Blog do Machado

contato@blogdomachado.com.br

26 de setembro de 2016 - 14:18:00

Sem comentários

Em Imperatriz, mesmo com formato engessado, debate da Mirante mostra Rosângela Curado bem melhor

Com um formato engessado e horário injusto, o debate promovido pela TV Mirante de Imperatriz na noite do domingo (25) impediu o esperado confronto direto entre os candidatos Ildon Marques (PSB) e Rosângela Curado (PDT), favoritos na disputa pela Prefeitura de Imperatriz. Ribinha Cunha (PSC) e Assis Ramos (PMDB) tiveram participação dispensável no programa.

O debate teve quatro blocos, mas apenas um deles foi destinado à troca de perguntas livres entre os candidatos a prefeito. Os demais foram temáticos, sem o confronto de ideias esperado pelo eleitor. O último foi dedicado às considerações finais.

Contrariando as expectativas de todos, Ildon compareceu. Caricato e nitidamente fragilizado, buscou defender o legado de três gestões à frente do município. O nervosismo e o seu desconforto ficaram evidentes. Por várias vezes recorreu a um calhamaço de papéis para responder às perguntas, mas não fugiu de alfinetar o delegado Assis Ramos ao apertá-lo subjetivamente sobre estupro e pena de morte, por exemplo. O peemedebista se fez de desentendido.

Ramos recorreu ao discurso genérico de honestidade e moralidade que não combina com um candidato apoiado pelo clã Sarney. Questionado sobre saúde, educação, transparência ou cultura, a resposta era sempre a mesma: “vamos combater a corrupção”. Orientado por marqueteiros, tentou atenuar a virulência que lhe é peculiar, mas não conseguiu. No ponto alto de sua participação, chegou a insinuar que Ildon Marques seria corrupto e ficha suja. Só faltou dar voz de prisão ao dono do grupo Liliani.
A julgar pelo calor das redes sociais, o desempenho de Rosângela Curado foi o melhor do debate. Favorita, respondeu com segurança e tranquilidade aos questionamentos sobre saúde, educação infantil e esporte. Era nítido o esforço dos adversários para isolá-la. A pedetista, no entanto, encontrou o tom, transmitiu a credibilidade e o preparo esperado pelo eleitor, o que deve influenciar no seu desempenho junto ao eleitorado indeciso.

Leia mais...

16 de setembro de 2016 - 19:52:24

Sem comentários

Data M: Edivaldo atinge mais de 50% e seria eleito no primeiro turno, se a eleição fosse hoje

O prefeito Edivaldo Holanda Junior, candidato à reeleição pelo PDT, continua liderando com folga a corrida para a disputa da Prefeitura de São Luís, segundo nova pesquisa divulgada nesta sexta-feira (16), pelo Instituto Data M.

De acordo com o placar das intenções de voto, o candidato pedetista mantém a vantagem de mais de 14 pontos sobre Wellington do Curso (PP), atualmente seu principal adversário.

Na pesquisa estimulada, onde são apresentados os nomes dos candidatos ao eleitor, Edivaldo está com 40,7% de intenções de voto, Wellington do Curso com 25,8%, Eliziane Gama (PPS) com 7,8%, Fábio Câmara (PMDB) com 3,0%, Eduardo Braide (PMN) com 2,2%, Rose Sales (PMB) com 1,5%, Cláudia Durans (PSTU) com 1,4%, Zé Luis Lago (PPL) com 0,5% e Valdeny Barros (PSOL) não pontuou. 11,5% disseram que não votariam em nenhum dos candidatos e 5,6% não sabem ou não responderam.

Leia mais...



©2012 José Machado - Web Design MP Marketing e Promoção