 de novembro de 2016 - 13:54:08

Sem comentários

‘Quando cheguei, vi o que era ser negra no Brasil’, diz imigrante

Negra Ferreira

Formada em Letras, a africana de Guiné-Bissau Nádia Ferreira, de 37 anos, conta que cresceu sem pensar sobre a questão racial.

“Lá eu era uma menina como qualquer outra. Foi no Brasil que a questão da raça despertou em mim. Descobri isso na pele, mas foi bom porque isso só me fortaleceu.”

Neste 20 de novembro, Dia da Consciência Negra, data que evoca a memória do líder negro Zumbi dos Palmares (1655-1695), a BBC Brasil apresenta a visão de imigrantes de países majoritariamente negros sobre identidade racial e preconceito no Brasil.
Ferreira, há 15 anos no Brasil, afirma que a sensação de “estar no lugar errado” – e a posterior “tomada de consciência” – surgiu quando cursava a faculdade na USP (Universidade de São Paulo).

“Eu me sentava ao lado de alguém e a pessoa mudava de lugar. Numa sala com 200 alunos, só dois eram negros. Mas foi lá também onde conheci o grupo de consciência negra”, diz ela, que criou o coletivo Iada Africa (Mãe África) para discutir questões de raça.

A guineense foi estudar no Brasil por incentivo do pai, que acreditava que haveria menos preconceito no país. “Ele falava que as pessoas aqui já estavam acostumadas com os negros, mas quando conto que há racismo ele não acredita até hoje.”

Ela enumera episódios em que diz ter sido alvo de preconceito no país – já foi barrada na porta de um banco mesmo tendo guardado a mochila, por exemplo, e teve que esperar do lado de fora de uma sala onde iria fazer uma entrevista de emprego enquanto outras candidatas, brancas, passavam.

“Não te agridem porque a lei não permite, mas você é olhado de um jeito que diz: aqui não é o seu lugar”, afirma.

Para Ferreira, o negro imigrante é alvo de duplo preconceito. “Quando você é negro brasileiro te olham como incapaz. O imigrante africano já é visto como exótico, mas carregamos o peso do estereótipo de que africanos são agressivos ou preguiçosos.”

Leia mais...

23 de novembro de 2016 - 13:41:46

Sem comentários

Lucas Porto é indiciado por crime triplamente qualificado, estupro e morte da cunhada Mariana

Segup Jefferson Portela

Mediante resultado da maior parte dos laudos, a polícia divulgou na manhã desta quarta-feira (23) em coletiva na sede da Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), o indiciamento do empresário Lucas Porto por homicídio triplamente qualificado e estupro da cunhada Mariana Costa, de 33 anos de idade.

Segundo a polícia, a perícia revelou lesões no corpo da vítima, resultantes de intensa luta corporal com o assassino. Inchaço na cabeça, manchas nas pernas, marcas de esganadura no pescoço e outras lesões de defesa foram os indícios encontrados.

De acordo com o secretário de segurança, Jefferson Portela, essas provas referendam a linha investigativa da polícia, levando a conclusão do inquérito policial. “Não houve dúvida sobre a autoria. Os laudos revelam que a senhora Mariana travou rigorosa luta contra Lucas, que foi indiciado por homicídio triplamente qualificado e estupro”, afirmou o secretário.

As investigações apontam que Mariana Costa foi surpreendida enquanto dormia e que após matar a cunhada, Lucas tentou eliminar vestígios na cena do crime. “Após o crime, ele gastou tempo arrumando a cama e os lençóis para dar ideia de normalidade à cena, para dar ideia de suicídio ou outro motivo”, relatou Portela.

Leia mais...

11 de novembro de 2016 - 13:09:36

Sem comentários

Pinto Itamaraty defende projeto que institui passe livre estudantil

PINTO ITAMARATY

O senador Pinto Itamaraty (PSDB-MA) defendeu nesta quinta-feira (10), em Plenário, a aprovação do projeto de lei (PLS 353/2016) que institui o passe livre estudantil e cria o fundo federal do passe livre. O senador é o relator do projeto na Comissão de Educação (CE).

Apresentado pelo senador Roberto Rocha (PSB-MA), atualmente licenciado, em parceria com a senadora Lídice da Mata (PSB-BA), o projeto deve beneficiar os alunos da rede pública e os bolsistas da rede privada de ensino fundamental e médio.

Pinto Itamaraty lembrou que o passe livre estudantil foi uma das bandeiras que ganharam evidência durante as manifestações de 2013. Segundo ele, o projeto vai ajudar a evitar a evasão escolar.

- Entendo que é o momento de fortalecer a educação e se fortalece a educação a partir das condições que se oferece para a classe estudantil – afirmou.

Leia mais...

09 de novembro de 2016 - 10:34:23

Sem comentários

O triunfo inesperado de Donald Trump: quem é o presidente eleito dos EUA

Donald Trump

Em uma noite tensa, cheia de surpresas e reviravoltas, o bilionário Donald Trump, que concorreu pela primeira vez na vida um cargo público, foi eleito presidente dos Estados Unidos.

O republicano venceu ao garantir um total de ao menos 278 delegados no Colégio Eleitoral, dos 270 votos necessários. Trump foi vencedor da batalha nos principais Estados-pêndulo – aqueles cujo resultado era imprevisível, como Carolina do Norte, Ohio, Flórida e Pensilvânia.

Ao longo da apuração, enquanto Trump e sua família postavam fotos e mensagens eufóricas em seus perfis em redes sociais, o planeta assistia a pesquisas eleitorais que previam vitória da rival democrata Hillary Clinton caírem por terra, uma a uma.

O presidente eleito dos Estados Unidos é parte da elite, mas ainda visto como um “outsider”. Ele tem bilhões de dólares, é dono de imóveis por toda Nova York e financiou a própria campanha, mas ainda assim é popular entre os trabalhadores de baixa renda.

Muitos americanos veem Donald Trump como um sopro de ar fresco; outros, como uma perigosa ameaça à segurança global. Mas como um jovem vindo dos subúrbios de Nova York se transforma em um magnata do ramo imobiliário e depois em presidente da maior potência do planeta?

Confira alguns dos pontos marcantes da trajetória de Trump – da infância à conquista da presidência dos Estados Unidos…

Leia mais...



©2012 José Machado - Web Design MP Marketing e Promoção