Blog do Machado

contato@blogdomachado.com.br

17 de janeiro de 2018 - 12:16:37

Sem comentários

Compartilhe:

    BC cobra corte de juros estratosféricos do cheque especial

    Bancos terão de entregar uma proposta, com novas regras, ao Banco Central; expectativa é de que haja mudança no prazo da operação

    Pressionados pelo governo, os bancos assumiram o compromisso de adotar novas regras para o cheque especial com objetivo de reduzir os juros aos clientes. A iniciativa foi revelada, ontem, dia 16, pelo presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn, em entrevista ao Estadão/Broadcast. A ideia é que essa modalidade seja usada por um tempo limite, para evitar que a dívida vire uma bola de neve.

    “O cheque especial é um instrumento que tem de ser estudado e a Federação Brasileira dos Bancos (Febraban) está avaliando mudanças”, disse Ilan. “A gente está de olho e, às vezes, é bom que o BC não precise editar norma nenhuma e deixe o sistema fazer”, disse. No entanto, segundo ele, se a iniciativa não avançar, o BC adotará medidas para reduzir as taxas.

    No ano passado, o governo já havia determinado mudanças nas regras do rotativo do cartão de crédito para evitar o aumento da dívida. Com a mudança, o consumidor só pode fazer o pagamento mínimo de 15% do cartão por um mês. Na fatura seguinte, o banco não pode mais rodar a dívida. Ou o cliente paga o valor total ou precisa parcelar a dívida em outra linha de crédito. Ou seja, a dívida só pode “rodar” uma vez. A restrição foi criada para coibir o uso do rotativo e obrigar os bancos a oferecerem uma solução de parcelamento para o cartão com juros mais baixos.

    Leia mais...

    16 de janeiro de 2018 - 22:53:43

    Sem comentários

    Compartilhe:

      Lula ataca presidente do TRF-4 e diz que Sérgio Moro deve ser exonerado

      No Rio, ex-presidente participa de encontro com artistas e intelectuais

      Com artistas, intelectuais e militantes de esquerda, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva participou nesta terça-feira de um encontro no teatro Oi Casa Grande, no Leblon, e atacou o presidente do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), Carlos Eduardo Thompson Flores. Na semana que vem, a corte vai julgar o recurso da defesa de Lula contra a condenação no caso do tríplex do Guarujá.

      — Não vou falar mal dos juízes de Porto Alegre porque não os conheço. Acho estranho o presidente do tribunal não ter lido a sentença e ter falado que era irretocável. Estranhei um cara (desembargador) ler não sei quantas mil páginas em poucos dias, mas, como tem leitura dinâmica, pode ser. O que me chamou atenção foi que esse cidadão vai a Brasília pedir proteção da Suprema Corte, no Temer, no Etchegoyen, sem dizer quem está ameaçando. Esse cidadão é bisneto do general Thompson Flores, que invadiu Canudos e matou Antônio Conselheiro. É da mesma linhagem. Quem sabe esteja me vendo como cidadão de Canudos — provocou.

      Lula sugeriu ainda que o juiz Sergio Moro, que o condenou, deveria ser exonerado, pelo “bem do serviço público”.Com artistas, intelectuais e militantes de esquerda, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva participou nesta terça-feira de um encontro no teatro Oi Casa Grande, no Leblon, e atacou o presidente do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), Carlos Eduardo Thompson Flores. Na semana que vem, a corte vai julgar o recurso da defesa de Lula contra a condenação no caso do tríplex do Guarujá.

      — Não vou falar mal dos juízes de Porto Alegre porque não os conheço. Acho estranho o presidente do tribunal não ter lido a sentença e ter falado que era irretocável. Estranhei um cara (desembargador) ler não sei quantas mil páginas em poucos dias, mas, como tem leitura dinâmica, pode ser. O que me chamou atenção foi que esse cidadão vai a Brasília pedir proteção da Suprema Corte, no Temer, no Etchegoyen, sem dizer quem está ameaçando. Esse cidadão é bisneto do general Thompson Flores, que invadiu Canudos e matou Antônio Conselheiro. É da mesma linhagem. Quem sabe esteja me vendo como cidadão de Canudos — provocou.

      Lula sugeriu ainda que o juiz Sergio Moro, que o condenou, deveria ser exonerado, pelo “bem do serviço público”.

      Leia mais...

      16 de janeiro de 2018 - 20:54:28

      Sem comentários

      Compartilhe:

        MPF pede 386 anos de prisão para Eduardo Cunha e 78 anos para Henrique Eduardo Alves

        Ex-presidentes da Câmara foram denunciados por desvios no FI-FGTS

        O Ministério Público Federal em Brasília (MPF-DF) pediu que os ex-presidentes da Câmara Eduardo Cunha e Henrique Eduardo Alves, ambos do PMDB, sejam condenados, respectivamente, a 386 anos e 78 anos de prisão. O MPF apresentou à 10ª Vara Federal de Brasília, nesta terça-feira, as alegações finais na ação penal derivada da Operação Sépsis, que investiga desvios no Fundo de Investimentos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FI-FGTS).

        O MPF pediu ainda que Cunha, acusado de corrupção ativa, corrupção passiva, lavagem de dinheiro e prevaricação, pague uma multa de R$ 13,7 milhões; e que Alves, denunciado por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, pague R$ 3,2 milhões.

        Os procuradores afirmam que os dois são “criminosos em série”, com “personalidades voltadas para o crime”, que fizeram “da política e da vida pública um caminho para a vida delituosa”.

        “A República, em grande extensão, foi vítima dos delitos praticados pelos mencionados acusados, sofrendo um prejuízo moral incalculável. A reprovabilidade de suas condutas, portanto, é absoluta, máxima”, diz o texto.

        Também são réus no processo o operador Lúcio Bolonha Funaro, o ex-vice-presidente da Caixa Fábio Cleto e o empresário Alexandre Margotto. Como os três fecharam acordos de delação premiada, o MPF ressaltou que os acordos estabelecem penas máximas: 30 anos para Funaro, 10 anos para Cleto e nove anos para Margotto.

        Leia mais...

        14 de janeiro de 2018 - 21:08:25

        Sem comentários

        Compartilhe:

          A semana em que as primeiras pedras atingiram a vidraça de Jair Bolsonaro

          Pré-candidato à presidência é criticado por patrimônio e diz que usava imóvel em Brasília para sexo. Não bastasse, vê seu futuro partido se deparar com debandada de filiados.

          O presidenciável e deputado federal Jair Bolsonaro ainda nem assinou sua ficha de filiação ao Partido Social Liberal (PSL) e já traz três problemas para a sua futura legenda. O primeiro é o de conter a debandada de filiados. Um grupo que representava 12 dos 27 diretórios estaduais e 200 comissões municipais, além da Secretaria de Comunicação da legenda, anunciou a sua desfiliação. O segundo, o de explicar sua evolução patrimonial (e de seus três filhos parlamentares) no período em que passaram a ocupar cargos públicos. O caso foi denunciado em 23 reportagens, compartilhadas nas redes sociais por ao menos 470.000 pessoas, conforme o Monitor do Debate Político no Meio Digital. O terceiro é o de fazer a Executiva Nacional do PSL explicar um notório contrassenso: como é possível driblar o artigo 3º de seu estatuto, que expressa que o partido se considera um “forte defensor dos direitos humanos e das liberdades civis” enquanto aceita em seus quadros uma pessoa que elogia torturadores da ditadura militar e ataca a imprensa.

          Conhecido como um partido de aluguel, com menos de dez segundos de tempo de TV, que recebe 5,3 milhões de reais do fundo partidário e só consegue eleger um deputado a cada eleição, o PSL passava por um processo de renovação. Nos últimos dois anos juntou em seus quadros milhares de novos filiados, que se definem como liberais nos costumes e na economia, para poder renovar o partido. Boa parte deles dissidentes do Movimento Brasil Livre (MBL). Outros, despertaram para a política após os protestos de junho de 2013. Se autodenominaram Livres. A maioria, agora, se desliga do PSL por entender que a chegada de Bolsonaro “é inteiramente incompatível com o projeto do Livres de construir no Brasil uma força partidária moderna, transparente e limpa”. A afirmação foi feita por meio de um comunicado conjunto dos participantes do grupo.

          “O Bolsonaro representa a submissão do PSL a um projeto político personalista e o fim de um projeto de renovação”, declarou o cientista político Fábio Ostermann, membro do Conselho Nacional do Livres e candidato derrotado à prefeitura de Porto Alegre em 2016.

          Leia mais...

          14 de janeiro de 2018 - 20:45:14

          Sem comentários

          Compartilhe:

            Extraterrestres – Um século de buscas, sem êxito, por alienígenas

            Desde a invenção do rádio, pensou-se em usá-lo para encontrar alguma inteligência extraterrestre. Essa busca obteve recentemente importante estímulo econômico

            Fazer contato com extraterrestres foi um dos usos propostos pelos criadores dos primeiros sistemas de envio de informação a distância sem fios. No começo do século XX, Guglielmo Marconi, um dos inventores do rádio, acreditava que essa tecnologia poderia ser empregada para se comunicar com os habitantes de Marte e receber seus sinais. Em agosto de 1924, o Governo dos EUA declarou um dia nacional de silêncio radiofônico para poder buscar esse tipo de sinal e pediu à população que apagasse seus aparelhos durante cinco minutos a cada hora durante 36 horas. O objetivo era evitar interferências que escondessem possíveis mensagens marcianas — que nunca chegaram.

            Desde aquelas primeiras tentativas de buscas por alguma inteligência extraterrestre, nossa visão do espaço mudou bastante. As sondas que fotografaram Marte a partir de sua órbita e aterrissaram em sua superfície mostram um deserto gélido sem sinal de civilização. Expedições semelhantes por todo o Sistema Solar e décadas de detecções de todo tipo de sinal eletromagnético sugerem que, a não ser que sejam muito discretos, não existem alienígenas com sistemas de telecomunicações em nossa vizinhança.

            A exploração científica também demonstrou que as possibilidades de haver mundos habitados são quase ilimitadas. Estima-se que somente na nossa galáxia existam cerca de 200 bilhões de estrelas e que há em todo o universo um número semelhante a esse de galáxias. São muitas as chances de que, em um cosmos com as mesmas regras físicas, a inteligência se forje, como aconteceu na Terra.

            Um século depois das primeiras tentativas de fazer contato com outros seres vivos inteligentes, a busca continua e recebeu recentemente um grande empurrão. Financiado pelo magnata russo Yuri Milner, o projeto Breakthrough Listen, que apresentou seus primeiros resultados no ano passado, proporcionará 100 milhões de dólares e milhares de horas de uso de telescópios para ouvir os alienígenas.

            Leia mais...

            10 de janeiro de 2018 - 20:30:30

            Sem comentários

            Compartilhe:

              Prorrogadas para até o dia 22 as inscrições para o concurso público da Saúde Estadual

              A Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (Emserh) publicou nesta terça-feira (9) o edital de prorrogação das inscrições para o concurso público que vai preencher mil vagas para a rede de saúde nas áreas médica, assistencial e administrativa. Agora, os candidatos interessados poderão fazer a inscrição até as 14h (horário oficial de Brasília) do dia 22 de janeiro. O formulário on-line está disponível no site do Instituto AOCP (www.institutoaocp.org.br), organizadora do concurso.

              “A Emserh prorrogou o prazo do concurso para dar mais oportunidades às pessoas. Com o período de final de ano e férias, muitos perderam o foco. O que estamos pedindo é que os interessados fiquem atentos ao horário e dia final de inscrição e pagamento do boleto bancário, pois tudo é feito com base no horário de Brasília, e dessa forma não percam essa nova oportunidade”, aconselhou o presidente da Emserh, Vanderley Ramos dos Santos.

              A taxa é de R$ 80 para nível médio e técnico e R$ 120 para nível superior. Com a mudança, o boleto bancário referente à inscrição deverá ser pago até o seu vencimento, na data de 22 de janeiro. De acordo com o edital, em nenhuma hipótese, o Instituto AOCP processará qualquer registro de pagamento com data posterior. O local, a sala e o horário de realização das provas serão divulgados no endereço eletrônico www.institutoaocp.org.br na data provável de 26 deste mês.

              O edital publicado nesta terça-feira (9) manteve o prazo para envio do laudo médico, conforme disposto no subitem 5.6 do Edital de Abertura, até o dia 22 deste mês. O documento é obrigatório àqueles que vão concorrer às vagas reservadas, bem como para solicitação de atendimento diferenciado durante a prova.

              Leia mais...

              10 de janeiro de 2018 - 20:08:22

              Sem comentários

              Compartilhe:

                Ronco durante o sono – a cura em cinco passos

                Foi-se o tempo em que roncar era considerado apenas curioso, engraçado ou desagradável para quem dormisse por perto. Se por um lado sabemos que por trás do ronco pode haver uma doença potencialmente fatal (apneia do sono), por outro temos atualmente condições de levar a quase todos a cura do ronco. Veja como.

                CONTINUE LENDO. Acesse LEIA MAIS…

                Leia mais...

                10 de janeiro de 2018 - 19:44:41

                Sem comentários

                Compartilhe:

                  Dormir com alguém que ronca: genuína prova de amor…

                  Ruth Manus*
                  – Retratos e relatos do cotidiano

                  Existem, sem sombra de dúvida, milhares de formas de demonstrar amor por alguém. Levar café da manhã na cama, ajudar o outro a fazer a declaração de imposto de renda, dividir um sanduíche de mortadela, escrever longas e bonitas cartas, aguentar coisas na família do outro que, por vezes, nem na sua você aguentaria. Sim, há muitas formas de demonstrar amor.

                  Mas existe uma prova de amor que, segundo estudos das melhores universidades, está entre as maiores do mundo: dormir ao lado de alguém que ronca. Pessoas que não fazem suas malas e vão embora apesar do ronco do outro têm um grau elevadíssimo de altruísmo e de compreensão, assemelhando-se, em alguns aspectos, à Madre Teresa de Calcutá ou ao Gandhi.

                  As pessoas que roncam podem ser classificadas em algumas espécies: as que negam que roncam, as que quase admitem que roncam, as que roncam muito mas só admitem que roncam um pouquinho e, por fim, as que roncam tanto que nem tem qualquer condição de negar que parecem britadeiras noturnas assombrando a vizinhança.

                  Hoje em dia, com o auxílio da tecnologia, ficou muito mais fácil provar ao roncador o tamanho do incômodo que ele gera àqueles que o cercam. Através da gravação de vídeos e de áudios fica comprovado o ato, de uma vez por todas, evitando respostas evasivas como “ela diz que eu ronco, mas eu nunca ronquei na vida, não é possível, ela deve sonhar com isso”.

                  E, acerca do ronco em sim, há diferentes tipos de volume. Aquele ronquinho que atrapalha o sono de quem dorme ao lado, mas não chega a acordá-lo; aquele ronco médio que acorda o companheiro, mas que permite que ele adormeça de novo e, por fim, o ronco de animais suínos, que faz um barulho insuportável, sendo resistente a portas fechadas, travesseiros na orelha e tampões de ouvido.

                  Também temos diversos comportamentos noturnos dos roncadores. Aqueles que se assustam com o próprio ronco e acordam gritando coisas como “ESSVIZGRL MONGS DA AERONAVE EU TAVA RONCANDO??!!”. Outros que roncam horrores mas são carinhosos e vão abraçando a outra pessoa até que consigam roncar exatamente em cima da orelha dela, num misto de afeto e tortura. Outros, nada dóceis, que, ao roncar, recebem do companheiro um toquinho na barriga como tentativa de reduzir o ruído ou de fazê-los virar, e, o roncador, achando que era um carinho, responde grunhidos como “sai”, “me deixa dormir” ou “pára com isso”.

                  Seja qual for a espécie: os roncadores assumidos ou não assumidos, de volume alto ou baixo, fofinhos ou ásperos, dormir ao lado deles nunca será uma tarefa fácil. E alguém que decida, no pleno exercício da sua liberdade, ter noites turbulentas dia após dia, pela simples vontade de dormir ao lado de quem se ama, é alguém digno de algum louvor.

                  Trata-se, de fato, de uma genuína e intensa prova de amor. Valorizem-nos, pessoas que roncam, valorizem-nos porque não está sendo fácil.

                  Leia mais...

                  09 de janeiro de 2018 - 23:26:03

                  Sem comentários

                  Compartilhe:

                    Preço da gasolina sobe em 21 estados e no DF na 1ª semana do ano

                    Apenas em cinco estados brasileiros houve recuo nos preços médios do combustível de petróleo; na média nacional, houve alta nos postos de 0,24%, de R$ 4,099 para R$ 4,151 o litro ante a semana final de 2017

                    O valor médio da gasolina vendido nos postos brasileiros subiu em 21 estados brasileiros e no Distrito Federal na semana inicial de 2018, segundo dados da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), compilados pelo AE-Taxas. Apenas em cinco estados brasileiros houve recuo nos preços médios do combustível de petróleo.

                    Na média nacional, houve alta nos postos de 0,24%, de R$ 4,099 para R$ 4,151 o litro ante a semana final de 2017.

                    O etanol, combustível feito a partir da cana, tem poder calorífico menor que o da gasolina, derivada do petróleo. Foto: Epitácio Pessoa/Estadão

                    Parte inferior do formulário

                    Em São Paulo, maior consumidor do País e com mais postos pesquisados, o litro da gasolina subiu 0,76% na semana passada, de R$ 3,945 para R$ 3,975, em média.

                    No Rio de Janeiro, o combustível saiu de R$ 4,548 para R$ 4,657, em média, alta de 2,40%. Em Minas Gerais houve alta média no preço gasolina de 3,27%, de R$ 4,188 para R$ 4,325 o litro.

                    Etanol. Os valores médios do etanol hidratado seguem vantajosos sobre os da gasolina apenas em postos dos estados de Mato Grosso e Goiás, ainda de acordo com dados da ANP.

                    O levantamento considera que o combustível de cana, com menor poder calorífico, precisa ter preço limite de 70% do derivado de petróleo nos postos para ser considerado vantajoso.

                    Em Mato Grosso, onde o etanol é o mais competitivo, o biocombustível é vendido em média por 59,91% do preço da gasolina. Em Goiás e paridade está em 66,58%. Em Minas Gerais o etanol vale, em média, 70,50% do preço da gasolina, bem próximo do limite de paridade com o combustível de petróleo. Em São Paulo, a paridade está em 71,09%.

                    A gasolina é mais vantajosa no Amapá. Naquele estado, o preço do etanol atinge 93,70% do cobrado em média pela gasolina.

                    Leia mais...

                    09 de janeiro de 2018 - 23:02:00

                    Sem comentários

                    Compartilhe:

                      Vetado por Sarney para ministério, Pedro Fernandes renuncia à vice-liderança do governo na Câmara

                      Parlamentar do PTB havia sido indicado pelo partido para assumir comando do Ministério do Trabalho. Ao pedir para deixar a função, Fernandes alegou que quer ‘evitar embaraços’ a Temer.

                      Após ser barrado para o comando do Ministério do Trabalho, o deputado Pedro Fernandes (PTB-MA) pediu nesta terça-feira (9) para deixar de ocupar o posto de vice-líder do governo na Câmara.

                      O parlamentar maranhense foi indicado pelo PTB para assumir o Ministério do Trabalho, mas afirmou que teve o seu nome vetado pelo ex-presidente José Sarney, um dos políticos mais influentes do PMDB e do Maranhão, base eleitoral de Pedro Fernandes.

                      Em uma carta enviada ao líder do governo na Câmara, deputado Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), Fernandes pediu para ser destituído da função de vice-líder para, segundo ele, “evitar embaraços” para o presidente Michel Temer.

                      “Diante das circunstâncias e para evitar embaraços do sr. presidente Michel Temer com o sr. ex-presidente José Sarney, notifico meu desinteresse de continuar como vice-líder”, escreveu o deputado do PTB no pedido para se desincompatibilizar do posto.

                      Pedro Fernandes fez questão de ressaltar na carta que acompanhou “todas as orientações do governo nas votações em plenário e nas comissões permanentes e especiais”.

                      Ao G1, o deputado do PTB explicou que a solicitação para deixar a vice-liderança ainda depende de um ato formal do líder do governo na Câmara.

                      Embora ainda esteja à espera da confirmação do líder do governo, Pedro Fernandes afirmou que já se sente ex-vice-líder.

                      Leia mais...

                      Página 1 de 34212345678910203040Última »
                      
                      
                      ©2012 José Machado - Web Design MP Marketing e Promoção